Novas caras do metal: 40 bandas que você precisa conhecer

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Ricardo Seelig, Fonte: Collector´s Room
Enviar correções  |  Comentários  | 

De modo geral, a grande maioria dos fãs de heavy metal ouve sempre as mesmas bandas. Monstros sagrados como Iron Maiden, Black Sabbath, Metallica, Slayer, Accept e estes outros que você está pensando foram, são e continuarão sendo a base do estilo que tanto amamos. Suas obras apresentam uma qualidade altíssima e que deve ser conhecida por todos.

Porém, há também o outro lado da moeda. O heavy metal não é só Maiden, Sabbath e Metallica. O heavy metal é muito mais do que isso. A renovação constante do estilo faz surgir novas bandas interessantes, com trabalhos muito bons, a todo momento.

Este post vai apresentar a você algumas destas bandas, dos mais variados gêneros, que estão fazendo um som muito legal e, tenho quase certeza, ainda não chegaram aos seus ouvidos.

Portanto, acomode-se na cadeira, aumente o volume e venha comigo nessa jornada descobrir quais são as novas caras do heavy metal!

The Devil's Blood

A banda surgiu na cidade holandesa de Eindhoven em 2006, e é formado pelos irmãos Selim (guitarrista e compositor) e Farida Lemouchi (vocal, que atende pelo pseudônimo The Mouth of Satan). O grupo tem dois discos – “The Time of No Time Evermore” (2009) e “The Thousandfold Epicentre” (2011). O som une psicodelia e hard rock setentista a letras com temas satânicos. Indicado pra quem adora melodias de guitarra na linha do Thin Lizzy. A banda acabou de ser contratada pela Metal Blade, o que deve dar muito mais visibilidade ao seu trabalho.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Witchcraft

Esse quarteto sueco formado em 2004 parece saído direto dos anos 70. O som dos caras é um hard/heavy de respeito, de encher de orgulho pioneiros como Black Sabbath, Budgie e Uriah Heep. A banda tem três discos no currículo – “Witchcraft” (2004), “Firewood” (2005) e “The Alchemist” (2007) -, todos muito bons e que irão agradar em cheio quem curte uma sonoridade mais clássica.

Capricorns

Quarteto londrino formado em 2003 e com dois ótimos discos – “Ruder Forms Survive” (2005) e “River, Bear Your Bones” (2008) -, o Capricorns tem um som que pode ser classificado como uma espécie de sludge metal com toques prog. A música do grupo, instrumental, é marcada por ótimos riffs de guitarra e pela intensa variação rítmica, tudo embalada em uma agradável embalagem vintage. O baterista Chris Turner toca também no Orange Goblin.

Black Tusk

Outro power trio, só que dessa vez norte-americano. O Black Tusk já gravou quatro álbuns, sendo os três últimos lançados pela renomada Earache Records. O som é um sludge bem na cara, pesado, com vocais urrados e muito groove, o que faz com a banda seja comparada aos primeiros anos do Mastodon.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Black Sun Aeon

Banda finlandesa de death metal formada em 2008 e com três álbuns já lançados. O que difere o grupo é grande influência de Opeth e doom metal, que faz com que a sua música seja bastante emocional e um tanto perturbadora.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Hammers of Misfortune

Prog metal norte-americano com cinco trabalhos na bagagem. O Hammers of Misfortune lembra, em algumas passagens, o System of a Down, principalmente pelo timbre do vocalista John Cobertt. O melhor álbum dos caras é o terceiro, “The Locust Years”, lançado em 2006.

Red Fang

Quarteto de Portland, Estados Unidos, o Red Fang tem apenas um álbum, “Murder the Mountains”, lançado esse ano pela Relapse. O som é aquele típico stoner que se equilibra entre o hard rock e o heavy metal, tudo com um agradável sabor setentista. Com um bom humor gigantesco, a banda tem clipes engraçadíssimos, que dão cara para a sua ótima música. Um dos melhores nomes saídos dos EUA nos últimos anos.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Myrath

Esse quinteto natural da Tunísia segue a linha dos israelenses do Orphaned Land, executando um heavy metal temperado com acentuados sabores orientais. Já com três discos no currículo – “Hope” (2007), “Desert Call” (2010) e “Tales of the Sands” (2011) -, o grupo vem conquistando cada vez mais espaço e tem tudo para ser um dos nomes mais falados em um futuro bem próximo. Fique de olho!

