Taguatinga: Quaresmada Rock pra quem precisa

Resenha - Festival Quaresmada (Facita, Taguatinga, 27/07/2013)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Lelo Nirvana
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

O famoso Festival Quaresmada completou 10 anos de existência e cumpre o seu papel cultural durante mais de dez horas mais de 14 bandas passaram por Taguatinga. A organização foi ótima e as bandas tocaram com pequenos atrasos de 20 minutos, os dois grandes palcos montados na área da Facita faziam duas merecidas homenagens - o programa de Rock radiofônico Cult 22 do jornalista Marcos Pinheiro e o importante informativo Zine Oficial do Tomaz André.

Beatles - Perguntas e RespostasCoverdale: "eu não queria participar do declínio do Purple"

Imagem

Um belo sábado de sol em Brasília, cenário perfeito para um Festival de Rock. O Quaresmada Especial estava pronto para receber os ardorosos fãs do Rock. Exatamente às 15h20, segundo o diretor de palco Alexandre Parente, a banda BlackSkull subiu no palco. Na sequência Rebel Shot Party e Madrenegra do Jardim Ingá deram os seus recados. O rock do Trampa demonstrou muito vigor com as letras cantadas em português, muitas já conhecidas do público presente. Sound’n’Rage liderada pelo guitarrista Fabrício de Moraes que é acompanhado por um trio de belas mulheres mostrou competência e versatilidade em suas composições. Isolate, Bruto, Obkure do Ceará e Death Slam quebraram tudo com muita porrada na cabeça, destaque para as figuras carimbadas de Brasília, Kbça do Bruto e Felipe CxDxC do Death Slam, vida longa a esses guerreiros do Metal. Os veteranos do Elffus abriram a sequência de Hard Rock que estava por vir, letras em português e muita presença de palco. Salário Mínimo fez um excelente show com grandes clássicos da banda e as pérolas do SP Metal, fecharam com um cover mais pesado da Legião Urbana. O Kábula fez um grande show e o líder, Ricardo Rocha, além de cantar com sua voz “kabulosa” fez um excelente trabalho de produção, a banda chegou a ser elogiada pelos músicos do The Rods.

Imagem

O The Rods, importante representante do Metal dos anos 80, merece um capítulo a parte dentro deste Quaresmada Especial. A banda com mais de 30 anos de carreira foi a escolhida pela produção para encerrar o festival. Os caras desde a chegada ao aeroporto demonstraram bastante carisma e alegria na primeira visita ao Brasil. A banda subiu no palco um pouco antes das 23 horas com um set poderoso que abrangia toda a sua carreira, sendo que o único álbum lançado havia sido o “Wild Dogs” de 1982. De qualquer forma o show foi muito empolgante e o tratamento com os fãs, genial.

O fã Fábio André (45) levou toda a coleção da banda para ser autografada no hotel. “Carl tem um carisma impressionante, pareceu o mais acessível, conversou bastante com a gente, pena que meu inglês não é tão bom pra ter aproveitado mais aquele momento. Todos deviam ter exemplos como os desses três sujeitos que fazem um som fantástico”, relatou emocionado.

Para o Festival, a banda ainda preparou uma surpresa ao final. A baixista Zanny foi convidada para tocar “Hoochie Coochie Lady” do primeiro álbum do ELF, gravado originalmente pelo guitarrista David Rock Feinstein e eternizado na voz de Ronnie James Dio.

O grupo do Paraná, Motorocker, fechou uma noite memorável e sem nenhum incidente grave. Parabéns à produção, principalmente, Ricardo Kábula, Tomaz André e Selma Tabita.

Imagem

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Todas as matérias e notícias sobre "Motorocker"

AC/DC
Bandas similares, algumas mais, outras menos

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Rods"Todas as matérias sobre "Salário Mínimo"Todas as matérias sobre "Motorocker"

Beatles
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Coverdale
"Eu não queria participar do declínio do Purple!"

Tatuagens
Existe algo errado nesta tatuagem do Dio?

Ozzy e Lemmy: mansão luxuosa, apartamento como cavernaSkid Row: Varone tentou honrar o sobrenome em filme pornôIron Maiden: curiosidades sobre o "The Number Of The Beast"John Petrucci: explicando porque o Metallica é progSlash: guitarrista escolhe seus riffs favoritosHeavy Metal: a música fica mais pesada quando a afinação é mais grave?

Sobre Lelo Nirvana

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online