Marduk: guitarrista tem pedaços do crânio de Dead

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Thiago Guedes, Fonte: Rockpages.gr, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

O zine virtual grego RockPages.gr publicou em maio de 2008 uma entrevista com Morgan Hakänsson, do MARDUK, onde o guitarrista confirma estar em posse de pedaços do crânio de Dead, falecido integrante do MAYHEM.

1328 acessosBlack Metal: em vídeo, dez riffs icônicos do gênero5000 acessosRock In Rio: Freddie Mercury desdenhou dos artistas brasileiros em 1985

Rockpages.gr: "Poderia dividir conosco algum relato sobre os rumores dando conta que você possui um colar com fragmentos do crânio de Dead [ex-integrante do MAYHEM, que se matou em abril de 1991]?

Morgan: "Isso não é rumor. Peguei os pedaços com Euronymous [companheiro de Dead no MAYHEM] uma semana depois que Dead se suicidou e, sim, eu ainda o tenho e sempre vou ter".

Rockpages.gr: Voltando ao inicio dos anos 90, Quorthon era venerado como um “Mestre Black Metal” e além do BATHORY, o MARDUK era a única banda sueca aprovada por toda a cena norueguesa... Ou não? Por que você acha que os noruegueses eram tão negativos perante o não-norueguês Black Metal?

Morgan: "Essa importância já foi discutida tantas vezes que já virou piada. Bandas como nós, ABRUPTION e DISSECTION tiveram muitos bons contatos com as bandas norueguesas mais antigas e dividimos um ideal e trabalhamos com todas as nossas forças para alcançar isso. Não acho que eles eram negativos com a maioria das bandas não norueguesas. Eu diria até que isso foi inventado pela mídia. A Suécia e, em especial, o BATHORY começou mais ou menos a cena de Black Metal escandinavo e a cena Viking Metal também".

Rockpages.gr: A maioria das bandas de Black Metal privam-se de tocar ao vivo e fazer turnês. MARDUK é uma das excessões. Você concorda com esse tipo de atitude Black Metal? Depois de todos esses anos, estar em turnê ainda é interessante e satisfatório?

Morgan: "Eu acredito que temos uma mensagem para espalhar e isso é o que fazemos de melhor diante das pessoas. Juntos nós criamos a 'Magia Black Metal'. Se outras bandas não quiserem tocar ao vivo, isso é problema deles. Eu realmente não me importo muito com o que os outros estão fazendo. Nós continuamos nossa marcha. Estamos nos sentindo mais fortes de corpo e alma e nos dedicando mais desde então".

Rockpages.gr: Ambos acreditamos que a performance ao vivo de Mortuus causa impacto e sua voz é mais gutural e carregada se comparada com a de Legion [Nota: novo e antigo vocalista, respectivamente]. Qual a reação dos fãs perante isso e você acredita que Mortuus tem conseguido levar o MARDUK para um patamar maior?

Morgan: "Foi muito bom essa troca de vocal. Trabalhar com Mortuus é, de longe, bem mais interessante do que os últimos anos com Legion. Mortuus tem uma personalidade fora de série e uma voz que é do além túmulo. A reação dos fãs tem sido impressionante".

Rockpages.gr: Infernus perdeu os direitos do logo e da marca registrada da própria banda. Agora Gaal e King Ov Hell são os “cabeças” do GORGOROTH. Como você vê todo o caso?

Morgan: "Qualquer que seja sua opinião sobre a música, Infernus ainda detém o nome. É óbvio que ele não começou a banda e era só o membro original remanescente. Mas como disse antes, essas coisas não são da minha conta".

Rockpages.gr: Marduk é uma grande parte da sua vida. Você consegue se imaginar se a banda deixar de existir?

Morgan: "Claro que consigo imaginar uma vida sem o MARDUK. Ainda há caminhos que eu quero seguir na minha vida. Mas a chama negra ainda está ardendo com força e eu ainda vou guiar a minha legião conhecida como MARDUK por muitos anos!!!"

Rockpages.gr: Toda vez que vocês lançam um álbum vocês fazem turnês intensivamente. Quais são os planos para quando a turnê do álbum “Rom 5:12” acabar?

Morgan: "Nós já fizemos 75 shows em cima do novo disco e muitos ainda virão. Nesse momento estamos nos preparando para uma turnê na América do Sul e selecionando aparições em alguns festivais. Nós podemos também passar pelos EUA antes de acabar o ciclo das turnês do 'Rom 5:12'. Depois disso nós vamos nos focar por completo no nosso 11° álbum. Já posso adiantar que temos muitas idéias e uma visão forte do disco que virá".

A entrevista completa (em inglês) está no link abaixo.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 04 de junho de 2014
Post de 25 de janeiro de 2017


1328 acessosBlack Metal: em vídeo, dez riffs icônicos do gênero0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Mayhem"

MetalMetal
Em vídeo, 10 bandas satanistas de fato

RockRock
Alguns dos discos mais raros (e caros) do mundo

CarnificinaCarnificina
Revista elege as letras mais repulsivas do Heavy Metal

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Marduk"0 acessosTodas as matérias sobre "Mayhem"


Rock In RioRock In Rio
Mercury desdenhou dos artistas brasileiros em 1985

MegadethMegadeth
Recadinho provocante da vocal do Huntress

SlipknotSlipknot
Corey Taylor já pagou fã para deixar plateia

5000 acessosCompridas: As músicas mais longas de grandes bandas5000 acessosVitão Bonesso: A imensa coleção do apresentador do Backstage5000 acessosRock: 25 fotos pra fazer você continuar acreditando na música5000 acessosIron Maiden: esperança e glória5000 acessosNightwish: Em que trabalhavam os membros antes da fama?5000 acessosBlack Sabbath: a capa rejeitada que foi parar no disco do Rainbow

Sobre Thiago Guedes

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Thiago Guedes no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online