Ademir Vieira: Dono de uma admirável coleção do Stratovarius

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ricardo Seelig
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Pictures Discs
Pictures Discs
CDs
CDs
CDs
CDs
CDs
CDs
CDs
CDs
CDs
CDs
CDs Shaped
CDs Shaped
DVDs
DVDs
Boxes
Boxes
Box Elements Pt. 2
Box Elements Pt. 2
Box Elements Pt. 2
Box Elements Pt. 2
Promos
Promos

Esta matéria foi publicada muitos anos atrás, está datada, e a coleção mostrada hoje deve ser bem diferente. Mas a matéria continua sendo uma curiosa cobertura sobre uma invejável coleção, e por isso a destacamos.

Uma edição da Collector's Room dedicada ao Stratovarius. Fazia tempo que eu queria produzir uma entrevista com um colecionador dessa banda finlandesa, que possui enorme popularidade em nosso país. A hora chegou! Bati um longo papo com Ademir Vieira, dono de uma admirável coleção do Stratovarius, conhecedor profundo do grupo, e que abriu o seu acervo pra gente. Essa edição da Collector's Room é dedicada a todos os fãs do Strato, esta grande banda de Heavy Metal que fez, e ainda faz, história.

Ademir, pra começar o nosso papo, eu queria que você se apresentasse aos nossos leitores.

Bom, meu nome é Ademir Vieira da Silva, tenho 29 anos e sou Líder de Projetos em Informática na empresa EDS do Brasil.

Como foi o seu primeiro contato com o rock?

Meu primeiríssimo contato com o rock foi em grande estilo. Minha mãe havia comprado um aparelho de som com toca-disco, um grande investimento em termos de entretenimento na época. Um colega dela estava mudando de cidade e decidiu vender seus vinis, minha mãe pediu para eu separar alguns discos e acabei pegando um clássico do Queen, o álbum "A Day At The Races".

Mais ou menos com que idade você percebeu que essa paixão não tinha cura, e que iria acompanhá-lo por toda a vida?

Eu deveria ter 17 anos. Em retrospecto acho que comecei mais tarde que a maioria. Quando tinha dezessete (em1994) a febre do Guns N'Roses abalava o mercado. Eu ouvia de tudo, mas não posso deixar de citar o álbum "Pulse", do Pink Floyd, que também foi lançado naquele ano, e que foi o primeiro item que considerei "de colecionador", com aquela capa metálica e o led piscando ... Coisa diferente na época, sem falar que CD ainda era uma novidade.

Você consegue dizer em que momento você se transformou de um fã normal de música em um colecionador?

Bom, começa sempre assim: você curte um som de uma banda, então quer ouvir outras coisas que eles gravaram, daí você compra outro CD (geralmente anterior ao CD que você escutou). Se você curte o CD anterior a coisa vai se repetindo. Depois do terceiro CD você vira fã incondicional, você consegue separar a banda em "fases", "estilos", você fica viciado em adquirir itens raros, versões demo de algumas músicas.

Qual o tamanho da sua coleção?

Minha coleção do Stratovarius possui exatos 55 itens entre CDs oficiais, singles, promos, shaped, especiais, DVDs, LPs, EPs e picture discs.

De quais grupos você possui mais material, e quais são as suas bandas favoritas?

Possuo muitas coisa relacionada ao Angra e ao Blind Guardian. Não é uma coleção tão completa quanto a do Strato, mas é, digamos, uma coleção respeitável e com alguns itens bem raros.

Você sabe dizer por qual motivo virou um fã do Stratovarius? O que te atraiu no som do grupo, e como a banda te conquistou dessa maneira?

O Stratovarius é uma banda que tem algo diferente da maioria dos outros grupos de melódico. Eles seguem uma linha sonora única, os temas são bem claros. A mensagem que eles querem passar para o público com o trabalho final é sempre bem clara. Acho que isso me atraiu tanto para o Strato quanto me atraiu, por exemplo, para o Blind Guardian, que seguia o tema do "Senhor dos Anéis". O que é diferente do comum sempre atrai a gente. Me identifiquei mais com o Strato do que com o Blind pelo fato do Strato estar mais voltado para a música erudita que o Blind.

Vamos fazer então uma cronologia da sua vida de colecionador: qual foi o primeiro álbum que você comprou, e porque?

Eu sempre tive um "Q" voltado para a música clássica. Ouvia muita coisa de Mozart e bastante de Bach. Curtia, como qualquer jovem, o rock e outros tipos de música. Uma vez, em um grande magazine de CDs, peguei o álbum "The Chosen Ones" (é uma coletânea) do Strato, fiquei curioso pelo nome da banda ser "STRATOVARIUS", pois lembrava o nome do violino "STRADIVARIUS". Peguei o CD para ouvir e a primeira música foi "Black Diamond". Para quem não conhece, ela inicia com um solo de teclado maravilhoso que lembra muito as composições do Bach, então, resumindo, caí na rede (risos).

Qual foi o número máximo de itens que você já adquiriu de uma única vez?

De uma vez? Foi o LP picture "Intermission", e junto com ele veio o EP "Hunting High And Low" e o vinil "Elements Pt 2", todos da Inglaterra. O preço foi proibitivo porque na época a cotação do real para a libra estava cinco para um. Como já eram considerados itens raros e o frete da Inglaterra para o Brasil não é barato, o segredo foi comprar tudo de uma vez.

Qual item você considera o mais raro da sua coleção?

São vários considerados raros em minha coleção, mas o item que considero o mais raro é o box "Infinite" autografado pela banda, e também o "Wings Of Tomorrow".

E o mais bonito, qual é pra você?

Sem dúvida o que eu acho mais bonito é o picture do "Infinite", que é uma obra de arte ...

Existem alguns lançamentos estranhos, e de vez em quando alguns acabam caindo nas nossas mãos. Qual você considera o item mais diferente e curioso do seu acervo?

Um vinil chamado "Wings Of Tomorrow (single)", que foi lançado por um time de basquete grego que usava as músicas do Stratovarius como tema da equipe. A capa é uma bola de basquete. Tenho esse LP autografado, o que o torna ainda mais raro.

Existe algum disco que você passou um tempão atrás até consegui-lo para a sua coleção?

Sim, o CD "The Past And Now". É uma coletânea que só saiu no Japão. Apesar de ser um item relativamente fácil de se achar naquele país, já estava fora de catálogo e tive que penar para conseguir.

E, complementando a pergunta anterior, quais aqueles que, apesar de você estar atrás há uma cara, ainda não conseguiu?

O box "Elements 1 & 3" (que estranhamente não consta na discografia oficial), o box "Elements 2 Special Edition (essa caixa estava em pré-lançamento quando a banda teve a crise que quase acabou com a formação atual - tenho dúvidas se chegou a seri realmente lançado) e uma guitarra autografada pela banda. Pode parecer besteira, mas já participei de pelo menos quatro concursos para ganhar uma (risos).

Como você guarda e conserva a sua coleção?

Meus CDs ficam em uma estante que comporta 250 discos. Não tomo nenhuma outra medida para conservá-los, apenas não os deixo em exposição direta à luz solar, pois ela embranquece as capas. Meus LPs ficam dentro de uma caixa em um armário, onde guardo outros itens de coleção.

Quais são os itens que você mais gosta entre todos da sua coleção?

O que eu sempre pego para ouvir é uma coletânea chamada "The Past And Now". Curti muito essa compilação, que possui um pouco da fase do Strato com o Timo Tolkki nos vocais e alguma coisa do Kotipelto. Muito boa.

O CDs shaped também são uma atração à parte. O símbolo do Stratovarius é a flor de lis, símbolo da nobreza francesa. Dois CDs singles do grupo saíram nesse formato, e eu tenho os dois. Muitas pessoas que vem me visitar ficam impressionadas com o formato do CD.