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Fleshgod Apocalypse

Da Itália vem uma das bandas mais originais dos últimos anos. O Fleshgod Apocalypse une o lado mais brutal e extremo do death metal com a sofisticação e a riqueza melódica e harmônica da música clássica. O resultado é um som único, intenso e inquietante. Os dois discos do grupo – “Oracles” (2009) e “Agony” (2011) – merecem uma audição atenta, pois são obras, no mínimo, impressionantes.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Samsara Blues Experiment

Alemães, os caras do Samsara Blues Experiment unem o peso característico do do hard à psicodelia, criando algo como um stoner embebido em generosas doses de ácido. Ao vivo a banda voa ainda mais alto, soando como uma autêntica jam band, levando às suas composições ao limite. Com dois discos na bagagem – “Long Distance Trip” (2010) e “Revelation & Mystery” (2011) -, é a banda perfeita para aquele seu amigo que acha que nada de bom foi produzido depois de 1972.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Blood Ceremony

Espécie de versão headbanger do Flautista de Hamelin, o Blood Ceremony vem do Canadá. A figura central da banda é a bela Alia O'Brien, responsável pelos vocais e pela flauta, que dá uma cara única ao som do grupo. Com dois discos já lançados – “Blood Ceremony” (2008) e “Living with the Ancients” (2011) -, o Blood Ceremony agrada pela intensa musicalidade, que vai do doom metal ao rock psicodélico. Ouça e apaixone-se!

Devil

Essa banda norueguesa lançou o seu primeiro disco em 2011. “Time to Repent” recebeu críticas positicas e chamou a atenção por apresentar um heavy metal bastante influenciado por nomes como Black Sabbath e Pentagram. Ou seja, o lance aqui é aquele metal sombrio e escuro típico dos anos setenta, baseado nos riffs de guitarra. Ouça, você vai adorar!

Kyng

Esse trio californiano lançou em 2011 o seu primeiro disco, o excelente Trampled Sun. O som tem enormes doses de testosterona e vai do hard ao heavy metal sem maiores cerimônias. A principal influência dos caras é o Black Sabbath. A banda tem talento e sabe criar composições cativantes, como o hit “Falling Down”. Para mim, um dos melhores discos do ano.

Uncle Acid & The Deadbeats

Mais uma ótima banda do selo Rise Above, de Lee Dorian (Cathedral), que lançou nomes como Ghost, Witchcraft e Firebird, o Uncle Acid & The Deadbeats vem de Cambridge, na Inglaterra, e é formado por Uncle Acid (vocal, guitarra e órgão), Kat (baixo) e Red (bateria). O som é um hard psicodélico, com o órgão dando um clima sessentista todo especial. A banda tem dois discos já lançados – “Vol. 1” (2010) e Blood Lust (2011) -, e anda fazendo barulho no underground. O próximo Ghost? Não seria surpresa.

Vallenfyre

Esse quinteto inglês lançou o seu primeiro disco, “A Fragile King”, em 2011. A banda conta com Gregor Mackintosh, guitarrista do Paradise Lost, e Adrian Erlandsson (bateria, At the Gates, Cradle of Filth, The Haunted), e executa uma espécie de death doom metal. A experiência dos músicos envolvidos faz uma grande diferença, e o resultado é um dos grandes discos de 2011.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Scythia

Banda de Vancouver, Canadá. O sexteto conta com uma violinista, o que dá um toque diferenciado ao seu prog metal, aproximando do folk. O grupo tem dois discos lançados, “… Of War” (2010) e “… Of Exile” (2011), e é indicado para quem curte prog com influência neo-clássica. O visual dos músicos, com figurinos medievais, não ajuda, mas a banda é boa e vale a pena.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Uneven Structure

Banda francesa com apenas um disco, “Februus”, lançado em 2011. Antes, o grupo havia liberado o EP intitulado “8”, em 2009. O som tem uma certa influência de Soilwork e Scar Symmetry, porém com passagens mais progressivas e trechos atmosféricos.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Saviours

Quarteto de Oakland, Estados Unidos. A banda foi formada em 2004 e já tem quatro discos lançados, além de vários EPs e singles. O som do grupo é um metal tradicional com uma certa pegada setentista, com riffs em profussão, bastante melodia e um tempero hard rock.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Ancient VVisdom

Natural de Austin, o quarteto texano Ancient VVisdom (com dois V mesmo, e não com W) lançou o seu primeiro álbum, “A Godlike Inferno”, em 2011. O som segue a cartilha de Ghost e Devil's Blood, com grandes melodias servindo de moldura para letras satânicas, além do uso constante de instrumentos acústicos. A banda está em turnê pelos Estados Unidos com o Ghost e o Blood Ceremony, e deve alcançar bastante destaque em 2012.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Wisdom

Banda húngara de power metal com dois discos na bagagem, “Words of Wisdom” (2006) e “Judas” (2011). O som traz influência de Hammerfall e Avantasia, com grandes refrões e coros em profusão. Não há aqui os exageros típicos do estilo, o que faz com que a audição se torne pra lá de agradável.

Ape Machine

Grupo de Portland, Estados Unidos. O som é um hard rock baseado em riffs, com um vocal que lembra o jovem Ozzy dos anos setenta. A banda tem dois discos, “This House Has Been Condemned” (2010) e “War to Head” (2011), sendo que o segundo tem uma produção muito melhor que o primeiro, além de uma competente versão para a clássica “Black Night”, do Deep Purple. Hardão dos bons!

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Lonely Kamel

Quarteto norueguês fundado em 2005, com três discos disponíveis. Hard rock com pegada stoner, na medida para pegar a estrada sem rumo. A trinca lançada pela banda é excelente, então você pode ouvir qualquer um dos plays – “Lonely Kamel” (2008), “Blues for the Dead” (2010) e “Dust Devil” (2011) – de olhos fechados.

Wolvhammer

Estes americanos de Minneapolis fazem um black metal com passagens sludge, alternando trechos de velocidade bruta com outros mais cadenciados. O último álbum dos caras, “The Obsidian Plains” (2011), é excelente.

Ghost Brigade

Quinteto finlandês de prog metal com três discos já lançados. Metal extremamente atual e de excelente qualidade, com ricas passagens instrumentais e ótimos vocais.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Kamchatka

Trio sueco formado em 2001, possui quatro discos na carreira. Conheci através da recomendação do chapa Bento Araújo da poeira Zine, que colocou o último play dos caras, “Bury Your Boots”, entre os melhores de 2011. Hard rock com balanço e uma pegada setentista, com ótimos solos de guitarra.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Howl

Com apenas um disco lançado, este quarteto norte-americano faz um stoner metal repleto de ótimos riffs e alto nível de testosterona. O debut dos caras, “Full of Hell”, traz influência do Black Sabbath, principalmente nos riffs da dupla de guitarristas Vincent e Andrea, além de uma pegada doom.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Vektor

Thrash metal com pegada oitentista. O último álbum deste quarteto do Arizona, “Outer Isolation” (2011), é uma pedrada que irá fazer a alegria de quem viveu o auge da Bay Area. Mas um aviso: ao dar play no disco, você correrá o risco de ficar semanas ouvindo a banda sem parar.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Märvel

Hard rock sueco de alto quilate, e que vem ganhando destaque cada vez maior. Os caras sabem compor faixas cativantes, com ótimas linhas vocais e refrões fortes. A trilha sonora perfeita para uma reunião com os amigos.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Black Rainbows

Este trio italiano já gravou três discos, todos trazendo um heavy metal pesado, sujo, tradicional e bem próximo do stoner. O som é simples e sem frescuras, bom para ouvir no talo bebendo uma cerveja gelada.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Sasquatch

Trio de Los Angeles que faz um hard rock classudo, onde o principal destaque é o ótimo vocalista Keith Gibbs – ele também é o guitarrista da banda. Os caras tem três discos no currículo, todos muito bons.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

J.D. Overdrive

Banda polonesa que lançou o seu primeiro álbum em 2011, “Sex Whiskey & Southern Blood”. Antes, os caras haviam liberado um EP em 2008. O grupo se chamava Jack Daniels Overdrive, mas por problemas com os donos da marca do famoso whisky tiveram que abreviar o nome. Hard rock potente, com um pé no metal e outro no stoner.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Juggernaught

Quarteto sul-africano que lançou apenas um disco, o excelente “Act of Goat”, em 2009. Hard pesadão, bêbado e com vocais agressivos, um som sujo onde o destaque são as guitarras. Pra ouvir alto e cantando junto!

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Krallice

Uma das novas forças do black metal norte-americano, esta banda de Nova York lançou em 2011 o álbum “Diotima”, aclamado pela crítica. Com composições longas, que mesclam velocidade e melodia, o grupo é bastante influenciado pela cena norueguesa do início dos anos noventa. Algumas composições lembram o Burzum dos primeiros anos.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Huntress

Banda de metal tradicional californiana. Individualmente, o principal destaque é a bela vocalista Jill Janus, que se define como uma “banshee” operística. A parte instrumental é bastante influenciada pela NWOBHM, com um belo trabalho de guitarras, apesar de, conceituamente, a banda se declarar mais próxima do black metal. Por enquanto o grupo lançou apenas um single, cujo clipe, repleto de referências ao universo de Conan, é um sucesso no You Tube. O primeiro álbum sairá até a metade do ano pela Napalm Records. Se você curte um som na linha de King Diamond, pise fundo!

