Besatt: ódio ou vingança é natural e deve ser desejável!

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Edilson Luiz Piassentini, Fonte: Underground Newz
Enviar correções  |  Ver Acessos

Formada em 1991 por Beldaroh (baixo), Weronis (guitarra) e Dertalis (bateria), o Besatt é um dos grandes nomes da cena Black Metal mundial. Recentemente a banda fez uma turnê pelo Brasil, e a página Underground Newz teve a oportunidade de entrevistar o vocalista e baixista Beldaroh, único integrante remanescente da formação original, que nos contou sobre os shows no Brasil, o recente álbum Nine Sins, e sobre seus mais de 20 anos de banda. Confiram!

Iron Maiden: o passado vergonhoso registrado em fotosMegadeth: "Magia negra arruinou minha vida", diz Mustaine

UNDERGROUND NEWZ - Beldaroh, primeiramente obrigado pela entrevista. Estive presente realizando a cobertura do show do Besatt e Enthroned na cidade de Soracaba-SP no dia 07/12. Realmente foi um grande show. Quais as lembranças desse show, e como foi a participação da banda no Zombie Ritual 2014?

BELDAROH: Bem, falando de Sorocaba devo dizer que foi realmente muito bom. Grandes bandas de apoio, que realmente fizeram o seu trabalho, e que também demos 666% de nós no palco, e claro, o infernal desempenho do Enthroned fez deste evento ainda mais diabólico. Quanto ao Zoombie Ritual, devo dizer que foi nosso melhor show nesta turnê. O comparecimento foi grande, as pessoas gritando sob o palco, cantando com a gente, um sentimento realmente incrível. Temos certeza que não vamos esquecer disso!

UNDERGROUND NEWZ - Vocês não guardam boas lembranças da ultima turne aqui no Brasil no quesito organização. Mas para essa turne, podemos dizer que tudo ocorreu bem? Em algum momento ficaram receosos em voltar para o Brasil?

BELDAROH: Sim, para está turnê ocorreu tudo perfeitamente! Nosso manager é um cara muito profissional, e tem um grande experiência com realização de shows. Além de que muitas pessoas de negócios nos disseram que Tiago (o manager) é muito inteligente, e eles estavam certos! Então, desta vez, não achamos que algo poderia dar errado. Eu gostaria de aproveitar esta oportunidade para agradecer a pessoas de "T7 Productions" por toda a ajuda e estou esperando para que possamos nos reunir novamente no futuro.

UNDERGROUND NEWZ - Quanto ao recente álbum Nine Sins, como está sendo a receptividade por parte dos fãs e da mídia? E Uma curiosidade. Nine Sins possui 9 faixas e também é o nono álbum da banda. O nome foi apenas uma coincidencia, ou de certa forma foi proposital?

BELDAROH: O feedback do nosso mais recente lançamento está sendo muito bom por enquanto. Este é apenas uma continuação do caminho que o Besatt escolheu há muito tempo. É claro que a coisa com o número "nove" não foi acidental. Este é o nosso nono álbum completo, com nove músicas nele e liricamente é uma versão conceitual que fala sobre nove instintos humanos, que alguns chamam de "pecados". Na minha opinião o "ódio" ou "vingança" são muito natural e deve ser humanamente desejável.

UNDERGROUND NEWZ - Você é o unico membro remanescente da formação original do Besatt. Como é fazer parte de uma banda por mais de 20 anos? Quais foram as suas influencias e também da banda ?

BELDAROH: É uma sensação maravilhosa, ter uma banda em que você possa expressar a sua visão através da música, e é por isso que eu estou nessa há mais de vinte anos. Isso me dá plena satisfação e auto-realização, não consigo imaginar minha vida sem tocar. Desde o início a principal influência para nós foram bandas satânicas como Venom, Celtic Frost, ou os poloneses do Kat. Besatt é considerada como uma banda satânica desde o início e será até ao fim.

UNDERGROUND NEWZ - Sabemos que a cena do black metal é muito forte na Noruega, mas como é a cena do black metal em seu país?

BELDAROH: Aqui na Polônia, sempre tivemos a cena black metal muito forte. Na minha opinião, é uma das mais fortes do mundo. Temos bandas como Behemoth, que é conhecido em todos os cantos da terra, Graveland, , Infernal War, Taran, Black Altar, Azarath, e as bandas que são chamadas de a "nova onda" de black metal como Furia, MGLA, Thaw e muitos mais, todas tocando em um alto nível.

UNDERGROUND NEWZ - O público brasileiro tem uma grande admiração pelo metal extremo. Para você, existe muita diferença entre o publico brasileiro e o europeu, quando se fala em música extrema?

BELDAROH: O público brasileiro é simplesmente fantástico. Há fãs muito dedicados que reagem sempre de forma animada nos shows de metal extremo. Toda vez que tocamos aqui podemos sentir como as pessoas reagem debaixo do palco com a nossa música, revivendo-a com a gente, criando uma espécie de mistério. O público na Europa é diferente. As pessoas não reagem de forma animada como no Brasil. Aqui as pessoas vão para shows principalmente para estar ao lado e ouvir a música ao invés de balançar a cabeça debaixo do palco. É por isso que eu prefiro tocar no Brasil do que na Europa.

UNDERGROUND NEWZ - O Brasil também possui grandes bandas de metal extremo. Quais bandas da cena black metal do Brasil voce conhece?

BELDAROH: Sim, isso é sempre uma boa pergunta. Porque no mundo o Brasil é famoso por Sepuluta, Krisiun, Sarcófago. Durante nossos shows no Brasil acabamos conhecendo outras bandas, talvez menos famosas, mas extremas e brutais. Posso citar algumas delas: Unearthly, Nervo Chaos, Occultan, Spell Forest, Sardonic Impous, Devilish, Lord Sataniqua, Mork Visdom, Auguro, Infernal War 666, Impiedoso, e muitos mais ...

UNDERGROUND NEWZ - Beldaroh, mais uma vez agradeço pela entrevista. Deixe um recado para os fãs e para os seguidores da página Underground Newz. Abraços e sucesso

BELDAROH: Hail Lucifer forever !!!



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Besatt"


Iron Maiden: o passado vergonhoso registrado em fotosIron Maiden
O passado vergonhoso registrado em fotos

Megadeth: Magia negra arruinou minha vida, diz MustaineMegadeth
"Magia negra arruinou minha vida", diz Mustaine

Enjaulados: Os crimes mais chocantes da história do rockEnjaulados
Os crimes mais chocantes da história do rock

Túmulos: alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUATúmulos
Alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUA

Overkill: mandando recado ao Avenged SevenfoldOverkill
Mandando recado ao Avenged Sevenfold

Rockstars: publicação elege os 100 maiores ainda vivosRockstars
Publicação elege os 100 maiores ainda vivos

Cradle Of Filth: críticas a St. Anger e Death Magnetic, do MetallicaCradle Of Filth
Críticas a St. Anger e Death Magnetic, do Metallica


Sobre Edilson Luiz Piassentini

Amante do metal desde os 13 anos de idade, fã indiscutível de King Diamond e Mercyful Fate, e também um grande apreciador das cervejas estilo Weiss e um dos editores do site Rock N'Breja! Rock e Cerveja, a combinação perfeita.

Mais matérias de Edilson Luiz Piassentini no Whiplash.Net.