Focus: boa música pela 4ª vez em terras tupiniquins

Resenha - Focus (Carioca Club, São Paulo, 09/03/2010)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fábio Sales
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

A lenda do rock progressivo FOCUS realizou uma turnê em cinco cidades brasileiras em março deste ano: Goiânia, Belo Horizonte, Juiz de Fora, Porto Alegre e São Paulo. A resenha irá se ater ao show paulista, mas Thijs Van leer e cia elogiaram bastante as apresentações anteriores, sempre com casa cheia.

Os Simpsons: bandas de Rock na versão amarelaMegadeth: Mustaine fala sobre satanistas, gays e gatos

Mesmo com os habituais problemas enfrentados pela população da 4ª maior metrópole do mundo como o trânsito, um dia improvável para shows (terça-feira) e pouca divulgação, o público compareceu na casa de shows Carioca Club em bom número: cerca de 700 pessoas.

O locutor da rádio Kiss Fm (102,1) Rodrigo Branco aparece no palco e avisa que a apresentação será dividida em dois sets. Parafreseando o saudoso Fiori Gigliotti abrem-se as cortinas e começa o espetáculo povo rockeiro! As 21h20 tem início a primeira parte do show em grande estilo: Thijs Van Leer (vocais, flauta e órgão), Niels Van Steenhoven (guitarra), Bobby Jacobs (baixo) e Pierre Van Der Linden (bateria) executam um medley do primeiro álbum: Focus I e Anonymus.

A execução de House of the King faz todos parecerem estar dentro daqueles castelos medievais saboreando um belo vinho. Tamara's Move (Focus 8) mantém o ritmo cativante do show, antes de conhecermos duas canções do último álbum (Focus 9/ New Skin): a bela Focus VII e a potente Aya-Yuppie-Hippie-Yee.

O eterno sucesso Sylvia é a música escolhida para fechar a primeira parte do show.Os comentários do público durante o intervalo são de que a apresentação já teria valido o ingresso. Outro adendo que deve ser feito é que a banda soa entrosadíssima e a fisionomia dos integrantes revela a alegria de estarem tocando para os fás.

A dobradinha Focus III e Focus II abre a segunda parte do espetáculo emocionando a todos os presentes. Em seguida, mais uma do último álbum (Focus 9/ New Skin) é executada: Hurkey Turkey Part II. A esta altura, com o público nas mãos, Thijs Van Leer pede silêncio, pois o sino vai tocar: é a deixa para Cathedrale de Strasbourg, do maravilhoso disco Hamburguer Concerto. Todos observam atentamente cada detalhe da canção, quando é emendada a paulada Harém Scarem, com destaque para as improvisações dos excelentes Bobby Jacobs no baixo e do mais novo membro do grupo, o guitarrista Niels Van Steehoven.

Antes de partirem para o bis, os holandeses executam De Ti O De Mi, do álbum (Focus 8) e uma versão longa da sempre contagiante e pesada Hocus Pocus , com direito a um solo fenomenal de bateria do mestre Pierre Van Der Linden.

A platéia, então, solta os tradicionais gritos de "Olê, Olê, Olê, Olá, Focus, Focus..." e a banda retorna para mais duas músicas: Neurotika e Brother.

Após o encerramento do espetáculo de 2h15, os integrantes do grupo atenderam calmamente um a um no camarim distribuindo autógrafos, abraços e posando para fotos. O sorriso no rosto tanto dos fãs, quanto dos músicos, era a certeza de que noite tinha sido perfeita.Todos voltaram para casa com um sentimento: presenciar um show da banda é como aquela viagem inesquecível que será lembrada para sempre.

Poucas bandas ainda conservam atualmente uma atmosfera tão criativa e envolvente como aquela da década de 1970. O FOCUS é uma delas!

Set-list da apresentação:

PART ONE
- FOCUS I / ANONYMUS (MEDLEY) (In & out of Focus)
- HOUSE OF THE KING (Focus 3)
- TAMARA'S MOVE (Focus 8)
- FOCUS VII (Focus 9/New Skin)
- AYA-YUPPIE-HIPPIE-YEE (Focus 9/New Skin)
- ERUPTION (Moving Waves)
- SYLVIA (Focus 3)

PART TWO
- FOCUS III (Focus 3)
- FOCUS II (Moving Waves)
- HURKEY TURKEY PART II (Focus 9/New Skin)
- LA CATHEDRALE DE STRASBOURG (Hamburger Concerto)
- HAREM SCAREM (WITH GUITAR & BASS SOLOS) (Hamburger Concerto)
- DE TI O DE MI (Focus 8)
- HOCUS POCUS (WITH DRUM SOLO) (Moving Waves)

ENCORE:
- NEUROTIKA (Focus 8)
- BROTHER (Focus con Proby/Focus 8)




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Focus"


Rock Progressivo: Os 15 maiores guitarristas do gêneroRock Progressivo
Os 15 maiores guitarristas do gênero

Rock: os 10 guitarristas mais subestimados da históriaRock
Os 10 guitarristas mais subestimados da história

Andre Matos: É um homem cantando!? Impressionante!Andre Matos
"É um homem cantando!? Impressionante!"


Os Simpsons: bandas de Rock na versão amarelaOs Simpsons
Bandas de Rock na versão amarela

Megadeth: Mustaine fala sobre satanistas, gays e gatosMegadeth
Mustaine fala sobre satanistas, gays e gatos

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1991Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1991

Heavy Metal: Os 11 melhores álbuns dos anos 2000 segundo o LoudwireScorpions: a história por trás da música "Wind of Change"Foo Fighters: "Seremos o novo Nirvana"Not Troo: João Gordo posta foto com James Hetfield na Disney

Sobre Fábio Sales

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Fábio Sales no Whiplash.Net.