Matérias Mais Lidas

Iron Maiden: debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgiaIron Maiden
Debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgia

Rodolfo Abrantes: O sonho da minha mãe era eu voltar aos RaimundosRodolfo Abrantes
"O sonho da minha mãe era eu voltar aos Raimundos"

Timo Tolkki: Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19Timo Tolkki
Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19

Snowy Shaw: ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no NightwishSnowy Shaw
Ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no Nightwish

Nirvana: Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.Nirvana
Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.

Carlinhos Brown: ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razãoCarlinhos Brown
Ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razão

Metallica: TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully GuitarsMetallica
TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully Guitars

AC/DC: Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)AC/DC
Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)

Soul Station: projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança músicaSoul Station
Projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança música

Guns N' Roses: Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivoGuns N' Roses
Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivo

Mercyful Fate: A decepção da banda com a arte original de MelissaMercyful Fate
A decepção da banda com a arte original de Melissa

Max Cavalera: O único presidente bom do Brasil foi mortoMax Cavalera
"O único presidente bom do Brasil foi morto"

Kurt Cobain: ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistasKurt Cobain
Ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistas

Nirvana: por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da bandaNirvana
Por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da banda

Sebastian Bach: ele volta a criticar Chris Jericho e diz que wrestling é uma m*rdaSebastian Bach
Ele volta a criticar Chris Jericho e diz que wrestling é uma m*rda


Matérias Recomendadas

Morte: confira 15 das melhores músicas sobre o temaMorte
Confira 15 das melhores músicas sobre o tema

Megadeth: as pérolas mais polêmicas ditas por MustaineMegadeth
As pérolas mais polêmicas ditas por Mustaine

Megadeth: Dave explica por que não tocar The ConjuringMegadeth
Dave explica por que não tocar "The Conjuring"

Freddie Mercury: a descoberta do vírus em 1987Freddie Mercury
A descoberta do vírus em 1987

VH1: os 100 melhores álbuns de rock segundo a emissoraVH1
Os 100 melhores álbuns de rock segundo a emissora

Tunecore
Baladas de Sangue

AC/DC: O mesmo de sempre, graças a Deus

Resenha - Rock Or Bust - AC/DC

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fabiano de Souza, Tradução
Enviar Correções  

9


Excelente maneira de começar um novo álbum com "Rock or Bust", segundo single do CD, e uma aposta segura para não decepcionar ninguém. Esta é a banda como tal, começa com uma sucessão de acordes de guitarra, e então você vai incorporando a batida típica da bateria e uma guitarra muito blueseira. Brian leva sua voz ao coro, eficaz e simples. Tiro certo.

"Play Ball", o primeiro single do álbum, tem um refrão cativante ("Vamos jogar bola"), então tem vários riffs de guitarra em seguida. Impossível tirá-la da cabeça. O breve solo de Angus é intercalado com alguns gritos de Brian, que mantém a sua timbre apesar de seus 67 anos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Rock The Blues Away" é tocada com classe. O tratamento é de guitarras muito gentis, elas não têm quase nenhuma distorção, algo que certamente lhe cai muito bem para uma música com ar otimista.

Em "Miss Adventure" o grupo sai um pouco do seu padrão. É mais moderna e louca do que o habitual, outro riff articula um corte direto, que inclui um coro de "Thunderstruck" e até mesmo algumas linhas de progressivo. A canção soa muito agradável.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uma guitarra com atraso, a bateria na qual é construída a melodia e uma voz profunda que diz "Dogs Of War" dá lugar a um tema escuro que cresce lentamente, como trata o coro, e funciona muito bem. Angus detona alguns riffs de guitarra como nunca.

"Got Some Rock & Roll Thunder" é animada e riffs de guitarra fazem você bater a cabeça desde o início. Linha de baixo dinâmica e estilo que fazem você apreciar muito a canção. Brian canta o tema desde o primeiro segundo. As palmas acompanhar a caixa ao longo do tema, muito tentador para não aceitar o convite. Eu gosto da variação do coro no final, com Angus demonstrando que carrega as veias do rock.

Com um ritmo mais lento e insistente, "Hard Times", em que Brian canta com uma voz mais profunda. Em geral, parece-me a música mais fraca do cd, com melodias um pouco sem graça e um refrão que falta algo. Bom trabalho Angus, no entanto, interrompido várias vezes pela voz.

"Batpism By Fire" cheira anos setenta, a psicodelia. O riff de guitarra com pouca distorção me lembrou o som do Stone Temple Pilots. Os arranjos de guitarra e a maneira pela qual deriva a melodia para o coro são muito naturais.

"Rock The House" tem um riff muito alternativo de guitarra (acho parecido com Tom Morello do Rage Against The Machine), mas também uma estrutura e essência do rock clássico. Tem um refrão muito cativante e um solo de guitarra com um som vintage. Brian soa com muita atitude.

"Sweet Candy" é uma canção feita pra completar a bolacha, mas é uma música boa no fim das contas, onde Brian canta sensualmente sua "doce doce".

"Emission Control", com uma guitarra que anda acima da batida com estilo. Em cerca de 35 segundos atinge uma mudança brusca, mas agradável e flui para um refrão repetitivo, aqueles que servem para aprender o nome da música também. Solos de Angus exalam classe. Muito boa canção.

Conclusão

O AC/DC não decepcionou e tem um punhado de canções muito curtas, mas não deixam a desejar. Grandes riffs, refrões muito cativantes e uma fórmula de sucesso que está sempre lá e em que até levanta algumas experiências interessantes. Rock Or Bust é um dos discos de rock do ano e AC / DC continua a ser uma lenda viva da música. E espero que muito mais tempo. Nota 9.

1. "Rock or Bust"
2. "Play Ball"
3. "Rock the Blues Away"
4. "Miss Adventure"
5. "Dogs of War"
6. "Got Some Rock & Roll Thunder"
7. "Hard Times"
8. "Baptism by Fire"
9. "Rock the House"
10. "Sweet Candy"
11. "Emission Control"


Outras resenhas de Rock Or Bust - AC/DC

AC/DC: Em meio aos destroços, banda lança bom disco

AC/DC: Rock Or Bust é poderoso e traz referências de outras fasesAC/DC
Rock Or Bust é poderoso e traz referências de outras fases

AC/DC: Mais do mesmo, mas e daí?

AC/DC: Longe dos tempos áureos mas ainda muito eficiente