Criaturas Flamejantes: livro conta origem marginal do rock

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Genilson Alves
Enviar correções  |  Comentários  | 


Originalmente um capítulo do livro “Country”, lançado em 1977 e inédito no Brasil, “Criaturas Flamejantes” (Conrad), de Nick Tosches, resgata a origem marginal do rock numa viagem aos confins dos Estados Unidos do final do século XIX até meados da década de 1950.
465 acessosEsquife: Elvis Presley, o rei do Horror Punk5000 acessosCapas de álbuns: as mais obscuras e marcantes da história

“... em um período entre 1952 e 1955”, escreve o autor, “o rock-and-roll já havia tido sua ascensão e queda. Quando Elvis estourou, no começo de 1956, o rock já havia chegado ao final de seu declínio. Tudo que restou foi usado para reinventá-lo, maior e mais barulhento”. Apesar de tal afirmação, Tosches não arrisca uma data precisa para o surgimento do primeiro rock; de acordo com sua pesquisa, o termo “rock-and-roll” já era associado a um estilo musical específico, porém pouco definido, desde os anos 30.

O que se sabe é que antes de Bill Haley e Chuck Berry havia Fats Domino e Hank Williams – e antes desses, muitos outros que emergiram do R&B e da country music, mas que não faziam exatamente nem uma coisa nem outra: honky-tonk, hillbilly boogie, jump blues e boogie-woogie eram desdobramentos que prenunciavam um novo tipo de música incendiária.

Se no início do século XX o jazz era considerado “música indecente, viciosa e com potencialidade de dano enorme”, conforme trecho de um artigo de 1917 citado no começo do livro, o que viria depois causaria um “estrago” permanente nas gerações seguintes. E se havia um personagem que incorporava esse espírito transgressor nos anos primordiais do rock, seu nome era Jerry Lee Lewis.

Depois de Elvis, Lewis foi o artista mais bem sucedido da Sun, gravadora que também revelou Johnny Cash. De fato, não era apenas o estilo musical do intérprete de “Great Balls Of Fire” que representava uma ameaça aos bons costumes; seu perigo era real, inclusive com inúmeros episódios de tentativa de homicídio. Até o rei do rock foi alvo do ímpeto desenfreado de Lewis, que também tinha (ou ainda tem) uma rixa histórica com Chuck Berry (em 1982, Tosches lançou “Hellfire”, biografia de Jerry Lee Lewis, também inédita por aqui).

Mesmo publicado parcialmente, “Criaturas Flamejantes” dá boas pistas para quem quer saber um pouco sobre a gênese do rock e sobre a música popular estadunidense de modo geral – uma história com muitos anti-heróis e poucos mocinhos, da qual o autor, além de investigador, também é testemunha ocular.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 13 de outubro de 2012

465 acessosEsquife: Elvis Presley, o rei do Horror Punk0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Elvis Presley"

BBCBBC
As canções com maior poder de cura da história

Elvis PresleyElvis Presley
Um outro lado do rei

SpinSpin
Revista elege as maiores baixarias da história do rock

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de Livros0 acessosTodas as matérias sobre "Elvis Presley"

Capas de álbunsCapas de álbuns
As mais obscuras e marcantes da história

CuriosidadeCuriosidade
Artistas que odeiam suas próprias músicas

Zakk Wylde e Dave GrohlZakk Wylde e Dave Grohl
A treta por causa de canções para Ozzy

5000 acessosMegadeth: fã tem siricutico ao encontrar Mustaine; veja vídeo5000 acessosThin Lizzy, Metallica: A história de "Whiskey in the Jar"5000 acessosNo alto do castelo há uma linda princesa...5000 acessosReligião: pastor americano acusa Pantera, Sabbath e Priest de satanismo4020 acessosMetal Nacional: as 10 melhores músicas de 20155000 acessosSystem Of A Down: Daron Malakian ensina como ser músico

Sobre Genilson Alves

Genilson Alves é jornalista e autor do blog Radio Sehnsucht.

Mais matérias de Genilson Alves no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online