Matérias Mais Lidas


Axel Rudi Pell: orgulho em não inovar?

Resenha - Mystica - Axel Rudi Pell

Por Rodrigo Simas
Postado em 26 de março de 2007

Existem algumas bandas que você compra o CD já sabendo o que vai encontrar. Existem algumas que, além disso, não buscam nenhum tipo de inovação e sentem orgulho por fazer o mesmo disco infinitas vezes. Algumas conseguem um resultado excelente, algumas caem em clichês óbvios e outras são apenas cópias sem graça de seus ídolos.

Axel Rudi Pell - Mais Novidades

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 1

Axel Rudi Pell une um pouco de cada uma dessas características. "Mystica", lançado em 2006, traz tudo que um fã do guitarrista quer, até porque é exatamente igual a todos últimos lançamentos de estúdio da banda (sem contar com os álbuns "Ballads"): muitos solos, melodias neo-clássicas, um misto entre heavy-metal e hard rock com influências óbvias de Rainbow e Deep Purple (Ritchie Blackmore), refrões grudentos e nenhum tipo de surpresa durante toda audição do CD.

O engraçado (ou não) de tudo isso, é que até os mínimos detalhes são repetidos: a ordem das músicas segue um padrão (com a primeira sendo rápida, a segunda meio hard rock e lá pela segunda metade do CD, uma faixa épica, que também se parece com todas as outras faixas épicas lançadas anteriormente), você sabe (mesmo sem nunca ter ouvido) quando vai ouvir um solo, o refrão ou mesmo como a bateria vai entrar na próxima música.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 2

De resto, o vocalista Johnny Giolli cumpre bem seu papel, conseguindo encaixar sua voz tanto nas músicas mais pesadas como nas baladas, o baterista Mike Terrana se enquadra no estilo, criando linhas que não chamam tanta atenção e não atrapalham o resto dos instrumentos, limitando-se apenas a acompanhar as músicas, e o tecladista Ferdy Doernberg e o baixista Volker Krawczak tem uma performance tímida, praticamente sem aparecer durante todas as faixas.

Clichês à parte, Axel consegue um resultado que dificilmente vai desagradar por completo qualquer fã de rock ou metal, mas provavelmente vai passar batido para os mais exigentes ou vai enjoa-los na segunda vez que for ouvido. Mas, se você é daqueles fãs que gostam de ter a sensação de já ter ouvido aquela música antes, sem surpresas, com tudo no seu devido lugar, "Mystica" é um prato cheio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 3
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Rodrigo Simas

Designer, carioca e tricolor. Começou a ouvir música aos 11 anos, com Iron Maiden, Metallica e Rush. Tem como hobby quase profissional, a música. Além de produzir shows e eventos, trabalhou por 5 anos em loja especializada em Heavy Metal, e já escreveu para alguns sites e revistas de música. Hoje escuta de tudo um pouco, e cada vez mais descobre que existem apenas dois tipos de música: a boa e a ruim, independente do estilo. Bandas e artistas favoritos: Dave Matthews Band, Peter Gabriel, Rush, Iron Maiden, Led Zeppelin, Ben Harper, Radiohead, System of a Down... e a lista continua...
Mais matérias de Rodrigo Simas.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS