Resenha - End of Beginning - Lost Forever

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Resenha - End of Beginning - Lost Forever


  | Comentários:

Nota: 9

O texto representa a opinião do autor, não do Whiplash.Net ou de seus editores.

Imagem
O quinteto carioca Lost Forever nasceu em 1997, com a proposta de fundir o heavy metal com pitadas de progressivo, o que convencionou chamar-se de "prog-metal". Após lançarem uma demo em 1998 e um EP em 2000, a banda consegue finalmente parir seu "debut", através da Hellion Records. Fãs assumidos de Black Sabbath e de progressivo, a banda apresenta neste primeiro cd uma boa fusão dos dois estilos, com ênfase no peso das guitarras, auxiliada pelos climas criados pelos teclados.

"Mater Et Magistra" é uma excelente abertura, com toques de Dream Theater aqui e acolá, mas com muito peso, e um vocal altamente influenciado por Geoff Tate (Queensryche) e Damian Wilson (Threshold). O mesmo se repete na excelente e forte "Among The Crowd", que mescla o peso do heavy com as mudanças de andamento do prog com extrema competência. A cadenciadíssima e cativante "The Lies Behind the Mirror" mostra todo o talento dos músicos, aonde se sobressaem o excelente vocal de Hugo Návia e as guitarras polivalentes de Fabbio Nunes e Nelson Magalhães. A influência de Queensryche (principalmente da época de "Promised Land") fica bem evidente.

Já faixas como a balada pesada "Spirits from the Iced Garden" (com belos vocais em falsete) e a heavy a lá Dream Theater "End of The Century" (com várias mudanças de andamento bem colocadas) são grandes momentos de uma banda que hora aposta no prog mais pesado ("Damned Train", com guitarras a lá Iron Maiden), ou no heavy light com toques pop como na belíssima "A Season in Between". Para fechar o cd, nada como a potente suíte "Above the Sins", dividida em 2 partes: a prog-metal a lá Queensryche "Dying Dreams" (desta feita bem influenciada pelo cd "Operation Mindcrime") e a pesada e mais heavy "The Remains of Myself" (com excelentes riffs e mudanças de tema). A temática do cd gira em torno do ser humano e suas desilusões, um ser quase que "perdido para sempre".

A banda é extremamente talentosa e a produção, embora um pouco abafada, não tira o brilho deste cd, que vem a acrescentar mais um excelente nome no metal carioca. Agora é ralar e rolar em vários shows pelo Brasil afora, porque material de qualidade eles já esbanjam em seu primeiro cd. Parabéns ao Lost Forever.

Site oficial: http://www.lostforever.com

Line Up:
Hugo Návia - Vocais
Fabbio Nunes - Guitarras
Nelson Magalhães - Guitarras
André de Lemos - Baixo
Renê Shulte - Bateria
Daniel Melo - Teclados

Lançado em 2003 pela Hellion Records.

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.

Outras resenhas de End of Beginning - Lost Forever

Resenha - End Of Beginning - Lost Forever
Resenha - End of Beginning - Lost Forever


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs
Todas as matérias sobre "Lost Forever"

Allegro: retorno em show com Lost Forever e Indiscipline
Lost Forever: "Rising" merece louvores dos fãs do estilo
Butequim do Engenhão: 4 bandas de metal numa tarde carioca
Lost Forever: Sensação de dever cumprido e bem realizado
Lost Forever e Dreadnox: Heavy Metal direto e empolgante
Lost Forever: vídeo teaser animado de novo álbum
Lost Forever: shows de estréia e nova versão de site
Lost Forever: grupo traz novidades no MySpace
Lost Forever: anunciadas mudanças na formação do grupo
Lost Forever: ex-vocalista está atuando em nova banda
Lost Forever: anunciados novo nome e tracklist de álbum
Lost Forever: divulgados repertório e nome do novo álbum
Live Chaos Tour: Prelludium, Lost Forever & Empurios
Lost Forever: banda esclarece mal entendido em comunicado
Lost Forever: banda carioca anuncia o fim das atividades

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas