Matérias Mais Lidas

Sepultura: Iggor explica como criou bateria de Refuse/Resist, unindo metal e sambaSepultura
Iggor explica como criou bateria de "Refuse/Resist", unindo metal e samba

Loudwire: o pior álbum de 25 grandes bandas de rock e heavy metal, por Joe DivitaLoudwire
O pior álbum de 25 grandes bandas de rock e heavy metal, por Joe Divita

Yngwie Malmsteen: guitarrista anuncia novo álbum Parabellum e libera single; ouçaYngwie Malmsteen
Guitarrista anuncia novo álbum "Parabellum" e libera single; ouça

Ozzy Osbourne: Clufetos diz que não foi fácil deixar Rob Zombie para tocar com o MadmanOzzy Osbourne
Clufetos diz que não foi fácil deixar Rob Zombie para tocar com o Madman

Dragonforce: cena metal nega a existência do racismo, segundo Herman LiDragonforce
Cena metal nega a existência do racismo, segundo Herman Li

Alice In Chains: para Nancy Wilson era óbvio que Layne perderia a luta contra as drogasAlice In Chains
Para Nancy Wilson era óbvio que Layne perderia a luta contra as drogas

Slipknot: o que Clown pensa sobre os Beatles?Slipknot
O que Clown pensa sobre os Beatles?

Iron Maiden: por que Paul Di'Anno adotava visual tão diferente de outros do metalIron Maiden
Por que Paul Di'Anno adotava visual tão diferente de outros do metal

Cannibal Corpse: Corpsegrinder diz qual é o vocalista que mais o influenciouCannibal Corpse
Corpsegrinder diz qual é o vocalista que mais o influenciou

Anthrax: Scott Ian diz que ficou louco de ciúmes quando ouviu Metallica a primeira vezAnthrax
Scott Ian diz que ficou "louco de ciúmes" quando ouviu Metallica a primeira vez

Pensilvânia: do rock and roll ao death metal, 10 grandes bandas que surgiram no estadoPensilvânia
Do rock and roll ao death metal, 10 grandes bandas que surgiram no estado

Raimundos: Canisso reforça que Digão surtou pois chama até João Gordo de pela sacoRaimundos
Canisso reforça que Digão surtou pois "chama até João Gordo de pela saco"

Nightwish: Tuomas admite que pensou em acabar com a banda após Marko Hietala sairNightwish
Tuomas admite que pensou em acabar com a banda após Marko Hietala sair

Alter Bridge: a postura de Eddie Van Halen ao ir a show da banda, segundo MylesAlter Bridge
A postura de Eddie Van Halen ao ir a show da banda, segundo Myles

Inglaterra: 25 grandes bandas de rock e metal que não são de LondresInglaterra
25 grandes bandas de rock e metal que não são de Londres


Arte Musical
Stamp
Korzus

Resenha - System has Failed - Megadeth

Por Sílvio Costa
Em 04/10/04

Existem, basicamente, três tipos de bandas no universo do heavy metal. Há aqueles que criam o estilo, há os que reinventam e, na cola desses dois primeiros grupos, há uma infinidade de clones, que insistem em copiar os mestres e tentar (raramente com sucesso) fazer igual a eles, raramente alcançando resultados satisfatórios. O Megadeth não pode ser considerado um dos "pais" do thrash metal, mas, seguramente, é a banda que mais contribuiu para que o estilo fugisse do marasmo a partir do início dos anos 90, quando os criadores do estilo começaram a se enveredar por caminhos obscuros, optando ora pela via fácil da suavização em nome do sucesso comercial, ora pela fusão com outros estilos, coisa que nem sempre rendeu bons dividendos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O Megadeth passou meio que imune a todas essas mudanças até meados da década passada, quando foi lançado o já seminal Youthanasia (1994). De lá para cá, uma sucessão de discos ou medianos ou abaixo da crítica (com algumas louváveis exceções, é lógico) acabou levando a banda à extinção. Junte-se a isto, a personalidade instável de seu mentor — o genial, porém pouco carismático Dave Mustaine — e o que se obtém é uma banda com uma carreira invejável, mas que acabou produzindo muito menos do que aquilo que lhe permitia o seu quase inesgotável potencial. The System has Failed é mais uma incontestável prova do talento de Mustaine como compositor e, ainda que tenha sido anunciado como o último álbum de estúdio da banda (a gente já viu esse filme antes, mas pode ser que o cara esteja realmente falando sério), demonstra que o Megadeth ainda tem muita lenha para queimar. The System has Failed pode até nem ser o melhor disco do Megadeth, mas é, seguramente, um dos melhores discos do ano (seguramente, o melhor disco de thrash metal – mesmo não se esquecendo dos petardos lançados pelo Exodus e pelo Tankard). As razões disso são, principalmente, a maestria de Dave Mustaine no comando de tudo e o apelo forte à velha escola da Bay Area, que rendeu tantos bons nomes.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Diferentemente do que vem sendo afirmado pela imprensa, The System has Failed não é uma continuação da obra-prima Rust in Peace (1990). Se for para resumir o álbum em poucas palavras, pode-se dizer que está mais próximo de uma mescla bem arranjada de Youthanasia e Countdown to Extinction (1992) com Cryptic Writings (1997). Isto não significa, porém, que o que se ouve aqui são colagens de álbuns antigos. Mustaine deve ter trabalhado intensamente para criar um disco tão denso e tão variado. Há muitas músicas que lembram aquela fase mais oitentista do thrash metal sem concessões que o Megadeth sempre fez, como é o caso da maravilhosa "Blackmail the Universe" e "Back in the Day". "Kick the Chair", conhecida pelos fãs da banda desde o início do ano, é uma das melhores faixas do álbum, justamente por ser a que melhor expressa essa volta às raízes por parte da banda.

Entretanto, não se trata de um disco simples. Faixas como "The Scorpion", em que predomina um certo experimentalismo cada vez mais freqüente nos trabalhos de Mustaine (pelo menos desde o abominável Risk, de 1999), embora isto não seja suficiente para transformar em algo ruim este novo disco. Aqui é possível ouvir um pouco de todas as fases do Megadeth, mas todas elas homogeneizadas dentro da mesma proposta de fazer um disco pesado, técnico e veloz, cedendo, vez por outra, espaço para uma ou outra idéia heterodoxa em termos de thrash metal.

Ainda assim, o que mais legal nesse disco novo é que Mustaine optou por não "modernizar" o som do Megadeth, diferentemente daquilo que fizeram o Slayer e, sobretudo, o Metallica nos seus últimos álbuns. Em linhas gerais, a grande inovação contida em The System has Failed é justamente o fato de ele soar tradicional, oitentista. Cercado de músicos competentes (destaque especial para o batera Vinnie Colaiuta, que já cedeu lugar para o inigualável Nick Menza). Mustaine continua escrevendo com seu próprio sangue (dê uma olhada na letra de "Truth to be Told" e confirme) e trabalhando linhas melódicas impressionantes em se tratando de thrash metal tradicional. A produção do disco — levada a cabo por Dave Mustaine, auxiliado por Jeff Balding (que trabalhou no Risk)— é bem limpa, mas não retirou a atmosfera "vintage" que predomina no álbum.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Não há dúvida quanto ao fato de este ser o disco mais "pessoal" e passional do Megadeth. Reflexo de todas as dificuldades por que passou a banda nos últimos dois ou três anos, The System has Failed traz consigo toda a raiva acumulada por Mustaine nesses anos de idas e voltas, sempre lidando com os reveses impostos pela indústria musical e pelas suas próprias escolhas. Mesmo quem não considerar este um bom disco, pelo menos há de concordar que, olhando agora, a melhor que já aconteceu ao líder do Megadeth foi ele ter sido chutado de uma certa banda que hoje se envereda pelos descaminhos do new metal descaradamente.

Banda:
Dave Mustaine: Vocal, Guitarra
Jimmy Sloas: Baixo
Chris Poland: Guitarra
Vinnie Colaiuta: Bateria


Outras resenhas de System has Failed - Megadeth

Megadeth: The System Has Failed, o álbum esquecido

Megadeth: 10 anos do renascimento com "The System Has Failed"

Megadeth: o retorno de um Big 4

Resenha - System Has Failed - Megadeth

Resenha - System Has Failed - Megadeth

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

💬 Ler e postar comentários


Edu Falaschi - Vera Cruz
Pentral
MOPD
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Loudwire: o pior álbum de 25 grandes bandas de rock e heavy metal, por Joe DivitaLoudwire
O pior álbum de 25 grandes bandas de rock e heavy metal, por Joe Divita

Dave Mustaine: ele vendia drogas para a irmã de Dino Cazares, do Fear FactoryDave Mustaine
Ele vendia drogas para a irmã de Dino Cazares, do Fear Factory

Megadeth: banda fará turnê pela América do Norte com LOG, In Flames e TriviumMegadeth
Banda fará turnê pela América do Norte com LOG, In Flames e Trivium

Electra: filha de Dave Mustaine abandona o country e lança música pop; ouçaElectra
Filha de Dave Mustaine abandona o country e lança música pop; ouça

Lista: de Beach Boys até Possessed, 50 grandes bandas formadas na CalifórniaLista
De Beach Boys até Possessed, 50 grandes bandas formadas na Califórnia

Diamond Head: O Metallica tem sido o suporte básico de vida do Diamond HeadDiamond Head
"O Metallica tem sido o suporte básico de vida do Diamond Head"

Download Festival: Megadeth e mais de 70 bandas confirmadas como atrações em 2022Download Festival
Megadeth e mais de 70 bandas confirmadas como atrações em 2022

Inesquecíveis: 20 músicas que marcaram os anos 1990 - Parte 3Inesquecíveis
20 músicas que marcaram os anos 1990 - Parte 3

Megadeth: Dave Mustaine é um guerreiro incansável, segundo David EllefsonMegadeth
Dave Mustaine é um "guerreiro" incansável, segundo David Ellefson

Lista: 10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentesLista
10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentes

Inesquecíveis: 20 músicas que marcaram os anos 1990 - Parte 2Inesquecíveis
20 músicas que marcaram os anos 1990 - Parte 2

Megadeth: 5 músicas que os guitarristas precisam ouvir, segundo o MusicRadarMegadeth
5 músicas que os guitarristas precisam ouvir, segundo o MusicRadar

Megadeth: Dave Mustaine toca riffs em cerimônia antes de jogo de futebol nos EUAMegadeth
Dave Mustaine toca riffs em cerimônia antes de jogo de futebol nos EUA

Saúde: 20 músicas para jovens ficarem animados durante a atividade física - Parte 1Saúde
20 músicas para jovens ficarem animados durante a atividade física - Parte 1

Megadeth: Ellefson diz que ele e Dave Mustaine são como irmãos um para o outroMegadeth
Ellefson diz que ele e Dave Mustaine são como irmãos um para o outro


Metallica: e se Hardwired fosse do Slayer, Pantera, Anthrax ou Megadeth?Metallica
E se "Hardwired" fosse do Slayer, Pantera, Anthrax ou Megadeth?

Laser pointers: astros do rock versus idiotasLaser pointers
Astros do rock versus idiotas

Dave Mustaine: ele peitou Phil Anselmo pra proteger Nick MenzaDave Mustaine
Ele peitou Phil Anselmo pra proteger Nick Menza


Slayer: quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanistaSlayer
Quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanista

Guitarristas e vocalistas: os 10 melhores casamentosGuitarristas e vocalistas
Os 10 melhores "casamentos"


Sobre Sílvio Costa

Formado em Direito e tentando novos caminhos agora no curso de História, Sílvio Costa é fanzineiro desde 1994. Começou a colaborar com o Whiplash postando reviews como usuário, mas com o tempo foi tomando gosto por escrever e espera um dia aprender como se faz isso. Já colaborou com algumas revistas e sites especializados em rock e heavy metal, mas tem o Whiplash no coração (sem demagogia, mas quem sabe assim o JPA me manda mais promos...). Amante de heavy metal há 15 anos, gosta de ser qualificado como eclético, mesmo que isto signifique ter que ouvir um pouco de Poison para diminuir o zumbido no ouvido depois de altas doses de metal extremo.

Mais matérias de Sílvio Costa no Whiplash.Net.