Tradução - Snakes & Arrows - Rush

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fábio Trovão da Silva, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

[Far Cry]

Pariah dogs and wandering madmen
Barking at strangers and speaking in tongues
The ebb and flow of tidal fortune
Electrical changes are charging up the young

It's a far cry from the world
We thought we'd inherit
It's a far cry from the way
We thought we'd share it
You can almost feel the current flowing
You can almost see the circuits blowing

One day I feel I'm on top of the world
And the next it's falling in on me
I can get back on
I can get back on
One day I Feel I'm ahead of the wheel
And the next it's rolling over me
I can get back on
I can get back on

Whirlwind life of faith and betrayal
Rise in anger, fall back and repeat
Slow degrees on the dark horizon
Full moon rising, lays silver at your feet

It's a far cry from the world
We thought we'd inherit
It's a far cry from the way
We thought we'd share it
You can almost feel the current flowing
You can almost see the circuits blowing

One day I feel I'm on top of the world
And the next it's falling in on me
I can get back on
I can get back on
One day I Feel I'm ahead of the wheel
And the next it's rolling over me
I can get back on
I can get back on

It's a far cry from the world
We thought we'd inherit
You can almost see the circle growing
You can almost feel the planets glowing

One day I feel I'm on top of the world
And the next it's falling in on me
I can get back on
I can get back on
One day I Feel I'm ahead of the wheel
And the next it's rolling over me
I can get back on
I can get back on

One day I fly through a crack in the sky
And the next it's falling in on me
I can get back on
I can get back on

Oh oh oh
I can get back on I can get back on

[Muito Diferente]

Cães párias e loucos vagantes
Latindo para estranhos e falando em línguas
O fluxo e refluxo da maré de sorte
Mudanças elétricas estão carregando os jovens

É muito diferente do mundo
Que imaginávamos herdar
É muito diferente do jeito
Que imaginávamos compartilhar
Você quase pode sentir a corrente passando
Você quase pode ver os circuitos explodindo

Um dia eu sinto que estou no topo do mundo
E no outro ele está desabando em mim
Eu posso voltar
Eu posso voltar
Um dia eu sinto que eu estou à frente da roda
E no outro ela está rolando sobre mim
Eu posso voltar
Eu posso voltar

Vida em redemoinho de fé e traição
Erguer-se em raiva, cair e repetir
Passos lentos no horizonte negro
Lua cheia nascendo, jaz prateada aos seus pés

É muito diferente do mundo
Que imaginávamos herdar
É muito diferente do jeito
Que imaginávamos compartilhar
Você quase pode sentir a corrente passando
Você quase pode ver os circuitos explodindo

Um dia eu sinto que estou no topo do mundo
E no outro ele está desabando em mim
Eu posso voltar
Eu posso voltar
Um dia eu sinto que eu estou à frente da roda
E no outro ela está rolando sobre mim
Eu posso voltar
Eu posso voltar

É muito diferente do mundo
Que imaginávamos herdar
Você quase pode ver o círculo crescendo
Você quase pode sentir os planetas reluzindo

Um dia eu sinto que estou no topo do mundo
E no outro ele está desabando em mim
Eu posso voltar
Eu posso voltar
Um dia eu sinto que eu estou à frente da roda
E no outro ela está rolando sobre mim
Eu posso voltar
Eu posso voltar

Um dia eu vôo através de uma rachadura no céu
E no outro ele está desabando em mim
Eu posso voltar
Eu posso voltar

Oh oh oh
Eu posso voltar, eu posso voltar

[Armor and Sword]

The snakes and arrows a child is heir to
Are enough to leave a thousand cuts
We build our defenses, a place of safety
And leave the darker places unexplored

Sometimes the fortress is too strong
Or the love is too weak
What should have been our armor
Becomes a sharp and angry sword

Our better natures seek elevation
A refuge for the coming night
No one gets to their heaven without a fight

We hold beliefs as a consolation
A way to take us out of ourselves
Meditation or medication
A comfort or a promised reward

Sometimes the spirit is too strong
Or the flesh is too weak
Sometimes the need is just too great
For the solace we seek
The suit of shining armor
Becomes a keen and bloody sword

A refuge for the coming night
A future of eternal light
No one gets to their heaven without a fight

Confused alarms of struggle and flight
Blood is drained of color
By the flashes of artillery light
No one gets to their heaven without a fight
The battle flags are flown
At the feet of a god unknown
No one gets to their heaven without a fight

Sometimes the damage is too great
Or the will is too weak
What should have been our armor
Becomes a sharp and burning sword

[Armadura e Espada]

As cobras e setas que uma criança é herdeira
São suficientes para deixar mil cortes
Construímos nossas defesas, um lugar de segurança
E deixamos os lugares mais escuros inexplorados

As vezes a fortaleza é forte demais
Ou o amor é fraco demais
O que deveria ter sido nossa armadura
Torna-se uma espada afiada e raivosa

Nossas melhores naturezas procuram elevação
Um refúgio para a noite vindoura
Ninguém chega ao seu paraíso sem uma luta

Nós nos agarramos às crenças como um consolo
Um jeito de nos levar para fora de nós mesmos
Meditação, ou medicação
Um conforto, ou uma recompensa prometida

As vezes o espírito é forte demais
Ou a carne é fraca demais
As vezes a necessidade é simplesmente grande demais
Pelo consolo que procuramos
O terno de armadura brilhante
Torna-se uma espada afiada e sangrenta

Um refúgio para a noite vindoura
Um futuro de luz eterna
Ninguém chega ao seu paraíso sem uma luta

Alarmes confusos de conflito e luta
Sangue perde a cor
Pelos flashes da luz de artilharia
Ninguém chega ao seu paraíso sem uma luta
As bandeiras da batalha são desfraldadas
Aos pés de um deus desconhecido
Ninguém chega ao seu paraíso sem uma luta

Algumas vezes o estrago é grande demais
Ou a vontade é fraca demais
O que deveria ter sido nossa armadura
Torna-se uma espada afiada e ardente

[Workin' Them Angels]

Driving away to the east, and into the past
History recedes in my rear-view mirror
Carried away on a wave of music down a desert road
Memory humming at the heart of a factory town

All my life
I've been workin' them angels overtime
Riding and driving and living
So close to the edge
Workin' them angels - Overtime

Riding through the Range of Light
To the wounded city
Filling my spirit
With the wildest wish to fly
Taking the high road to the wounded city
Memory strumming at the heart
Of a moving picture

All this time
I've been workin' them angels overtime
Riding and diving and flying
Just over the edge
Workin' them angels - Overtime

Driving down the razor's edge
Between the past and the future
Turn up the music and smile
Get carried away on the songs and stories
Of vanished times
Memory drumming at the heart of an English winter
Memories beating at the heart of an African village

[Ocupando os Anjos]

Dirigindo para o leste, e de encontro ao passado
A história retrocede nos meus espelhos retrovisores
Levado por uma onda de música por uma estrada deserta
A memória zunindo no coração de uma cidade de fábricas

Toda a minha vida
Eu tenho ocupado os anjos além da conta
Passeando, dirigindo e vivendo
Tão perto do limite
Ocupando os anjos - além da conta

Passeando através da Cadeia de Luz
Até a cidade ferida
Enchendo meu espírito
Com o mais selvagem desejo de voar
Pegando a alta estrada para a cidade ferida
A memória dedilhando no coração
De uma figura em movimento

Toda a minha vida
Eu tenho ocupado os anjos além da conta
Passeando e dirigindo e voando
Bem além dos limites
Ocupando os anjos - além da conta

Dirigindo pelo fio da navalha
Entre o passado e o futuro
Aumenta a música e sorri
Seja levado pelas canções e histórias
De tempos passados
Memória retumbando no coração de um inverno inglês
Memória batendo no coração de uma aldeia africana

[Larger Bowl (A Pantoum)]

If we're so much the same, like I always hear
Why such different fortunes and fates?
Some of us live in a cloud of fear
Some live behind iron gates

Why such different fortunes and fates?
Some are blessed and some are cursed
Some live behind iron gates
While others see only the worst

Some are blessed and some are cursed
The Golden One or scarred from birth
While others only see the worst
Such a lot of pain on the earth

The Golden One or scarred from birth
Some things can never be changed
Such a lot of pain on this Earth
It's somehow so badly arranged

Some things can never be changed
Some reasons will never come clear
It's somehow so badly arranged
If we're so much the same, like I always hear

[A Tigela Maior (Um Pantoum)]

Se nós somos todos iguais, como eu sempre ouço
Por que tantas sortes e destinos diferentes?
Alguns de nós vivemos em uma nuvem de medo
Outros vivem atrás de portões de ferro

Por que tantas sortes e destinos diferentes?
Alguns são abençoados e outros são amaldiçoados
Alguns vivem atrás de portões de ferro
Enquanto outros vêem apenas o pior

Alguns são abençoados e outros são amaldiçoados
O Iluminado ou o marcado desde o nascimento
Enquanto outros vêem apenas o pior
Como muita dor na Terra

O Iluminado ou o marcado desde o nascimento
Algumas coisas nunca podem ser mudadas
Como muita dor nesta Terra
É de certa forma tão mal distribuída

Algumas coisas nunca podem ser mudadas
Algumas razões nunca ficarão claras
É de certa forma tão mal distribuída
Se nós somos todos iguais, como eu sempre ouço

[Spindrift]

As the waves crash in
On the western shore
The wind blows fierce from the east
Wavetops torn into a flying spindrift

As the waves crash in
On the western shore
It makes me feel uneasy
The spray that's torn away
Is an image of the way I feel

What am I supposed to say?
Where are the words to answer you
When you talk that way?

As the sun goes down
On the western shore
The wind blows hard from the east
It whips the sand into a flying spindrift

As the sun goes down
On the western shore
It makes me feel uneasy
In the hot dry rasp of the devil winds
Who cares what a fool believes?

What am I supposed to say?
Where are the words to answer you
When you talk that way?
Words that fly against the wind and waves

(A little closer to you)
Where is the wave that will carry me
A little closer to you?

What am I supposed to do?
Where are the words that will make you see
What I Believe is true?

[Gotículas]

Enquanto as ondas quebram
No litoral oeste
O vento sopra feroz do leste
Cristas de ondas quebram-se em gotículas voadoras

Enquanto as ondas quebram
No litoral oeste
Faz-me sentir tão inquieto
O spray que se parte
É uma imagem do modo que eu me sinto

O que eu deveria dizer?
Onde estão as palavras para te responder
Quando você fala deste modo?

Enquanto o sol se põe
No litoral oeste
O vento sopra forte do leste
Ele chicoteia a areia em gotículas voadoras

Enquanto o sol se põe
No litoral oeste
Ele faz-me sentir-se inquieto
Na lima quente e seca dos ventos do diabo
Quem se importa com o que um tolo crê?

O que eu deveria dizer?
Onde estão as palavras para te responder
Quando você fala deste modo?
Palavras que voam contra o vento e as ondas

(Um pouco mais perto de você)
Onde está a onda que me carregará
Para um pouco mais perto de você?

O que eu deveria fazer?
Onde estão as palavras que farão você enxergar
O que eu creio é verdadeiro?

[The Main Monkey Business]

(Instrumental)

[A Principal Trapaça]

(Instrumental)

[The Way the Wind Blows]

Now it's come to this
It's like we're back in the Dark Ages
From the Middle East to the Middle West
It's a world of superstition

Now it's come to this
Wide-eyed armies of the faithful
From the Middle East to the Middle West
Pray, and pass the ammunition

So many people think that way
You gotta watch what you say
To them and them, and others too
Who don't seem to see things
The way you do

We can only grow the way the wind blows
On a bare and weathered shore
We can only bow to the here and now
In our elemental war

We can only grow the way the wind blows
We can only bow to the here and now
Or be broken down blow by blow

Now it's come to this
Hollow speeches of mass deception
From the Middle East to the Middle West
Like Crusaders in unholy alliance

Now it's come to this
Like we're back in the Dark Ages
From the Middle East to the Middle West
It's a plague that resists all science

It seems to leave them partly blind
And they leave no child behind
While evil spirits haunt their sleep
While shepherds bless and count their sheep

Like a solitary pine
On a bare wind-blasted shore
We can only grow the way the wind blows

[A Direção Que o Vento Sopra]

Agora que isto acontece
É como se estivéssemos de volta à Idade das Trevas
Do Oriente Médio ao Ocidente Médio
É um mundo de superstição

Agora que isto acontece
Exércitos de olhos bem abertos do fiel
Do Oriente Médio ao Ocidente Médio
Reze, e passe a munição

Tantas pessoas pensam dessa forma
Você precisa se atentar ao que você diz
Para eles e eles, e os outros também
Que não parecem ver as coisas
Do mesmo modo que você

Nós só podemos crescer na direção que o vento sopra
Em uma praia vazia e castigada pelo tempo
Podemos apenas nos curvar para o aqui e agora
Em nossa guerra elementar

Nós só podemos crescer na direção que o vento sopra
Podemos apenas nos curvar para o aqui e agora
Ou ser destruídos rajada a rajada

Agora que isto acontece
É como se estivéssemos de volta à Idade das Trevas
Do Oriente Médio ao Ocidente Médio
Como Cruzados em uma aliança profana

Agora que isto acontece
É como se estivéssemos de volta à Idade das Trevas
Do Oriente Médio ao Ocidente Médio
É uma praga que resiste a toda ciência

Parece deixá-los parcialmente cegos
E eles não deixam nenhuma criança para trás
Enquanto espíritos malignos assombram o sono deles
Enquanto pastores abençoam e contam suas ovelhas

Como um pinheiro solitário
Em uma praia vazia e açoitada pelo vento
Nós só podemos crescer na direção que o vento sopra

[Hope]

(Instrumental)

[Esperança]

(Instrumental)

[Faithless]

I've got my own moral compass to steer by
A guiding star beats a spirit in the sky
And all the preaching voices -
Empty vessels of dreams so loud
As they move among the crowd
Fools and thieves are well disguised
In the temple and market place

Like a stone in the river
Against the floods of spring
I will quietly resist

Like the willows in the wind
Or the cliffs along the ocean
I will quietly resist

I don't have faith in faith
I don't believe in belief
You can call me faithless
I still cling to hope
And I believe in love
And that's faith enough for me

I've got my own spirit level for balance
To tell if my choice
Is leaning up or down
And all the shouting voices
Try to throw me off my course
Some by sermon, some by force
Fools and thieves are dangerous
In the temple and market place

Like a forest bows to winter
Beneath the deep white silence
I will quietly resist

Like a flower in the desert
That only blooms at night
I will quietly resist

[Sem Fé]

Eu tenho minha própria bússola moral para me guiar
Uma estrela guia bate um espírito no céu
E todas as vozes em pregação -
Navios vazios de sonhos, tão barulhentos
Enquanto se movem entre a multidão
Tolos e ladrões estão bem disfarçados
No templo e no mercado

Como uma pedra no rio
Contra as marés de primavera
Eu vou quietamente resistir

Como os salgueiros ao vento
Ou os penhascos ao longo do oceano
Eu vou quietamente resistir

Eu não tenho fé na fé
Eu não creio em crença
Você pode me chamar de incrédulo
Mas eu ainda agarro-me à esperança
E eu creio no amor
E isso é fé suficiente para mim

Tenho meu próprio nível espiritual para o equilíbrio
Para dizer se minha escolha
Está me levando para cima ou para baixo
E todas as vozes gritando
Tentam me jogar para fora do meu curso
Alguns por sermões, outros por força
Tolos e ladrões são perigosos
No templo e no mercado

