Matérias Mais Lidas

Metallica: a fortuna que Robert Trujillo recebeu só para se juntar à bandaMetallica
A fortuna que Robert Trujillo recebeu só para se juntar à banda

RATM: Tom Morello revela por que não corta as cordas de sua guitarraRATM
Tom Morello revela por que não corta as cordas de sua guitarra

Iron Maiden: linha fitness de produtos oficiais licenciados pela W A SportIron Maiden
Linha fitness de produtos oficiais licenciados pela W A Sport

Neil Peart: por que ele é melhor que John Bonham, segundo Mike PortnoyNeil Peart
Por que ele é melhor que John Bonham, segundo Mike Portnoy

Van Halen: quando eles tocaram Jump desastrosamente fora do tom em 2007Van Halen
Quando eles tocaram "Jump" desastrosamente fora do tom em 2007

Megadeth: novo álbum de estúdio vai ter um cover, afirma MustaineMegadeth
Novo álbum de estúdio vai ter um cover, afirma Mustaine

Ozzy Osbourne: Vinny Appice recusou oferta para ser baterista da banda do MadmanOzzy Osbourne
Vinny Appice recusou oferta para ser baterista da banda do Madman

Motörhead: Mikkey Dee tinha brigas honrosas com Lemmy; Phil Campbell era na deleMotörhead
Mikkey Dee tinha "brigas honrosas" com Lemmy; Phil Campbell era na dele

AC/DC: quando jovem, Angus Young não gostava nem um pouco da escola e a evitavaAC/DC
Quando jovem, Angus Young não gostava nem um pouco da escola e a evitava

Black Sabbath: por que dificilmente teremos algo oficial com Dave Walker no vocalBlack Sabbath
Por que dificilmente teremos algo oficial com Dave Walker no vocal

Steve Vai: guitarrista rasga elogios a Zakk Wylde, no pessoal e no profissionalSteve Vai
Guitarrista rasga elogios a Zakk Wylde, no pessoal e no profissional

Guns N' Roses: quando Donald Trump quis conhecer Axl Rose, o Trump do rockGuns N' Roses
Quando Donald Trump quis conhecer Axl Rose, o "Trump do rock"

Kreator: Mille fala sobre racismo e diz que metal sempre teve a ver com direitos humanosKreator
Mille fala sobre racismo e diz que metal sempre teve a ver com direitos humanos

Judas Priest: quando eles negaram música a Top Gun e apostaram em filme que fracassouJudas Priest
Quando eles negaram música a Top Gun e apostaram em filme que fracassou

Behemoth: Nergal lança campanha é hora dos artistas poloneses lutarem, após condenaçãoBehemoth
Nergal lança campanha "é hora dos artistas poloneses lutarem", após condenação


Kiske/Somerville: Desafiando o desdém dos "true-skull"

Resenha - Kiske/Somerville - Kiske/Somerville

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

Nota: 9

Os últimos anos foram marcados por uma frustrante carência de lançamentos de álbuns Hard Rock no mercado brasileiro. Tantos registros se limitaram apenas às prateleiras gringas... Mas a situação está se revertendo graças à inédita parceria entre os conhecidos selos nacionais – Rock Brigade, Die Hard, Voice Music e Rock Machine – para liberar incríveis discos do gênero por aqui. Esse é o caso do W.E.T. ("W.E.T.") e de Kiske / Somerville ("Kiske / Somerville"), títulos originalmente lançados pela europeia Frontiers Records.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Bastante aguardado pelo público, o projeto envolvendo o alemão Michael Kiske (Helloween, Place Vendome) e a norte-americana Amanda Somerville somente foi possível graças a Serafino Perugino, presidente da Frontiers. Perugino é um verdadeiro mestre na arte de unir estrelas para que resultem em trabalhos realmente marcantes. Kiske já é personagem influente no meio musical e, aos que desconhecem Amanda, vale lembrar que a cantora já colaborou com o After Forever, Edguy, Kamelot, Epica, Avantasia, etc, além de possuir na bagagem os solos "In The Beginning There Was..." (00) e "Windows" (09).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Para tornar este álbum uma realidade, recrutaram como principais compositores ninguém menos do que os veteranos Mat Sinner (Primal Fear, Sinner) e Magnus Karlsson (Starbreaker, Primal Fear), o que automaticamente injeta uma indiscutível promessa de qualidade ao projeto. Musicalmente, o resultado combina os mais variados estilos, mesclando Hard Rock, AOR, atmosferas bem pop, inúmeras peças orquestradas e, ainda que haja ocasiões mais pesadas como a abertura "Nothing Left To Say", evita-se penetrar no agressivo território do Heavy Metal propriamente dito.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Além de toda a sofisticação melódica e da louvável individualidade entre as faixas, é inegável que o foco de "Kiske / Sommervile" seja o constante dueto entre ambos os vocalistas, e com coros enormes. Assim como o Kiske pós-Helloween, Amanda também possui uma orientação vocal mais acessível, porém tudo possui energia e substância mais do que suficientes para não soar piégas, como é o caso do single "Silence", "If I Had A Wish", "Don´t Walk Away" e "Devil In Her Heart", que alcançam tal sintonia a ponto de envolver completamente o ouvinte.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Oras, somente a fonte de desdém, típica de um incansável "true-skull", poderia encontrar uma música ruim por aqui... Em suma, esqueça os títulos e subgêneros tão em voga. Aqui temos um repertório que está à altura da excelência - pois é isso que se espera de cada um dos músicos envolvidos -, e repleto de ocasiões para agradar a um público rock´n´roll bastante amplo. Confira sem temor!

Contato: http://www.frontiers.it/album/4746/

Músicos:
Michael Kiske - voz
Amanda Somerville - voz
Magnus Karlsson - guitarra
Sander Gommans - guitarra
Mat Sinner - baixo
Martin Schmidt - bateria
Rami Ali - bateria

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Kiske / Somerville – Kiske / Somerville
(2010 - Frontiers Records / Rock Brigade Records / Die Hard Records / Voice Music / Rock Machine Records - nacional)

01. Nothing Left To Say
02. Silence
03. If I Had A Wish
04. One Night Burning
05. Arise
06. End Of The Road
07. Don´t Walk Away
08. A Thousand Suns
09. Rain
10. Devil In Her Heart
11. Second Chance


Outras resenhas de Kiske/Somerville - Kiske/Somerville

Kiske/Somerville: review do álbum de estreia da dupla


Stamp
publicidade
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Como consegui viver de Rock e Heavy Metal


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Michael Kiske: Weikath se virou contra mim e queria AndiMichael Kiske
"Weikath se virou contra mim e queria Andi"

Helloween: Andi Deris v.s. Michael KiskeHelloween
Andi Deris v.s. Michael Kiske

Michael Kiske: a importância de Sammet no seu retorno ao MetalMichael Kiske
A importância de Sammet no seu retorno ao Metal


Metal: Gibson.com enumera 50 melhores músicas do gêneroMetal
Gibson.com enumera 50 melhores músicas do gênero

Bruce Dickinson: Ele lamenta não ter dado um soco em Axl RoseBruce Dickinson
Ele lamenta não ter dado um soco em Axl Rose


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.