RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemLed Zeppelin e a bateria que ninguém acreditava que um ser humano conseguiria tocar

imagemJovens sem noção vandalizam o lugar da capa de estreia do Black Sabbath

imagemRegis Tadeu e os cinco grandes vocalistas que o mundo do Rock não dá valor

imagemArch Enemy e Behemoth tocarão no Brasil em novembro; confira datas e locais

imagemJô Soares comprou uma obra de arte do Rock por causa do Regis Tadeu

imagemLars Ulrich sobre "Fade to Black": Frequentemente sinto haver dois Metallicas

imagemJoão Gordo explica porque Anitta está fazendo o que as bandas de Rock deviam fazer

imagemDee Snider diz que faliu na década de 1990 e fingia ser outra pessoa

imagemA melhor música de heavy metal lançada a cada ano desde 1970, em lista do Loudwire

imagemA música do Metallica que James não queria apresentar aos outros integrantes

imagemO curto e grosso motivo pelo qual Zappa vetava que seus músicos usassem coisas químicas

imagemO carinhoso jeito de Axl Rose se desculpar com sua equipe pelo seu jeito imprevisível

imagemFãs detonam produção do Knotfest após anúncio do Pantera

imagemFilme que conta a história de Dio será exibido nos cinemas em setembro

imagemAmy Lee surpreende ao escolher os melhores cantores (e cantoras) de todos os tempos


2022/08/18
Stamp

Iced Earth: vazam documentos indicando que Jon Schaffer pode cooperar com o governo

Por Emanuel Seagal
Em 06/04/21

Os promotores federais estão supostamente trabalhando com Jon Schaffer, fundador do ICED EARTH, em um acordo de cooperação sobre seu envolvimento no ataque ao Capitólio dos Estados Unidos que ocorreu no dia 6 de janeiro. De acordo com o BuzzFeed News, as negociações para um acordo estão em estágios "avançados". O procurador-geral adjunto Ahmed Baset escreveu que a cooperação do músico "pode ​​revelar a existência, escopo e a direção da investigação confidencial que está em andamento".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O arquivamento público foi feito por engano, de acordo com o Buzzfeed News, já que os promotores pretendiam arquivá-lo sob sigilo. Entre as mais de 350 pessoas acusadas até o momento, algumas outras que foram presas receberam ofertas semelhantes. No entanto, nenhum detalhe dos acordos foi revelado.

O Buzzfeed News observou que o processo descreveu que as negociações com Jon Schaffer foram "as primeiras e mais avançadas" envolvendo "qualquer um dos mais de 300 réus do ataque ao Capitólio". Algumas semanas atrás um tribunal federal manteve uma ordem de prisão preventiva para que o músico permanecesse preso e ofereceu uma nova visão sobre o que o governo estará investigando. Depois que a fiança de Jon Schaffer foi negada, seu advogado entrou com um pedido para alterar a ordem de detenção, alegando que "o governo falhou em estabelecer o perigo do Sr. Schaffer para a comunidade por meio de evidências claras e convincentes". O advogado tentou argumentar que Jon não é uma ameaça para a sociedade: "O Sr. Schaffer tem 53 anos. Ele não tem antecedentes criminais. Ele não tem um problema de abuso de substâncias ou de saúde mental. Ele não tem histórico de violência e não foi violento no dia 6 de janeiro de 2021. Ele entrou no Capitólio com um spray de pimenta . Ele não ameaçou ninguém com ou usou o spray. Ele deixou o Capitólio aproximadamente 60 segundos depois e voltou para casa em Indiana." Um juiz federal não pareceu convencido com a declaração, já que no dia 24 de março uma "ordem de detenção pendente de julgamento" foi arquivada dizendo que Jon Schaffer deve ficar preso até o julgamento pois "o governo provou por evidências claras e convincentes que nenhuma condição ou combinação das condições de liberação garantirá razoavelmente a segurança de qualquer outra pessoa e da comunidade."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O pedido contém o primeiro relato detalhado das ações do músico do ponto de vista do governo. Na ordem, o governo alega que Jon foi uma das primeiras pessoas a invadir o edifício do Capitólio durante os acontecimentos no dia 6 de janeiro e questiona sua afiliação com o "Oath Keepers".

"Em resposta à demonstração do governo do discurso do Sr. Schaffer falando em um encontro em novembro de 2020, o Sr. Schaffer argumenta que ele estava simplesmente explicando suas opiniões políticas. Quando questionado sobre a violência na entrevista em vídeo, o Sr. Schaffer respondeu que não quer violência, mas que ele estava preparado para enfrentar qualquer violência em legítima defesa. Em resposta ao vídeo que o mostra entrando no Capitólio, Jon argumenta que ele ficou no prédio por apenas 60 segundos e só tirou o spray contra ursos em questão porque ele pensou que alguém estava tentando pegá-lo. O Sr. Schaffer disse que não é um risco de fuga porque ele voluntariamente contactou seu advogado e se entregou. Ele é um músico conhecido, então teria dificuldade em fugir. Ele tem um relacionamento estável com sua namorada, residência estável, e uma filha. Ele tem 52 anos, sem antecedentes criminais ou problemas de abuso de substâncias. O Sr. Schaffer argumenta que o peso das provas é fraco, pois o governo não forneceu provas de que ele intencionalmente entrou no Capitólio ilegalmente. Não foi apresentada nenhuma evidência de violência e o Sr. Schaffer diz que não é afiliado aos 'Oath Keepers'.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"O Sr. Schaffer é acusado de carregar uma arma perigosa (spray contra urso) em áreas restritas do Capitólio. Suas ações no dia 6 de janeiro de 2021, durante a certificação do voto do colégio eleitoral, foram chocantes para o estado de direito e o processo democrático. Como observou o juiz Howell em "Estados Unidos v. Barnett", o título do delito não 'captura adequadamente o escopo do que (o réu) é acusado de fazer aqui'. Neste caso, parece haver premeditação e uma arma presente. O Sr. Schaffer apareceu no vídeo como uma das primeiras pessoas a invadir o Capitólio. Há algumas evidências, e as evidências ainda estão em desenvolvimento, de que o réu é afiliado a grupos que apresentam ameaças contínuas de perigo para a comunidade, como por exemplo os 'Oath Keepers'."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"O governo apresentou uma série de provas na audiência de detenção que mostram que o Sr. Schaffer estava com um spray de urso. Há um vídeo dele entrando claramente no Capitólio e três policiais que parecem recuar em legítima defesa. Portanto, não parece provável ou razoável que Schaffer teve a impressão de que foi 'convidado' a entrar pelas autoridades policiais do Capitólio."

"O Sr. Schaffer não tem antecedentes criminais nem histórico documentado de abuso de substâncias. Ele está empregado e tem uma residência estável. É verdade que ele tem o direito de demonstrar e compartilhar suas opiniões políticas por meios legais. Este caso diz respeito a meios ilegais de demonstração. O status do Sr. Schaffer como proprietário de uma arma de fogo não tem qualquer influência, negativa ou positiva, nesta decisão."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Embora o Sr. Schaffer provavelmente não seja um risco sério de fuga devido ao seu status como um músico conhecido, permanece a preocupação com o perigo para a comunidade. As opiniões do Sr. Schaffer sobre o governo e a atual administração são mantidas há muito tempo. Suas declaraçõe , incluindo a entrevista de novembro de 2020, mostram que este não foi um evento isolado. Ele afirmou que haveria 'derramamento de sangue' se o atual governo chegasse ao poder. A transferência de poder ocorreu, portanto, não podemos garantir que o Sr. Schaffer não se envolverá em mais violência para apoiar a sua ideologia política caso seja solto. O governo alega que o Sr. Schaffer é um membro vitalício dos 'Oath Keepers', uma organização que tem questionado a legitimidade do governo e ameaçou com violência política. Por último, embora o Sr. Schaffer alegoue que só responderia à violência em legítima defesa, não houve violência dirigida contra ele no dia 6 de janeiro de 2021, mas ele teve comportamento violento e destrutivo quando entrou no Capitólio armado com uma arma."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O FBI acusou o músico com seis acusações diferentes, uma das quais o acusa de usar o spray contra urso, uma forma mais potente de spray de pimenta, na polícia do Capitólio. Jon não tem fiança garantida e deve provar que não é uma ameaça para si mesmo ou para o público para que seja concedida. Jon Schaffer está respondendo por seis crimes:

- Entrar ou permanecer, de forma consciente, em um edifício ou terreno restrito sem autoridade legal;
- Perturbar a conduta de ordem da rotina governamental;
- Participar, de forma consciente, de um ato de violência física contra qualquer pessoa ou propriedade em qualquer edifício ou terreno restrito;
- Entrar, de forma violenta e desordeira, em um edifício do Capitólio;
- Envolver-se em um ato de violência física em um edifício do Capitólio;
- Realizar desfile, manifestação ou piquete em um edifício do Capitólio.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Imagens de segurança surgiram mostrando o guitarrista do Iced Earth, Jon Schaffer, invadindo o edifício do Capitólio e entrando em uma briga com a polícia que estava tentando impedir o ataque.

FONTE: Metal Injection
https://metalinjection.net/metal-crimes/iced-earths-jon-schaffer-working-on-cooperation-deal-with-govt-according-to-leaked-documents


Invasão do capitólio americano

Iced Earth: Jon Schaffer estaria entre invasores pró-Trump no Congresso dos EUA

Protestos: Rockers reagem à invasão do Capitólio nos EUA

Iced Earth: "Eles vão cair. Eles estão brincando com as pessoas erradas", diz Schaffer

Sebastian Bach: questionando Ace Frehley, Kid Rock e outros por apoiarem Trump

Jon Schaffer: músico está sendo procurado pela Polícia por ter invadido Capitólio

Jon Schaffer: ele afirma que bandidos e criminosos sequestraram os Estados Unidos

Jon Schaffer: músico está na mira do FBI por ter participado de invasão ao Capitólio

Iced Earth: Tim Ripper diz que nunca falou de política com Jon Schaffer

Iced Earth: em post apagado, Stu Block apoia invasão ao Capitólio; ele se retrata

Ted Nugent: Ele inocenta Trump e culpa Antifas e BLM por invasão violenta do Capitólio

Iced Earth: Jon Schaffer ainda não foi acusado de crime federal por invadir Capitólio

Jon Schaffer: Todd La Torre se diz chocado, mas não surpreso com atos do guitarrista

Iced Earth: Jon Schaffer se entrega e é preso por estar em invasão ao Capitólio

Iced Earth: veja as seis acusações que Jon Schaffer enfrenta por invadir Capitólio

Iced Earth: promotores pedem que Jon Schaffer não seja solto sob fiança

Iced Earth: Schaffer será extraditado para Washington; não há decisão sobre fiança

Demons & Wizards: Hansi Kürsch confirma saída da banda após prisão de Jon Schaffer

Jon Schaffer: músico ficou sem votar por 12 anos antes das últimas eleições

Iced Earth: Stu Block e Luke Appleton deixam a banda após prisão de Jon Schaffer

Jon Schaffer: em novas filmagens divulgadas, músico aparece invadindo Capitólio

Iced Earth: Depois de vocalista e baixista, é a vez do guitarrista picar a mula

Jon Schaffer: semanas após a prisão, ele ainda está vendo o Sol nascer quadrado

Jon Schaffer: advogados pedem anulação de acusações após governo estourar prazo

Iced Earth: Jon Schaffer é transferido de prisão no dia de seu aniversário

Jon Schaffer: guitarrista deverá comparecer ao tribunal para audiência nesta sexta

Jon Schaffer: juíza define que guitarrista vai ter que aguardar julgamento no xilindró

Danko Jones: vocalista desce a lenha em Jon Schaffer e diz que Iced Earth é banda "fake"

Jon Schaffer: ele assume culpa por duas acusações ligadas à invasão ao Capitólio

Dee Snider: "Jon Schaffer é um pedaço de m*rda que envergonha a comunidade metal"

Iced Earth: após acordo, Jon Schaffer é liberado; veja vídeo da saída do tribunal

Jon Schaffer: ele revela por quanto tempo ficou no Capitólio até levar spray na cara

Iced Earth: "Jon Schaffer fu*** geral com tudo", diz Stu Block

Iced Earth: Ripper diz que Jon Schaffer vai "pagar o preço" por ter invadido Capitólio

Jon Schaffer e membros de grupos extremistas são processados por invasão ao Capitólio

Ex-Iced Earth Matt Barlow continua em contato com Jon Schaffer apesar de toda polêmica

Acredite se quiser: Iced Earth lançou novo álbum; ouça "A Narrative Soundscape"

Todas as matérias sobre "Invasão do capitólio americano"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

2022/07/09


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Tim Owens: Saída do Iced Earth não foi amigável

Tim "Ripper" Owens foi aconselhado por Wendy Dio a cair fora do Iced Earth

Sedentos por Sangue: confira 5 belas canções sobre Vampiros

The Simpsons: 10 melhores aparições de roqueiros no desenho

Fotos de Infância: Red Hot Chili Peppers


Sobre Emanuel Seagal

Descobriu o metal com Iron Maiden e Black Sabbath até chegar ao metal extremo e se apaixonar pelo doom metal. Considera Empyrium e X Japan as melhores bandas do mundo, Foi um dos coordenadores do finado SkyHell Webzine, escreveu para outros veículos no Brasil e exterior, e sempre esteve envolvido com metal, seja com eventos, bandas, gravadoras ou imprensa. Escreve para o Whiplash! desde 2005 mas ainda não entendeu a birra dos leitores com as notícias do Metallica. @emanuel_seagal no Instagram.

Mais informações sobre

Mais matérias de Emanuel Seagal.