Como uma floresta se curva ao inverno
Abaixo do profundo silêncio branco
Eu vou quietamente resistir

Como uma flor no deserto
Que floresce apenas à noite
Eu vou quietamente resistir

[Bravest Face]

Though we might have precious little
It's still precious

I like that song
About this wonderful world
It's got a sunny point of view
And sometimes I feel it's true
At least for a few of us

I like that world
It makes a wonderful song
But there's a darker point of view
That's sadly just as true
For so many among us

In the sweetest child there's a vicious streak
In the strongest man there's a child so weak
In the whole wide world there's no magic place
So you might as well rise
Put on your bravest face

I like that show
Where they solve all the murders
An heroic point of view
It's got justice and vengeance too
At least so the story goes

I like that story
Makes a satisfying case
But there's a messy point of view
That's sadly just as true
For so many among us

In softest voice there's an acid tongue
In the oldest eyes there's a soul so young
In the shakiest will there's a core of steel
On the smoothest ride there's a squeaky wheel

Though we might have precious little
It's still precious

[Lado Mais Corajoso]

Apesar de termos um pouco precioso
Ainda assim ele é precioso

Eu gosto daquela música
Sobre este maravilhoso mundo
Ela tem um ponto de vista ensolarado
E às vezes eu sinto que é verdade
Pelo menos para alguns de nós

Eu gosto daquele mundo
Ele faz uma bela canção
Mas há um ponto de vista mais escuro
Que é tristemente tão verdadeiro quanto
Para muitos entre nós

Na criança mais doce há um traço vicioso
No homem mais forte há uma criança tão fraca
No mundo todo não há nenhum lugar mágico
Então você deve levantar-se também
Mostrar seu lado mais corajoso

Eu gosto daquele programa
Onde eles solucionam todos os assassinatos
Um heróico ponto de vista
Tem justiça e vingança também
Pelo menos, assim a história segue

Eu gosto daquela história
Faz um caso satisfatório
Mas há um ponto de vista bagunçado
Que é tristemente tão verdadeiro quanto
Para muitos entre nós

Na voz mais suave há uma língua ácida
Nos olhos mais velhos há uma alma tão jovem
Na vontade mais vibrante há uma essência de aço
Na viagem mais suave há uma roda barulhenta

Apesar de termos um pouco precioso
Ainda assim ele é precioso

[Good News First]

The best we can agree on
Is it could have been worse
What happened to your old
Benevolent universe?
You know the one with stars
That revolve around you
Beaming down full of promises
To bring good news

You used to feel that way
The saddest words you could ever say
But I know you'll remember that day
And the most beautiful words I could ever say

The worst thing about it all
Is that you might have been right
And I'm still not really sure
What started the fight
But I still get this feeling
There's more trouble ahead
So never mind the bad news
Let's have the good news instead

Some would say they never fear a thing
Well I do
And I'm afraid enough for both of us
For me and you
Time, if nothing else, will do its worst
So do me that favor
And tell me the good news

[Boas Notícias Primeiro]

O melhor em que podemos concordar
É que poderia ter sido pior?
O que aconteceu com o seu velho
Universo benevolente?
Você conhece aquele um com as estrelas
Que gira ao seu redor
Irradiando cheio de promessas
De trazer boas notícias

Você costumava se sentir desse jeito
As palavras mais tristes que você poderia dizer
Mas eu sei que você se lembrará daquele dia
E as palavras mais bonitas que eu poderia dizer

A pior coisa de tudo isso
É que você poderia estar certa
E eu ainda não estou realmente certo
O que começou aquela briga
Mas eu ainda tenho esta sensação
Que há mais problemas adiante
Então nunca se importe com as más notícias
Vamos ter as notícias boas em vez disso

Alguns diriam que eles nunca temem algo
Bem, eu temo
E eu temo o suficiente por nós dois
Para mim e para você
Tempo, se nada mais, fará o seu pior
Então me faça esse favor
E me diga as boas notícias

[Malignant Narcissism]

(Instrumental)

[Narcisismo Maligno]

(Instrumental)

[We Hold On]

How many times
Do we tire of all the little battles
Threaten to call it quits
Tempted to cut and run

How many times
Do we weather out the stormy evenings
Long to slam the front door
Drive away the setting sun

Keep going on until dawn
How many times must another line be drawn
We could be down and gone
But we hold on

How may times
Do we chafe against the repetition
Straining against a fate
Measured out in coffee breaks

How many times
Do we swallow our ambitions
Long to give up the same old way
Find another road to take

Keep holding on so long
'Cause there's a chance
That we might not be wrong
We could be down and gone
But we hold on

How many times
Do we wonder if it's even worth it
There's got to be some other way
To get me through the day

But we hold on.

[Nós Persistimos]

Quantas vezes
Nós nos cansamos de todas as pequenas batalhas?
Ameaçamos encerrá-las
Tentados a fugir de uma vez

Quantas vezes
Nós superamos as noites tempestuosas?
Desejamos bater a porta da frente
Dirigir em direção ao sol poente

Continue em frente até escurecer
Quantas vezes deve-se uma nova linha ser traçada?
Poderíamos estar arrasados e mortos
Mas nós persistimos

Quantas vezes
Nos irritamos contra a repetição
Esforçando-se contra um destino
Medido em intervalos pro café?

Quantas vezes
Engolimos nossas ambições
Desejando desistir do mesmo jeito de sempre
Procurar uma outra estrada para pegar

Continue persistindo por muito tempo
Pois há uma chance
De que não estejamos tão errados
Poderíamos estar arrasados e mortos
Mas nós persistimos

Quantas vezes
Pensamos se valeria a pena
Tem de haver algum outro modo
Para me fazer passar o dia

Mas nós persistimos




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Álbuns TraduzidosTodas as matérias sobre "Rush"


Rush: Geddy Lee não está pronto para escrever biografiaRush
Geddy Lee não está pronto para escrever biografia

Rush e AC/DC: poucos sabem as verdadeiras formações originaisRush e AC/DC
Poucos sabem as verdadeiras formações originais

Instrumental: dicas de hoje, tributo ao Rush e fusion 80s

Rush: A busca por um timbre é o objetivo de todo guitarristaRush
"A busca por um timbre é o objetivo de todo guitarrista"

Em 12/09/1952: nascia Neil Peart, lendário baterista do RushEm 12/09/1952
Nascia Neil Peart, lendário baterista do Rush

Rush: Ficávamos doidões no quarto de hotel com Ace FrehleyRush
"Ficávamos doidões no quarto de hotel com Ace Frehley"

Neil Peart: O presente é um presenteNeil Peart
O presente é um presente

Vocais: quinze vozes feias que se tornaram marcantes no RockVocais
Quinze "vozes feias" que se tornaram marcantes no Rock


Vanusa e Black Sabbath: a notável coincidência nos riffsVanusa e Black Sabbath
A notável coincidência nos riffs

Galeria de fotos: 13 motivos para gostar de Rock N RollGaleria de fotos
13 motivos para gostar de Rock N Roll

Cristina Scabbia: Símbolo sexual? Fico surpresa com isto!Cristina Scabbia
"Símbolo sexual? Fico surpresa com isto!"

Raimundos: O verdadeiro motivo para a saída de Rodolfo da bandaRaimundos
O verdadeiro motivo para a saída de Rodolfo da banda

Religião: Top 10 citações sobre Deus e o DiaboReligião
Top 10 citações sobre Deus e o Diabo

Dave Mustaine: não pratico mais guitarra, me preservo para as turnêsDave Mustaine
Não pratico mais guitarra, me preservo para as turnês

Derek Sherinian: comentários sobre Kiss e Yngwie MalmsteenDerek Sherinian
Comentários sobre Kiss e Yngwie Malmsteen


Sobre Fábio Trovão da Silva

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGooILQ