RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemRodinha de mosh gigantesca em show do System of a Down viraliza e impressiona

imagemQuem ganhou e quem devia ter ganhado o Grammy de metal desde 1989, segundo Loudwire

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de "Gita"

imagemMegadeth é processado por artista que criou capa do último disco da banda

imagemVeja o que esperar da turnê do Mayhem no Brasil

imagemAs 20 melhores músicas do Nightwish, em lista da Metal Hammer

imagem"Somewhere In Time - Um Clássico do Iron Maiden", lançamento da Estética Torta

imagemRússia pede para que Roger Waters fale com a ONU sobre a situação da Ucrânia

imagemIron Maiden está atrás de George Michael e Cyndi Lauper em votação do Rock Hall Of Fame

imagemA opinião de Humberto Gessinger sobre movimentos separatistas da região Sul do Brasil

imagemBruce Dickinson explica como cuida de sua voz

imagemQuando Roberto Carlos foi alfinetado por Raul Seixas, mas o Rei gostou do que ouviu

imagemVocalista do Stryper afirma que Metallica é a banda de metal que ele menos gosta

imagemOpeth: Mikael Akerfeldt se interessa por Elis Regina em loja de disco de SP


Def Leppard Motley Crue 2

Ashes: Abusando da criatividade e das boas estruturas

Resenha - Zero - Ashes

Por Christiano K.O.D.A.
Postado em 08 de outubro de 2011

Nota: 9

Grande surpresa causa essa banda, pela qualidade mostrada nas quatro músicas que compõem o material. A primeira coisa que se nota aqui é a boa gravação. Tudo lindo, audível, pesadão, enfim, um EP que já deixa boas impressões logo no início.

A Ashes expele um deathcore muito bem acabado, abusando da criatividade e das boas estruturas musicais. Tem um pouco de tudo lá, dentro do som extremo, evidentemente: bons riffs, mesclando coisas mais potentes com melodias, solos inspirados e bateria com momentos mais brutais (blast beats não tãããão velozes assim) e outros mais cadenciados. Tudo completo.

Mas o destaque fica para o vocalista Mayer, bastante versátil, e que conseguiu abrir um leque poderoso no gogó: tem gutural, rasgado e até aquele "pig" vocal, que particularmente gosto demais. Só faltou algo com efeitos, típicos do goregrind, mas para o estilo do pessoal, não fez falta.

A faixa "After Death" é a que apresenta maior variação de sonoridades, inclusive com discretos teclados ao fundo em momentos de menos fúria, o que gerou uma atmosfera interessante na canção. Depois, "Evil is Back" surge rápida e violenta, mas priorizando o peso absurdo das guitarras. É aqui que entram os supracitados "pig" vocals. Outra boa composição da Ashes.

A terceira música é "Choices", mais no clima do breakdown, por assim dizer, mas nem por isso deixa de ter qualidade. Apenas nessa, talvez tenha faltado um pouco mais de correria. Por fim, "I’ve Been Angry" fecha o material em grande estilo, calcada nos bons riffs e na levada empolgante. O solo também saiu caprichado.

Apesar da capa ser bastante simples, no geral, o material gráfico é bem feitinho também. Só faltou um capricho na hora de completar o encarte com as letras, que vieram digitadas em um bloco de notas no link para download que a banda disponibilizou. SIM, no final da resenha, você pode, e deve puxar esse ótimo EP.

Uma banda que merece destaque no Brasil. Agora, esse pessoal tem que batalhar na divulgação de "Zero" e ter seu merecido reconhecimento. Ashes: um deathcore bastante recomendado.

Download:
http://rapidshare.com/files/2681279682/Ashes_-_Zero__2011_.rar

Ashes – Zero
Independente – 2011 – Brasil
http://www.myspace.com/officialashes

1- After Death
2- Evil is Back
3- Choices
4- I’ve Been Angry

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.
Mais matérias de Christiano K.O.D.A..