Nervochaos: em time que está ganhando não se mexe

Resenha - To the Death - Nervochaos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Christiano K.O.D.A.
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 8


Já diz o famoso ditado: em time que está ganhando não se mexe. No caso do Nervochaos, é mais uma verdade. O quarteto, formado por Guiller (guitarra/vocal), Quinho (guitarra/backing vocal), Felipe Freitas (baixo) e Edu Lane (bateria) continua com seu característico Death Metal 'old school' quadradão na veia e artéria. Apenas uma constatação sai do "normal": "To the Death" parece estar muito mais pesado que seu antecessor, o álbum "Battalions of Hate".

Nervochaos: Consolidando o próprio nicho na cena da música extrema nacionalOrtografia: como deveriam realmente se chamar as bandas?

Curiosamente, o disco saiu pela Cogumelo Records. Afinal, todos os anteriores foram lançados pela Tumba Productions, de propriedade do baterista. E como de praxe, as várias participações especiais de peso, todas fazendo solos de guitarra: Ralph Santolla (Deicide/Obituary) em "The Exile"; Cherry (Hellsakura) em "Gospel of Judas"; Jão (Ratos de Porão) em "Sheep Amongst Wolves"; Antônio Araújo (Korzus) em "Mark of the Beast", e Zhema (Vulcano) em "Wolves Curse".

E é preciso destacar o trabalho excepcional gravado por Araújo, um solo espetacular, que levou a faixa a outro patamar. Portanto, mais do que nunca, essa música foi perfeita para abrir o disco. Da mesma forma, a citada "Wolves Curse" também conta com um trabalho brilhante de Zhema no seu solo e termina o álbum de forma bem adequada: densa e lenta, realmente parecendo invocar a morte.

Saindo um pouco do som tradicional exercido pelo grupo, vale mencionar também a cadenciada "Gospel of Judas", muito bem trabalhada e com alternâncias de ritmos interessantes.

A capa do material novamente é digna de elogios, bem elaborada, trabalho do artista Joe Petagno. Aliás, revisando a discografia da banda, a fixação pelas cores laranja/vermelha nos discos anteriores é impressionante.

Como brindes, o CD ainda traz um adesivo e um patche bem bacanas. No quesito profissionalismo, estão com saldo bem positivo.

O título já entrega a paixão do conjunto: Death Metal para sempre. Tradicional e bem direto, mais um petardo solto na cena underground nacional.

Nervochaos - To the Death
Cogumelo Records - 2012 - Brasil

http://www.nervochaos.com.br/
http://www.facebook.com/NervoChaos
http://www.metalmedia.com.br/nervochaos/
http://www.myspace.com/nervochaos
http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=1257666

Tracklist:
1. Mark of the Beast 02:21
2. Sheep Amongst Wolves 03:07
3. Your World's Trend 03:20
4. Gospel of Judas 03:48
5. The Exile 02:44
6. To the Death 02:30
7. Hate 04:12
8. Smoking Mortal Remains 03:17
9. Mind Under Siege 03:09
10. Delusions and Lies 03:33
11. Destroyer of Worlds 02:05
12. Warlords Unbound 03:59
13. Wolves Curse 04:37
Total: 42:42


Outras resenhas de To the Death - Nervochaos

NervoChaos: Death Metal feito na medida certaNervochaos: incansável e vigorosamente caóticoNervochaos: talvez o melhor disco de sua carreira até hoje




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Nervochaos"


Nervochaos: Consolidando o próprio nicho na cena da música extrema nacionalKZG: Edu Lane, do Nervochaos, é entrevistado por Gastão MoreiraNervoChaos: vídeos da turnê mundial e datas das turnês norte-americana e africana

Krisiun: se não tivessem agido rápido, a banda poderia ter sido presa, diz MoysesKrisiun
Se não tivessem agido rápido, a banda poderia ter sido presa, diz Moyses

Death Metal: 5 álbuns nacionais que não se pode deixar de escutarDeath Metal
5 álbuns nacionais que não se pode deixar de escutar


Ortografia: como deveriam realmente se chamar as bandas?Ortografia
Como deveriam realmente se chamar as bandas?

Sílvio Santos: The Number Of The Beast em ritmo de festaSílvio Santos
"The Number Of The Beast" em ritmo de festa


Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336