Matérias Mais Lidas

Titãs: o motivo pelo qual Arnaldo Antunes saiu da banda antes de TitanomaquiaTitãs: o motivo pelo qual Arnaldo Antunes saiu da banda antes de "Titanomaquia"

Como está hoje o casal que inspirou Eduardo e Mônica, da Legião UrbanaComo está hoje o casal que inspirou "Eduardo e Mônica", da Legião Urbana

Beatles: todas as músicas da banda em ordem de grandiosidade, segundo a NMEBeatles: todas as músicas da banda em ordem de grandiosidade, segundo a NME

João Gordo e Eloy Casagrande ironizam morte de Olavo de Carvalho nas redesJoão Gordo e Eloy Casagrande ironizam morte de Olavo de Carvalho nas redes

Bruce Dickinson já fez show para um único ser humano (e ofereceu cerveja ao felizardo)Bruce Dickinson já fez show para um único ser humano (e ofereceu cerveja ao felizardo)

Angra: brincadeira fez com que Andre Matos saísse da banda após Holy LandAngra: brincadeira fez com que Andre Matos saísse da banda após "Holy Land"

Foo Fighters: a tocante opinião de Brian May (Queen) sobre a bandaFoo Fighters: a tocante opinião de Brian May (Queen) sobre a banda

Bruce Dickinson, sem pensar duas vezes, revela pérola do Maiden que merece mais atençãoBruce Dickinson, sem pensar duas vezes, revela pérola do Maiden que merece mais atenção

Nightwish: a sincera opinião da ex-vocalista Anette Olzon sobre atual som da bandaNightwish: a sincera opinião da ex-vocalista Anette Olzon sobre atual som da banda

Punk contra a Rainha: o dia em que Freddie Mercury deu um enquadro em Sid ViciousPunk contra a Rainha: o dia em que Freddie Mercury deu um enquadro em Sid Vicious

Steve Vai: Eu não posso tocar como Yngwie Malmsteen; ninguém pode tocar como eleSteve Vai: "Eu não posso tocar como Yngwie Malmsteen; ninguém pode tocar como ele"

Jason Bonham ficou magoado com Led Zeppelin por ficar de fora da reunião do grupoJason Bonham ficou magoado com Led Zeppelin por ficar de fora da "reunião" do grupo

Black Sabbath: 10 músicas menos conhecidas da formação clássica que todos deveriam ouvirBlack Sabbath: 10 músicas menos conhecidas da formação clássica que todos deveriam ouvir

A carinhosa opinião de Chris Cornell sobre John LennonA carinhosa opinião de Chris Cornell sobre John Lennon

Lemmy e Joey Ramone: a forte e verdadeira amizade entre duas lendas do RockLemmy e Joey Ramone: a forte e verdadeira amizade entre duas lendas do Rock


Clash: The Joe Strummer Story é um ótimo documentário

Resenha - Joe Strummer Story - Clash

Por Mário Orestes Silva
Em 28/04/16

Lançado no ano de 2009, este ótimo documentário, produzido e dirigido por Mike Parkinson, intitulado "The Clash – The Joe Strummer Story" tem uma hora de duração, abrangendo a história da banda mais versátil e política do punk rock clássico, com o foco, evidentemente em seu guitarrista, vocalista e principal mentor, Joe Strummer, que além de ser o front man do grupo, era o mais político de todos, o mais carismático, e o mais talentoso.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