Onde você costuma comprar os itens para o seu acervo? Que lojas você indica, aquelas que possuem os itens mais difíceis de se encontrar, para quem está começando agora a sua coleção?

Olha, no Brasil o Mercado Livre é uma boa opção, mas geralmente os preços são salgados. Também indico a Galeria do Rock em São Paulo. Foi lá que comprei alguma coisa do Strato, como por exemplo o CD "Infinite" shaped (em formato de serra), ou o vinil picture do "Infinite".

Lá fora, para itens bem raros, existem lojas na Inglaterra que possuem vários, principalmente para quem curte LPs.Para quem curte shaped CD (eu adoro eles) um bom site é o da CD Universe (www.cduniverse.com), que também possui alguns CDs lançados no Japão.

Onde você costuma pesquisar a respeito de discos raros que você está procurando, de novos lançamentos, essas coisas. Em que fontes você busca essas informações?

Fóruns especializados, especialmente relacionados ao Strato. Verifico sites na Finlândia ... Lá, em questão de boatos, eles são melhores, pois estão "na fonte". Gosto bastante desse site: http://www.metalfromfinland.com/Stratovarius

Também comunidades do orkut, sites como o Whiplash, que eu considero o melhor do Brasil. O site oficial da banda (www.stratovarius.com) eu recomendo apenas para iniciantes, pois como todo site de banda de rock é mal atualizado e com poucas informações.

Quais são, para você, os dez melhores álbuns de todos os tempos?

Estaria sendo xiita se colocasse dez discos do Stratovarius nessa lista (risos). Ao meu ver seriam esses:

1º - Help! - Beatles - Estaria sendo leviano se eles não estivessem nessa lista

2º - Pulse - Pink Floyd - O CD é muito bom, o show é maravilhoso, simplesmente o melhor que eu já assisti na vida (não importa se foi por LD) (risos)

3º - Brave New Word - Iron Maiden - A volta triunfal do melhor vocalista de todos os tempos. Desculpa Romário, mas Deus olhou para o Bruce Dickinson e disse "você é o cara!". Nesse CD simplesmente todas as músicas são excelentes, sem exceção

4º - A Day At The Races - Queen - Para mim o melhor álbum do Queen. Há quem diga que foi o "A Night At The Opera", mas é intriga da oposição (risos)

5º - The Metal Opera - Avantasia - Você pega uma seleção dos melhores músicos de heavy metal do mundo, coloca uma ópera em um tema muito bem estruturado, com arranjos muito bons. Resultado? Avantasia! Um sucesso que sem dúvida não iria ficar no segundo ou no terceiro CD

6º - NigthFall In Midle-Earth - Blind Guardian - Para quem é "geek" e curtiu os anos 90, esse é o CD

7º - Chrysalis Anthology - Ramones - Um pouco de punk para suas vidas. É sempre bom "1,2,3,4 Ramones"

8º - Minnimum Maximmum - Kraftwerk - Os avós da música eletrônica. Muita qualidade e um som que surpreende. Recomendo esse álbum

9º - The Best Of - New Order - Se o Kraftwerk é o avô da eletrônica, o New Order é o avô da dance music (ABBA são os trizavôs ...)

10º - Destiny - Stratovarius - Que fã eu seria se não incluísse pelo menos um álbum do Strato? A dúvida era dizer qual. Pensei um tempão, mas acredito que esse tenha sido o melhor álbum mesmo

Pode ser xiita agora: e do Stratovarius, quais seriam pra você os melhores trabalhos não só da banda, mas também dos integrantes do grupo?

Segue a lista, em ordem de preferência:

Destiny (1998) - Stratovarius - Muito bom, com arranjos orquestrados com coros. É quase um épico, principalmente a faixa-título

Visions (1997) - Stratovarius - O trabalho anterior foi o que bombou a banda na Europa. Músicas como "Black Diamond" (a primeira que eu ouvi deles) ou "Kiss Of Judas" são impressionantes. A minha preferida? "Southern Cross"

Infinite (2000) - Stratovarius - Muito bom, sobre o universo e a grandeza do cosmos

Hymn To Life - Timo Tolkki - Segundo CD solo do Timo, muito bom por sinal. O primeiro foi um pouco amador, mas esse segundo é profissional. Excelente.

O que está rolando no seu som atualmente, e o que você recomendaria para os leitores do Whiplash?

Tenho curtido alguma coisa de Helloween ultimamente, e também o último CD do Iron Maiden, que está um espetáculo, como já se esperava.

E vou confessar: tenho curtido bastante Piótr Ilyitch Tchaikóvski. Ganhei um CD da minha esposa com uma compilação de msicas desse compositor. Tenho curtido bastante a "Abertura 1812, Op 49". Para quem não sabe, essa musica é usada como tema do filme "V de Vingança". Música erudita também é cultura (risos).

A sua coleção tem um limite? Tipo, você acha que, algum dia, vai parar de comprar discos porque acha que, enfim, tem tudo o que sempre quis ter? Você acha que esse dia chegará, ou ele não existe para um colecionador?

Não existe um dia para eu terminar. Se eu conseguir todos os CDs, vou querer todos os k7, todos os promos ... Coisas de fã mesmo ...

O maior fã de Stratovarius do mundo (Tony Österlund) tem uma área especial no site dos caras onde ele fala de sua coleção. Bom, só para você ter uma idéia, do álbum "Infinite" ele tem uma cópia de cada país em que o disco foi lançado. Um exagero? Talvez, mas ele é um colecionador e acha importante ter esse tipo de item. O cara tem coisas raríssimas, como a pele de bateria utilizada no tour da banda em 2003, autografada ... Para esse tipo de coisa realmente você precisa ter contato com alguém da banda.

Qual você acha que foi a principal influência do Stratovarius para o heavy metal?

O Strato trouxe uma melodia para o heavy metal que é bem característica. Eles são considerados pela crítica como uma das principais (se não a principal) banda de melódico no mundo. Creio que boa parte desse sucesso se deve ao principal compositor do grupo, Timo Tolkki. Ele conduz a banda muitas vezes com mão de ferro, mas por outro lado isso foi bom, porque manteve o grupo em uma trilha bem definida de estilo. Muitas pessoas criticam o Strato pelos CDs seguirem sempre o mesmo esquema, mas para mim isso é uma questão de identidade. O último álbum fugiu muito disso, pois representa também os problemas emocionais do Timo. Para o mundo do heavy metal, quando se pensa em melódico sempre se pensa em Stratovarius.

Você já encontrou os caras da banda, já esteve frente a frente com eles. O que você sentiu nessa hora?

Isso é o meu maior sonho ... Sabe, atualmente moro em Araraquara. É frustante você ler em alguns sites que de repente um fã tropeça com os caras em uma rua em Curitiba, ou que pessoa "x" ganhou uma promoção para ir no backstage e você, que é simplesmente doido pelo som dos caras, o máximo que consegue é ver de longe um show ao vivo ... é complicado. Já fui em dois shows dos caras, inclusive na gravação do DVD, e adorei ambos. A primeira vez foi no show do "Elements Pt 1" em 2003. Quando subiu as cortinas e os caras começaram tocando "Eagleheart" foi demais ... Ganhei o ingresso de presente de aniversário da minha esposa.

Já parou para pensar com quem os seus discos ficarão quando você estiver mais velho? Quem será o herdeiro da sua coleção no seu futuro?

Vou ter uma conversa séria com meu filho ... se eu perceber que ele vai vender a minha coleção, ou mesmo não cuidar dela como eu, provavelmente vou procurar um sucessor. É possível que eu doe a coleção se minha situação financeira permitir, mas com certeza vai para mão de uma pessoa que curta tanto quanto eu.

O que o rock representa na sua vida?

