Matérias Mais Lidas

imagemA bizarra exigência de Ace Frehley para participar da última turnê do Kiss

imagemMax Cavalera revela como "selou a paz" com Tom Araya, vocalista do Slayer

imagemMax Cavalera diz quais foram os dois discos mais difíceis que já gravou

imagemO álbum do The Who que Roger Daltrey achou "uma m*rda completa

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemPink Floyd: Gilmour nega alegação de Waters sobre "A Momentary Lapse of Reason"

imagemLobão explica porquê todo sertanejo gostaria, no fundo, de ser roqueiro

imagemO grave problema do refrão de "Eagle Fly Free", segundo Fabio Lione

imagemAndreas Kisser conta quais os dez álbuns que mudaram a sua vida

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil

imagem"Stranger Things" traz cena com "Master of Puppets", do Metallica

imagemAlice Cooper diz que em sua equipe "todo mundo é tratado como a banda"

imagemPink Floyd: Suas 10 músicas mais subvalorizadas, segundo a What Culture

imagemHalford relembra o dia que caiu em pegadinha armada por Tony Iommi e Geezer Butler


Stamp

Special Providence: quinto álbum mostra banda totalmente em forma

Resenha - Will - Special Providence

Por Victor de Andrade Lopes
Fonte: Sinfonia de Ideias
Em 30/12/17

Nota: 8

O quarteto húngaro Special Providence, sem dúvidas um dos melhores grupos instrumentais de metal progressivo desde o Liquid Tension Experiment, chega ao seu quinto álbum, Will, totalmente em forma.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

O trabalho soa extremamente coeso, como se fosse uma única faixa de 50 minutos dividida em várias seções. E como manda o manual de metal progressivo instrumental, as faixas abusam de ritmos complexos, variações constantes de andamentos e frases intrincadas, dando espaço para todos os membros exibirem suas habilidades.

Mas temos também alguns momentos de relativa calmaria e simplicidade, como as passagens meio bossa nova de "Irrelevant Connotations", o longo solo sem base de guitarra de "A Magnetic Moment", ou a segunda mais longa "The Rainmaker", que, grosso modo, vê a banda modulando e variando sobre um mesmo fraseado não tão agressivo por quase sete minutos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Os destaques ficam por conta de "Slow Spin" e "Mos Eisley", nas quais o tecladista Zsolt Kaltenecker preenche o som com elementos eletrônicos na melhor escola Rush de oitentização do rock progressivo; e a mais longa, "The Ancient Cosmic Bubble", que vê a banda condensar todas as suas facetas em quase sete minutos e meio do mais refinado progressivo instrumental.

Até pela complexidade do som, pode ser um disco um tanto indigesto e pouco acessível, especialmente para quem não aprecia o gênero. Talvez por isso também o álbum pareça desprovido do chamado "fator uau". Mas ainda assim é merecedor de constar nas listas de melhores lançamentos progressivos de 2017.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Perfeito para os fãs do gênero, Will reafirma o Special Providence como uma potência instrumental da década, no mesmo nível de Animals as Leaders e afins. Pode comprar sem medo - exceto se você não tiver estômago para música deste naipe.

Abaixo, o vídeo de "Irrelevant Connotations":

Track-list:
1. "Akshaya Tritiya"
2. "Irrelevant Connotations"
3. "A Magnetic Moment"
4. "Will"
5. "Neptunian Pyramid Chill"
6. "Slow Spin"
7. "The Rainmaker"
8. "Mos Eisley"
9. "The Ancient Cosmic Bubble"
10. "Distant Knowledge"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Airbourne 2022
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Axl Rose: "ele é um fracassado", diz mulher de Slash


Sobre Victor de Andrade Lopes

Victor de Andrade Lopes é jornalista (Mtb 77507/SP) formado pela PUC-SP com extensões em Introdução à História da Música e Arte Como Interpretação do Brasil, ambas pela FESPSP, e estudante de Sistemas para Internet na FATEC de Carapicuíba, onde mora. É também membro do Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil e responsável pelo blog Sinfonia de Ideias. Apaixonado por livros, ciências, cultura pop, games, viagens, ufologia, e, é claro, música: rock, metal, pop, dance, folk, erudito e todos os derivados e misturas. Toca piano e teclado nas horas livres.

Mais matérias de Victor de Andrade Lopes.