As lembranças resgatam os primórdios dos músicos no início de carreira, bem antes da formação do Clash, propriamente dito, com o começo de suas amizades também, até a ruptura da banda após a fama mundial e mesmo parte da carreira solo de Joe. A edição não se prende somente nos depoimentos, mas também em trechos de apresentações marcantes e raras. Uma boa curiosidade do filme é que não aparecem declarações apenas de músicos, como por exemplo, Glen Matlock dos Sex Pistols, mas também de roadies, promoters e até mesmo de fãs. Porém, o que chega a ser emocionante mesmo são os depoimentos apaixonados dos companheiros Headon Topper, Tymon Dogg e principalmente de Mick Jones, que visivelmente se emociona ao recordar os momentos históricos com o saudoso amigo. Impressionante que existe quase que uma unanimidade nos depoimentos quanto ao felling expresso por Joe em palco. Tanto nos ímpetos das pernas acompanhando o ritmo, quanto nas expressões faciais, típicas de quem vivenciava as letras. A propósito, como letrista, Strummer também é ovacionado unanimemente. Seja pela juventude suburbana e sindicalista ou pelo flerte direto com Guevara, com o sandinismo, zapatismo, indígenas e outras minorias reprimidas que levantaram reação à suas realidades inconcebíveis. Algumas cenas de shows são extremamente marcantes, mas todo o clima saudosista cai por terra com as imagens de apresentação dos Mescaleros, banda em que Joe Strummer já vinha mantendo, com um relativo sucesso, por alguns anos. A execução de "London Calling" ao vivo, com a mesma perfeição da performance de estúdio é de arrepiar. Contudo, os Mescaleros não sobreviviam apenas de covers do Clash. Óbvio que essas eram os momentos de clímax nos shows, mas eles teem excelentes músicas próprias à altura do "choque".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Joe morreu em 23 de dezembro de 2002 com apenas 50 anos de idade, mas seu legado viverá para sempre. "The Clash – The Joe Strummer Story" é um DVD conciso, mas cativante. Com fácil acesso e compra pela internet, é uma ótima pintura da vida desse grande artista que fez história no punk rock mundial.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Loudwire: 27 álbuns de rock e metal com mais de uma hora e meia de duraçãoLoudwire
27 álbuns de rock e metal com mais de uma hora e meia de duração

Champions League do Rock: bandas de Manchester e Londres, cidades dos clubes finalistasChampions League do Rock
Bandas de Manchester e Londres, cidades dos clubes finalistas

Lista: 20 grandes bandas de rock e heavy metal que surgiram em LondresLista
20 grandes bandas de rock e heavy metal que surgiram em Londres


Capas de álbuns: idosos em casa de repouso recriam artes de clássicos do rock e popCapas de álbuns
Idosos em casa de repouso recriam artes de clássicos do rock e pop

Punk Rock: os 25 melhores discos segundo o site IGNPunk Rock
Os 25 melhores discos segundo o site IGN

Ultimate Classic Rock: Os 10 melhores singles de estreiaUltimate Classic Rock
Os 10 melhores singles de estreia


Slayer: quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanistaSlayer
Quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanista

Guitarristas e vocalistas: os 10 melhores casamentosGuitarristas e vocalistas
Os 10 melhores "casamentos"


Sobre Mário Orestes Silva

Deuses voavam pela Terra numa nave. Tiveram a idéia de aproveitar um coito humano e gerar uma vida experimental. Enquanto olhavam, invisíveis ao coito, divagavam: - Vamos dar-lhe senso crítico apurado pra detratar toda sua espécie. Também daremos dons artísticos. Terá sex appeal e humor sarcástico. Ficará interessante. Não pode ser perfeito. O último assim, tivemos de levar à inquisição. Será maníaco depressivo e solitário. Daremos alguns vícios que perderá com a idade pra não ter de morrer por eles. Perderá seu tempo com trabalho voluntário e consumindo arte. Voltaremos numas décadas pra ver como estará. Assim foi gerado Mário Orestes. Décadas depois, olharam como estava aquela espécie experimental: - O que há de errado? Porque ele ficou assim? Criamos um monstro! É anti social. Acumula material obsoleto que chamam de música analógica. Renega o título de artista pelo egocentrismo em seus semelhantes. Matamos? - Não. Ele já tentou isso sem sucesso. O Deixaremos assim mesmo. Na loucura que criamos pra vermos no que dará, se não matarem ele. Já tentaram isso, também sem sucesso. Então ficará nesse carma mesmo. Em algumas décadas, voltaremos a olhar o resultado. Que se dane.

Mais matérias de Mário Orestes Silva.