WHIPLASH.NET - Rock e Heavy MetalWHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal

FacebookTwitterGoogle+RSSYouTubeInstagramApp IOSApp Android
MenuBuscaReload

Savages: Quem conferiu o show saiu convencido do poder da banda

Resenha - Savages (Lollapalooza Brasil, São Paulo, 06/04/2014)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Monica Prado
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
“Savages” é uma das estreias mais dominante e ferozmente preparada do rock nos últimos anos, o trabalho de uma banda cuja confiança descomunal e nítida clareza de visão não se correlacionam com o curto espaço de tempo que passaram juntas (desde 2011). Enquanto as bandas que dominaram o indie rock olhavam para ‘Joy Division’ e ‘Gang of Four’ por razões que tinham principalmente a ver com o ritmo, a música das meninas do ‘Savages’ (Selvagens) encontra parentesco com a oposição política do post-punk, a escuridão e ansiedade que reina sobre os efeitos desumanos da tecnologia. O espírito é o mesmo, mas ele foi ajustado para refletir sobre os tempos. Quem pode conferir o show das selvagens na abafada tarde do segundo dia do festival, saiu de lá convencido do poder da banda.

Quatro mulheres vestidas de preto subiram ao palco para mostrar porque a música das selvagens está fora de sincronia com atuais tendências. As onze faixas executadas do álbum ‘Silence Yourself’ deixaram o público com vontade de mais, mais selvageria.

Gemma Thompson (guitarra), Ayse Hassan (baixo), Fay Milton (bateria) são britânicas e Jehnny Beth (vocais) é francesa. Beth parece ser uma mistura entre Siouxsie, Ian Curtis e algum intelectual francês, mas o certo é que ela é a cereja do bolo das selvagens.

Com o tom pesado da percussão, os gritos de batalha Siouxsie de Beth e a ênfase composicional colocada no baixo de Ayse Hassan (nos momentos quando Beth é silenciosa, o baixo parece ser o vocalista das selvagens), o empresário John Best (que também gerencia o gigante Sigur Ros) afirmou que a banda "não é sexy, não é engraçada, mas é a coisa mais próxima de arte 'pós-punk' na atualidade”.

O público que estava no palco Interlagos para prestigiar a banda foi presenteado com uma performance estonteante. Beth, com seu sotaque francês e britânico agradeceu, em português, várias vezes o público.

Elas mandavam um hit após o outro, sem descanso. Beth possui um fôlego tremendo, e ela abusa da sua capacidade vocal e deixa a plateia boquiaberta. Suas letras são corajosamente austeras. (Os títulos já mostram uma força bruta: "Ela irá", "Bata-Me", "Sem rosto", "Cale-se.")

Em determinado momento, Beth rende-se ao calor e arregaça as mangas de sua camisa preta (ela estava elegantemente vestida e usava um scarpin rosa ‘choque’). Ela diz, em determinado momento, “Não deixem os filhos da puta te derrubarem”. Foi ovacionada!

As canções falam sobre desafiar ideias, palavras e desejos que consideramos "normais". O mix permite que a contribuição da cada membro da banda arda com igual intensidade e empresta uma fisicalidade palpável ao som das selvagens. Fay Milton manipula a os pratos e o bumbo como um boxeador batendo em um saco de pancadas enquanto as cordas graves de Hassan pulsam como tendões latejantes. A guitarra de Thompson muitas vezes nos faz recordar uma motosserra, e Beth grita de forma bela e única.

Antes de tocar a última faixa do show Beth diz “Esta é a última música que vamos tocar hoje’, e o público em coro diz ‘NÃO’. Podem acreditar, ‘Savages’ está só começando, e promete!

Lineu up:

Jehnny Beth (vocais)
Gemma Thompson (guitarar)
Ayse Hassan (baixo)
Fay Milton (bateria)

Set List:

I Am Here
Flying to Berlin
Shut Up
City's Full
I Need Something New
Strife
She Will
No Face
Husbands
Hit Me
Fuckers

Crédito das fotos para: Camila Cara
T4F Divulgação

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Lollapalooza: confira aqui todos os horários do festivalTodas as matérias e notícias sobre "Lollapalooza"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 13 de abril de 2014

Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Lollapalooza"Todas as matérias sobre "Savages"

Treta histórica
Zakk Wylde cuspiu cerveja em James Hetfield?

Van Halen
"Ah, o que esses olhos viram!", diz segurança

Dave Navarro: conheça a filha atriz pornô do músicoNoiseCreep: Os 10 frontmen mais teatrais do rockSlayer: a verdade sobre o fim da parceria com Rick RubinAOR: dez álbuns essenciais dos anos noventa

Sobre Monica Prado

Sou formada em Engenharia pela E. E. Mauá e atualmente curso Filosofia na FFLCH-USP. Sou professora e tradutora de Inglês. Amo música e curto desde música clássica até o Heavy Metal. Música brasileira não é meu forte, mas sei apreciar um som de qualidade. A música me ajuda a sobreviver neste mundo, e ele ainda vale a pena por causa dela!

Mais matérias de Monica Prado no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online