É um estilo de música que eu gosto muito. Morando no interior (vim recentemente para cá) tenho mais tempo para fazer coisas que eu sempre quis, como, por exemplo, ter aulas de guitarra. É óbvio que tenho aprendido rock. Aos poucos já estou tirando "Fear Of The Dark" do Iron graças ao esforço constante do meu professor particular, Thiago Ferraz.

Se você tivesse que indicar algumas bandas, e alguns discos, para uma pessoa que nunca teve contato com o rock, o que indicaria?

Começaria com algo básico. Helloween, Roling Stones, e depois passaria para o Iron Maiden de cara, para que enrolar o cidadão.

Tem alguma história engraçada ou curiosa que aconteceu com você por causa da música, e que te fez pensar algo como "isso só acontece com um colecionador mesmo"?

Aconteceu no show do Angra. Como disse, também coleciono algumas coisas do Angra. Um item interessante que eu tenho é uma pele de bateria autografada pela banda. Sou um cara baixinho (tenho 1,67) e durante os shows geralmente não fico muito perto do palco porque acabo não enxergando bem o espetáculo. No fim do show "Temple Of Shadows" a banda jogou algumas peles de bateria para o público, e qual a chance de um nanico como eu pegar uma??? Muito pequena, né? Pois é. O Edu pegou uma pele e arremessou para o público, a pele fez um efeito bumerangue e bateu na nuca de um cara altão que estava na minha frente, caindo na minha mão ... simples assim... Colecionador às vezes também tem sorte (risos)

Pra fechar, que papel você acha que nós, colecionadores, temos na indústria da música, no mundo e aqui no Brasil?

Nós representamos um nicho que foi ignorado e que tem um grande potencial. Com a internet e com a pirataria, as versões "especiais" voltaram a ter destaque no mercado. Hoje as bandas sabem disso! Junto com o álbum lançam um caminhão de produtos exclusivos, que muitas vezes agregam mais valor ao fã que o CD normal. É um nicho que tende a ser incentivado cada vez mais.

Cara, muito obrigado pelo papo, valeu por ter aceito participar da Collector's Room, e que tudo dê certo na sua vida.

Para mim foi uma honra, o Whiplash é o melhor site de noticias de rock no Brasil, sou leitor assíduo.


Collectors Room

Rafael Serrante: Ele invadiu o palco do Maiden no Rock In RioRafael Serrante
Ele invadiu o palco do Maiden no Rock In Rio

Rodrigo Simas: A coleção do webmaster da Dave Matthews BandRodrigo Simas
A coleção do webmaster da Dave Matthews Band

Fernando Souza Filho: O FSF, editor-chefe da Rock BrigadeFernando Souza Filho
O FSF, editor-chefe da Rock Brigade

Vanessa Frehley: amor sem limites ao KissVanessa Frehley
Amor sem limites ao Kiss

Reinaldo: um apaixonado pelos ScorpionsReinaldo
Um apaixonado pelos Scorpions

Alexandre Vilella: Empresário fanático pelo Def LeppardAlexandre Vilella
Empresário fanático pelo Def Leppard

Rogério Mendonça: dono de uma invejável coleção do U2Rogério Mendonça
Dono de uma invejável coleção do U2

Almir Figueiredo: o brasileiro que arrematou os óculos de OzzyAlmir Figueiredo
O brasileiro que arrematou os óculos de Ozzy

Nelson Dylara: A coleção de fotos, ingressos e autógrafos do paparazzi do rockNelson Dylara
A coleção de fotos, ingressos e autógrafos do paparazzi do rock

Vinícius Neves: O apresentador do Stay Heavy mostra sua coleçãoVinícius Neves
O apresentador do Stay Heavy mostra sua coleção

Vitão Bonesso: A imensa coleção do apresentador do BackstageVitão Bonesso
A imensa coleção do apresentador do Backstage

Airton Diniz: A coleção do editor chefe da Roadie CrewAirton Diniz
A coleção do editor chefe da Roadie Crew

Mad Dragzter: A coleção de CDs de thrash do guitarrista TiagoMad Dragzter
A coleção de CDs de thrash do guitarrista Tiago

