Resenha - Aborto Elétrico - Capital Inicial

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

10


Confesso que não havia como mudar esta nota. Ou eu dava 10 ou zero. E explico o porquê: o Aborto Elétrico foi uma das bandas fundamentais do movimento rock brasileiro, junto com Plebe Rude e outras, fortalecendo o cenário de Brasília, mostrando que nos meandros dos prédios da capital da nação existia mais do que eco e frio. E também foi responsável por trazer ao mundo o talento de Renato Russo. A banda, que contava com os irmãos Fê e Flávio Lemos além de Renato, nunca chegou a gravar algo oficialmente, mas como os irmãos se juntaram a Dinho Ouro Preto e mais recentemente a Yves Passarel (ex-Viper), o Capital Inicial seria a banda certa para este tipo de projeto. E como a MTV está apoiando o mesmo, esperem por forte repercussão, um DVD (já prometido) e grandes vendas.

O resultado é o melhor CD já gravado pelo Capital Inicial, sem conter uma música originalmente concebida para a banda. "Tédio (Com um T Bem Grande Pra Você" e "Love Song One" são pérolas punks, executadas com competência pelo quarteto. "Fátima" e "Veraneio Vascaína" já faziam parte do repertório do Capital, enquanto que "Que País É Este", "Química" e "Geração Coca-Cola" já eram conhecidas dos fãs da Legião Urbana. Aqui aparecem em versões mais cruas e simplificadas, mas não menos empolgantes.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Outras pérolas incluem "Helicópteros no Céu", "Ficção Científica" (bem punk anos 80), "Submissa" e "Heroína" (que parecia uma despedida precoce de Renato Russo, embora tenha sido escrita juntamente com Fé, Flávio Lemos e Ércole Fortuna). Todas as músicas ressaltavam o lado punk do Aborto Elétrico, além das letras engajadas e repletas de críticas ("Despertar dos Críticos" e "Construção Civil" são bons exemplos). A banda ainda teve a manha de gravar o instrumental "Benzina", deixando claro que a letra fora censurada no auge da ditadura (no encarte você verá um "CENSURADO" gigante no local disponível para a letra). Um retrato do começo do rock anos 80, que daria frutos nos anos 90 com bandas como Raimundos, Rappa e Charlie Brown Jr.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Alguém duvida que vai ser sucesso de vendas? Não mesmo... mas antes de tudo é um tributo feito com muito respeito e bem executado por uma banda competente, embora Dinho não seja Renato Russo, e não faça a menor questão de imitá-lo. Vale a pena, se você tem mais de 30 anos (para relembrar os tempos áureos do rock) ou se você tem menos (para conhecer o começo, as raízes...).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sony – 2005 (Nacional)




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Dinho Ouro Preto: a importância de Eddie Van Halen na vida do brasileiro (vídeo)Dinho Ouro Preto
A importância de Eddie Van Halen na vida do brasileiro (vídeo)

Panelaço com João Gordo: Dinho Ouro Preto conta histórias muito loucas dos anos 80 e 90Panelaço com João Gordo
Dinho Ouro Preto conta histórias muito loucas dos anos 80 e 90

Dinho Ouro Preto: Minha paixão pelos piores filmes do mundo (vídeo)Dinho Ouro Preto
Minha paixão pelos piores filmes do mundo (vídeo)

Dinho Ouro Preto: vocalista faz show em resort de Floripa, onde eventos estão proibidosDinho Ouro Preto
Vocalista faz show em resort de Floripa, onde eventos estão proibidos

Pit Passarell: lançado primeiro álbum solo, Praticamente Nada

Pit Passarell: lançado Praticamente Nada, seu primeiro álbum soloPit Passarell
Lançado Praticamente Nada, seu primeiro álbum solo

Capital Inicial: o dia em que quase incendiamos um astro do rockCapital Inicial
O dia em que quase "incendiamos" um astro do rock

Capital Inicial: os bastidores mais bizarros dos programas de auditório (vídeo)Capital Inicial
Os bastidores mais bizarros dos programas de auditório (vídeo)

Rush: Dinho Ouro Preto e o dia em que ele encontrou os seus heróisRush
Dinho Ouro Preto e o dia em que ele encontrou os seus heróis

Queen: Dinho Ouro Preto conta porque a banda mudou a sua vidaQueen
Dinho Ouro Preto conta porque a banda mudou a sua vida


RHCP: Dinho conta quando Flea quase morreu em show do CapitalRHCP
Dinho conta quando Flea "quase morreu" em show do Capital

Capital Inicial: Roqueiro acha que pega mal curtir sertanejoCapital Inicial
"Roqueiro acha que pega mal curtir sertanejo"


Ghost: uma foto assustadora dos bastidores do Rock In RioGhost
Uma foto assustadora dos bastidores do Rock In Rio

Roadrunner: os dez melhores vídeo-clipes da gravadoraRoadrunner
Os dez melhores vídeo-clipes da gravadora


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

CliHo Cli336 Cli336