Buckcherry: som e performance impecáveis em SP

Resenha - Buckcherry (Credicard Hall, São Paulo, 17/05/2011)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Paulo Giovanni G. Melo
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

O BUCKCHERRY se apresentou pela primeira vez no Brasil, na noite de terça-feira, 17 de maio de 2011. A banda abriu o show do MOTLEY CRUE em única apresentação no Brasil. Com um set-list de aproximadamente uma hora, o quinteto californiano esquentou o público na fria noite paulistana com uma apresentação sensacional, mostrando porque é considerada uma das melhores bandas de Hard Rock da nova geração.

Heavy Metal: 10 músicas inspiradas em heróis de quadrinhosGhost: De quais bandas brasileiras eles gostam?

A banda foi criada em 1995 pelo Vocalista Josh Todd e pelo guitarrista Keith Nelson e tem como uma de suas maiores influências o próprio MOTLEY CRUE. Ela chegou a encerrar as atividades em 2002, mas em 2005 Josh e Keith se reuniram e recrutaram Xavier Muriel (bateria), Jimmy Ashhurst (baixo) e Stevie Dacanay (guitarrista) para formar esta que é, sem dúvida, a melhor formação do BUCKCHERRY.

Às 21:30 o grupo entrou no palco e iniciou o show com Dead, Rescue Me e All Night Long. Josh Todd, um dos melhores vocais de Hard Rock em atividade, e um dos poucos ainda com claras influências dos anos 80, sempre com suas danças e rebolados característicos, aproveitou muito bem a ótima qualidade do som da casa.

Embora a banda não fosse a atração principal da noite, ela teve uma boa recepção do público e foi aplaudida durante toda a apresentação. Destaque para as ótimas canções It´s a Party, hit do último trabalho de estúdio "All Night Long", Next 2 You, onde o baixista Jimmy Ashhurst mostra muito de seu feeling nas quatro cordas, a clássica Lit Up, talvez a mais famosa canção da formação original do BUCKCHERRY e Slammin´, uma das músicas mais bonitas do disco "Time Bomb" de 2001.

Como tem feito em seus shows nos últimos tempos, o BUCKCHERRY encerrou sua primeira apresentação em solo brasileiro com a balada Sorry seguida pela fantástica Crazy Bitch, essas que são as canções mais conhecidas da banda.

Uma celebração para quem curte Hard Rock e uma noite perfeita de uma banda que, embora já tenha lançado cinco discos de estúdio e um ao vivo (este considerado por muitos um dos melhores registros ao vivo da história do Rock), ainda está em franca ascendência e tem muita estrada pela frente.

Esperamos que o BUCKCHERRY volte ao Brasil em breve, quem sabe como protagonista, ou em outros festivais país afora como uma das atrações principais.

BUCKCHERRY - 17 de maio de 2011 - Credicard Hall - São Paulo.

Set-list:

Dead
Rescue Me
All Night Long
Everything
Oh My Lord
It's a Party
Next 2 You
Lit Up
Slammin'
Lawless & Lulu
Sorry
Crazy Bitch

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Todas as matérias e notícias sobre "Buckcherry"

Velvet Revolver
Os vocalistas já cogitados para a banda

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Buckcherry"

Heavy Metal
10 músicas inspiradas em heróis de quadrinhos

Ghost
De quais bandas brasileiras eles gostam?

AC/DC
Axl conta por que Angus vive correndo no palco

Axl Rose: o que ocorreu quando o confundiram com Bon JoviTradução - Iron Maiden - Iron MaidenIron Maiden: Felipe Dylon toca clássicos da donzelaBruce Dickinson: "Agora você pode se tornar famoso apenas sendo estúpido"How Old Am I: app tenta desvendar idade dos rockstarsMetallica: Ulrich não quer esconder o fato de ser rico

Sobre Paulo Giovanni G. Melo

Mineiro de Belo Horizonte. Fã de Hard Rock e Heavy Metal, especialmente a partir dos anos 80, não dispensa um disco ao vivo destes estilos. Entre várias de suas bandas preferidas estão Ratt, Aerosmith, Buckcherry, The Cult, Whitesnake, Whitecross, Guns N´ Roses e Motley Crue.

Mais matérias de Paulo Giovanni G. Melo no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online