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Redmist Destruction

Este quarteto inglês acabou de lançar o seu primeiro disco, “Nobility in Death”. Antes, a banda havia liberado um EP auto-intitulado em 2010. O som é thrash metal old school e, segundo a banda, “como o estilo deve ser tocado, e não com a sonoridade destes grupos de thrash revival”. Os caras se dizem influenciados por Slayer, Sepultura e Death, e fazem um som que realmente remete à época de ouro do thrash, agressivo, rápido, pesado e repleto de mudanças de andamento, com riffs transbordando em cada faixa.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Soen

Este quarteto acabou de lançar o seu primeiro disco, “Cognitive”, pela Spinefarm. A banda é formada pelo ex-baterista do Opeth, Martin Lopez, e pelo respeitadíssimo baixista Steve Giorgio (ex-Death, Testament, Iced Earth, Sadus). Ao lado da dupla estão o vocalista Joel Ekelöf e o guitarrista Kim Platbarzdis. O som é um metal com uma grande pegada prog setentista. Em termos comparativos, é uma música semelhante ao que o Opeth fez em seu último disco, o ótimo “Heritage”, porém com uma dose bem maior de peso. O legal é que o primeiro disco dos caras ganhará edição nacional pela Hellion Records.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

MonstrO

Natural de Atlanta, este quarteto norte-americano lançou o seu primeiro disco, auto-intitulado, produzido pelo atual vocalista do Alice in Chains, William DuVall. O grupo conta com o baterista Bevan Davis (Danzig), o baixista Kyle Sanders (Bloodsimple), o guitarrista Juan Montoya (Torche) e o vocalista Charlie Suarez (Sunday Driver). O som é um hard rock repleto de melodia e temperado com doses certeiras de psicodelia. Uma grande banda, que, ao que tudo indica, terá um futuro brilhante!

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Skindred

Se você não é muito aberto a experimentações dentro do heavy metal, fique longe do Skindred. Este grupo inglês surgido em 1998 já lançou quatro álbuns e se auto-define como “ragga punk metal”. O som tem influência da cena new metal, principalmente do Korn, porém com uma dose bem maior de melodia, além de muito groove.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Elimination

Essa banda inglesa surgiu em 2005. O som é thrash metal com uma pegada do metal clássico britânico, o que dá ao som dos caras uma cara única. O último disco dos caras, “The Blood of Titans”, foi lançado em 2011 e é uma espécie de elo perdido entre o thrash e a NWOBHM.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Oddland

Banda turca que lançará o seu primeiro álbum, “The Treachery of Senses”, em abril pela Century Media. Os caras se dizem influenciados pelo Opeth, Katatonia, Devin Townsend, Pain of Salvation, Tool, Meshuggah e King Crimson – ou seja, a história aqui é metal com com elementos progressivos. Andamentos pouco usuais, composições com estruturas fora dos padrões, essas coisas. Se a sua praia é o prog metal, eis aqui um nome pra ficar de olho.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Tacoma Narrows Bridge Disaster

Banda londrina com dois discos na bagagem, “Collapse” (2009) e “Exegesis” (2012). O som une elementos do heavy metal, progressivo e rock alternativo. A Metal Hammer classificou os caras como “post metal”, enquanto alguns sites definem o grupo como “atmospheric sludge metal”. Como curiosidade, vale citar que o nome da banda faz alusão ao famoso desastre da ponte Tacoma, que em novembro de 1940 caiu após ser balançada insistentemente por fortes rajadas de vento.

Veja abaixo mais dicas de novas bandas:
5000 acessosAs novas caras do metal: + 40 bandas que você deve conhecer

Comente: Quais bandas "novas" de metal os usuários do Whiplash.Net precisam conhecer?

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 24 de março de 2012
Post de 28 de março de 2012
Post de 30 de março de 2012
Post de 04 de abril de 2012
Post de 08 de abril de 2012
Post de 29 de outubro de 2016

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias

DoorsDoors
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

SlayerSlayer
As preferências do guitarrista Kerry King

Bon ScottBon Scott
Em 1980, um dos dias mais tristes do rock n' roll

5000 acessosPorn Metal: Filmes para inspirar os headbangers solitários5000 acessosRock in Rio: algumas das maiores vaias em edições nacionais5000 acessosCover: 15 bandas que são quase tão boas quanto o original4976 acessosArch Enemy: Jeff Hanneman nunca será esquecido, diz Gossow5000 acessosDave Mustaine: estou ficando melhor na guitarra graças a Kiko4572 acessosIron Maiden: vídeo dos bastidores da remasterização dos 15 álbuns

Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online