Aquiles Priester: Posters, action figures e latinhas de coca-colaAquiles Priester
Posters, action figures e latinhas de coca-cola

Alessandro Silveira: Colecionador de bootlegs do Dream TheaterAlessandro Silveira
Colecionador de bootlegs do Dream Theater

Marco Malagolli: Um dos maiores conhecedores da obra dos BeatlesMarco Malagolli
Um dos maiores conhecedores da obra dos Beatles

André Rodrigues Guedes: Coleção focada em Mercyful Fate e King DiamondAndré Rodrigues Guedes
Coleção focada em Mercyful Fate e King Diamond

Eyes Of Shiva: A coleção de Metallica do baterista Ricardo LonghiEyes Of Shiva
A coleção de Metallica do baterista Ricardo Longhi

Johnny Z: Uma invejável coleção de heavy metalJohnny Z
Uma invejável coleção de heavy metal

Bento Araújo: A coleção de classic rock do editor do Poeira ZineBento Araújo
A coleção de classic rock do editor do Poeira Zine

Marcelo Maiden: Uma impressionante coleção de ítens do Iron MaidenMarcelo Maiden
Uma impressionante coleção de ítens do Iron Maiden

Kid Vinil: Uns 10 mil vinis e mais uns 10 mil CDs!Kid Vinil
"Uns 10 mil vinis e mais uns 10 mil CDs!"

Antônio Carlos Monteiro: A coleção do ACM da Rock BrigadeAntônio Carlos Monteiro
A coleção do "ACM" da Rock Brigade

Perpetual Dreams: A coleção dos integrantes da banda catarinensePerpetual Dreams
A coleção dos integrantes da banda catarinense

Gastão Moreira: A coleção do VJ, apresentador e jornalista musicalGastão Moreira
A coleção do VJ, apresentador e jornalista musical

Motley Crue: A impressionante coleção do paulista Flávio ColognesiMotley Crue
A impressionante coleção do paulista Flávio Colognesi

Marcel Castro: De ingressos e tour-books a guitarras autografadasMarcel Castro
De ingressos e tour-books a guitarras autografadas

Eliton Tomasi: A coleção do editor da RockHard/ValhallaEliton Tomasi
A coleção do editor da RockHard/Valhalla

Bon Jovi: A coleção do paulista Flávio CelestinoBon Jovi
A coleção do paulista Flávio Celestino

Gota: A coleção do proprietário da Roots RecordsGota
A coleção do proprietário da Roots Records

Marcelo Peixoto: A coleção do proprietário da Hot MusicMarcelo Peixoto
A coleção do proprietário da Hot Music

Luiz Calanca: A coleção do dono da Baratos AfinsLuiz Calanca
A coleção do dono da Baratos Afins

Queen: Uma das maiores coleções sobre a banda está no BrasilQueen
Uma das maiores coleções sobre a banda está no Brasil

Saul Gumz: Coleção de Classic Rock no interior de Santa CatarinaSaul Gumz
Coleção de Classic Rock no interior de Santa Catarina

Felipe Fleury: Colecionador de ítens do Guns N' RosesFelipe Fleury
Colecionador de ítens do Guns N' Roses

Daniel Schierolli: Acervo dedicado à música pesadaDaniel Schierolli
Acervo dedicado à música pesada

Lincoln Braite: Colecionador paulistano fissurado por Kai HansenLincoln Braite
Colecionador paulistano fissurado por Kai Hansen

Luciano Sorrentino: Colecionador de material do KissLuciano Sorrentino
Colecionador de material do Kiss

Alexandre Neves: O brasileiro com maior pontuação no eBayAlexandre Neves
O brasileiro com maior pontuação no eBay

Daniel Skupien: Coleção dedicada ao Heavy Metal nacionalDaniel Skupien
Coleção dedicada ao Heavy Metal nacional

Statik Majik: A coleção de vinis do baterista Luis CarlosStatik Majik
A coleção de vinis do baterista Luis Carlos

Marcelo Bernardes: Paulista radicado em Santa Catarina, corintiano e colecionadorMarcelo Bernardes
Paulista radicado em Santa Catarina, corintiano e colecionador

Salvatore D'Angelo: De blues a death metal, e muitos bootlegsSalvatore D'Angelo
De blues a death metal, e muitos bootlegs

Julio Marcondes: Colecionador e apresentador do programa A História do RockJulio Marcondes
Colecionador e apresentador do programa A História do Rock

André Sikora: A coleção do presidente do fã clube do Nazareth no BrasilAndré Sikora
A coleção do presidente do fã clube do Nazareth no Brasil

Geraldo Tavares: Fã inveterado e colecionador do YesGeraldo Tavares
Fã inveterado e colecionador do Yes

Roberto Sabbag: Colecionador do Slayer e Heavy Metal em geralRoberto Sabbag
Colecionador do Slayer e Heavy Metal em geral

Arnaldo Jr: Colecionador de ítens relacionados ao MetallicaArnaldo Jr
Colecionador de ítens relacionados ao Metallica

Mário Pacheco: Figura única, colecionador e contraculturalistaMário Pacheco
Figura única, colecionador e contraculturalista

Silmara Ferreira: Apaixonada por pop oitentista e colecionadora do InxsSilmara Ferreira
Apaixonada por pop oitentista e colecionadora do Inxs

Gus Monsanto: A coleção do vocalista do AdagioGus Monsanto
A coleção do vocalista do Adagio

Marco Loiacono: Talvez a maior coleção de Motorhead do BrasilMarco Loiacono
Talvez a maior coleção de Motorhead do Brasil

Mairon Machado: Aficionado por vinil e pelo rock clássicoMairon Machado
Aficionado por vinil e pelo rock clássico

Paulo de Castro: Baixos, guitarras, calcinhas, e pinball do Kiss?Paulo de Castro
Baixos, guitarras, calcinhas, e pinball do Kiss?

Ricardo Seelig: A coleção do criador da Collector's RoomRicardo Seelig
A coleção do criador da Collector's Room

Collector's Room: a gigantesca coleção de Regis Tadeu

Collector's Room: a linda coleção de Nino Lee Rocker

Collectors Room: aleatoriedade colecionável, ou a coleção espontâneaCollectors Room
Aleatoriedade colecionável, ou a coleção espontânea

Collectors Room: o clássico instantâneo do Blackberry Smoke (vídeo)

Collectors Room: a diferença entre colecionar e acumular discos (vídeo)

Collectors Room: grandes álbuns de metal da década de 2010 (vídeo)

Amazon: gigante começa a vender CDs, LPs e itens de música no Brasil

Collectors Room: alguns dos grandes discos de rock desta década (vídeo)

Collectors Room: um papo sobre colecionismo e o hábito de comprar discos (vídeo)

Collectors Room: Queen e clássicos na bela coleção de Marcelo PardinCollectors Room
Queen e clássicos na bela coleção de Marcelo Pardin

Rock in Rio: a cobertura estereotipada do Multishow no Dia do Metal (vídeo)Rock in Rio
A cobertura estereotipada do Multishow no Dia do Metal (vídeo)

Collectors Room: a terapia que é arrumar a coleção de discos (vídeo)

Collectors Room: os fantásticos singles e porque eles não saem no Brasil (vídeo)

Collectors Room: Mötley Crüe e o conto das turnês de despedida (vídeo)

Collectors Room: Floor Jansen e Nightwish, uma união espetacular (vídeo)

Todas as matérias sobre "Collectors Room"



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção MatériasTodas as matérias sobre "Collectors Room"Todas as matérias sobre "Stratovarius"


Roger Moreira: resposta bem humorada a crítica no Agora é TardeRoger Moreira
Resposta bem humorada a "crítica" no Agora é Tarde

Metallica: Trujillo e seus primos, membros de ganguesMetallica
Trujillo e seus primos, membros de gangues


Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig no Whiplash.Net.

adWhipDin