WHIPLASH.NET - Rock e Heavy MetalWHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal

FacebookTwitterGoogle+RSSYouTubeInstagramApp IOSApp Android
MenuBuscaReload

Destemido Walace: Unindo Rock'N'Roll com Teatro e Poesia

Resenha - Destemido Walace - Destemido Walace

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Paulo Finatto Jr.
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Embora o cenário underground brasileiro venha revelando uma série de bandas quase que diariamente, são poucos os nomes que efetivamente se destacam pela originalidade de suas propostas. Na contramão dessa tendência viciosa, os cariocas do DESTEMIDO WALACE mostram muita personalidade em unir o rock n’ roll às influências do teatro e da poesia na sua música. A demo auto-intitulada é uma prévia de como será o primeiro disco do grupo. Excelente.
Metallica: Falha geral no sistema de som durante show no RIRRammstein: Eles foram processados por canibal de Rotenburg

Em atividade desde 2007, Duda Nascimento (voz e violão), Oto Ayres (guitarra), Fernando Dande (baixo e flauta), Tiago Caçula (baixo) e Rodrigo Bastos (bateria) criaram uma obra conceitual em torno do fictício Seu Francisco, um menino do norte que veio para o Rio de Janeiro com apenas bons princípios e histórias para contar na bagagem. No quesito sonoro, o DESTEMIDO WALACE mostra uma mistura de intensidade e dramaticidade – nunca antes vista – nas três músicas que compõem a demo. As letras, que assumem a dianteira entre os destaques da obra, se traduzem na performance impecável do cantor Duda Nascimento. Por outro lado, as composições assinadas pelo quinteto carioca são extensas – com cerca de seis minutos cada – e intercalam influências da música folk ao rock n’ roll mais básico.

A faixa de abertura, “Seu Francisco”, consegue juntar todas as referências imagináveis com muito bom gosto e se consolida como uma peça única no repertório do DESTEMIDO WALACE. A música, que parece possuir uma divisão em três atos, evidencia principalmente a versatilidade do quinteto carioca. O início pode soar como uma das faixas da trilha sonora do filme “Lisbela e o Prisioneiro”, mas “Seu Francisco” segue um rumo diferente e se torna um rock interessante, com direito a um ótimo refrão e um solo de guitarra marcante. Por outro lado, “Bons Princípios” não ultrapassa os três minutos e finca profundamente as suas características na música folk brasileira. Embora possua um caráter mais direto, não há nada que comprometa a proposta da banda, mais recheada por climas distintos.

Por fim, “Zara” encerra a demo e definitivamente comprova a complexidade que existe por trás do trabalho da banda. As três músicas, que misturam diversos climas com violões e guitarras, não se prendem a nenhuma única característica pré-determinada. De qualquer modo, o primeiro disco do DESTEMIDO WALACE possui uma uniformidade aparente. No entanto, o quinteto carioca insiste na diversidade, justamente a maior qualidade da sua música. “Zara” não soa tão rock n’ roll como “Seu Francisco” – característica que até poderia torcer o nariz de muitos fãs do gênero – mas o grupo manda inegavelmente muito bem ao ponto de que essa hipótese sequer possa ser considerada. Em pouco mais de quinze minutos, a primeira empreitada do DESTEMIDO WALACE mostra competência suficiente para conquistar muita coisa daqui por diante.

Para quem não sabe, o DESTEMIDO WALACE já participou de grandes eventos, como o Viradão Carioca 2010 e o Petrobras na Ondas. A banda, que já se apresentou muitas vezes na capital carioca, conseguiu inserir com um videoclipe na programação da MTV no ano passado. Os interessados pela ótima proposta do grupo podem conferir as três faixas dessa demo no Myspace dos caras.

Site: www.myspace.com/destemidowalace

Track-list:

01. Seu Francisco
02. Bons Princípios
03. Zara

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Destemido Walace"

Metallica
Falha geral no sistema de som durante show no RIR

Rammstein
Canibal retratado em letra pretende processar a banda

Dave Mustaine
Por que ele perdeu seu emprego no Metallica?

Rock in Rio: algumas das maiores vaias em edições nacionaisDark Side of the Moon: os Bastidores da obra-primaAC/DC: 10 músicas de outros artistas que parecem da bandaJulio Marcondes - colecionador e apresentador do programa A História do RockPaul Di'Anno: "Quer ouvir o Bruce? Vai ouvir na sua casa!"Rick Rubin: de AC/DC a Black Sabbath, os melhores álbuns produzidos por ele

Sobre Paulo Finatto Jr.

Reside em Porto Alegre (RS). Nascido em 1985. Depois de três anos cursando Engenharia Química, seguiu a sua verdadeira vocação, e atualmente é aluno do curso de Jornalismo. Colorado de coração, curte heavy metal desde seus onze anos e colabora com o Whiplash! desde 2000, quando tinha apenas quinze anos. Fanático por bandas como Iron Maiden, Helloween e Nightwish, hoje tem uma visão mais eclética do mundo do rock. Foi o responsável pelo extinto site de metal brasileiro, o Brazil Metal Law, e já colaborou algumas vezes com a revista Rock Brigade.

Mais informações sobre Paulo Finatto Jr.

Mais matérias de Paulo Finatto Jr. no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online