Cerimonial Oath: detalhes da edição de 20 anos do "The Book..."

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Carlos Henrique Schmidt, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Cerimonial Oath, um dos pioneiros do death metal melódico da Suécia, irá relançou seu lendário álbum de estréia "The Book Of Truth", em uma versão deluxe de 20º aniversário no dia 28 de janeiro através da Century Media Records.

"The Book Of Truth" realmente não se parece com as habituais abordagens melódicas de muitos da cena de Gotemburgo que se estabeleceram entre os anos áureos da cena de 1994 a 1999. Não sendo nem o puro death metal melódico de Gotemburgo, nem o death metal old-school de Estocolmo, mas um fino mélange dos dois mundos, temperados com um pouco de requinte técnico a la MORBID ANGEL e Nocturnus. "The Book Of Truth" justamente tornou-se um verdadeiro clássico do death metal original ao longo dos anos. Ainda assim, até hoje, o som da Cerimonial Oath se manteve surpreendentemente fresco e original.

Além das faixas do álbum, a versão também inclui todas as faixas das demos super-raras "Wake The Dead" e "Black Sermon" (onde a CERIMONIAL OATH ainda tocava com o nome de Desecrator), bem como as duas faixas do lendário 7'inch "Lost Name Of God" (originalmente lançado pela Corpse Grinder Records em 1992).

"The Book Of Truth" será disponibilizado em CD e LP, bem como download digital. A versão em 2CDs vem com um livreto de 28 páginas cheio de fotos raras, folhetos, letras, scans de fanzines, notas para o material demo e comentários detalhados sobre a música e o conceito lírico do álbum pelo idealizador do Cerimonial Oath Oscar Dronjak. A versão deluxe em 2LPs inclui um livreto (LP-size) com o mesmo conteúdo do encarte do CD, em vinil de 180 gramas, capa dupla e capas pretas internas.

Um super-rara versão em vinil colorido pode ser comprado pela mailorder Century Media no local.

Niklas Sundin (Dark Tranquillity), designeer do "Lost Name Of God" afirmou: "O primeiro show do DARK TRANQUILLITY foi há 22 anos, juntamente com CERIMONIAL OATH (na época Desecrator), e por alguns anos, muitas vezes dividiriámos o palco na então minúscula cena do metal de Gotemburgo. Sempre senti que a banda nunca teve a atenção e crédito que merecia por seu death metal cru e peculiar, por isso é hora dessas gravações raras finalmente são lançadas em larga escala e disponibilizadas para uma nova geração de fãs, assim como nostálgicos malucos como eu. Detonem! "

Anders Björler (ex-THE HAUNTED, AT THE GATES):. "Eu e Jonas [Björler] fizemos a arte e o logo 1990 para a banda Desecrator. Eles ficaram tão decepcionados e chateado que formaram outra banda para começar de novo . CERIMONIAL OATH nasceu. "

Capa feita por Anders e Jonas
Capa feita por Anders e Jonas

Marko Palmén (EVOCATION): "Devo dizer que as notícias sobre o despertar CERIMONIAL OATH de seu hiato realmente foram boas e é ótimo ver que o interesse pelo death metal da Suécia está crescendo em todo o mundo!!! Eu tenho ótimas lembranças do início dos anos anos 90, quando dividíamos o palco com o Cerimonial Oath e, talvez, o melhor é de um show que fizemos no lendário clube underground chamado Valvet em Gotemburgo, 1992. E não é a melhor memória, porque era um grande show ou algo assim ... É porque eu lembro que nosso baterista conseguiu estourar a pele de tambor do bumbo do backline CERIMONIAL OATH que estavam usando. E como se isso não fosse suficiente lembro-me também que nunca pagamos os caras do Cerimonial Oath pelas peles estouradas e isto ainda incomoda a mim ao Evocation, depois de todos esses anos ... Espero que vocês possam nos perdoar! ;-) coisa estranha acontecer durante um show, eu nunca experimentei algo como isso antes ou depois deste show durante toda a minha carreira musical. Agora, quando vocês se reuniram, eu tenho certeza que você vão descobrir que tocar death metal nunca foi tão divertido quanto é agora. Daqui a pouco também tenho certeza de que vocês vão se arrepender a mesma coisa que nós do Evocation se arrependemos: de não começar a fazer isso mais cedo. Bem-vindos de volta depois de todos estes anos e esperamos que nós podemos infernizar juntos mais uma vez "!

"The Book Of Truth" track listing:

CD1/LP1: O Album

01. Prologue: Sworn To Avenge
02. Chapter I: The Invocator
03. Chapter II: For I Have Sinned / The Praise
04. Chapter III: Enthroned
05. Chapter IV: Only Evil Prevails
06. Chapter V: Thunderworld (Welcome To Forever)
07. Chapter VI: Lords Of Twilight
08. Chapter VII: Ceremonial Oath
09. Chapter VIII: The Lost Name Of God
10. Chapter IX: The Book Of Truth
11. Chapter X: Hellbound (instrumental)

CD2/LP2: As Demos

01. Intro: The Hour Between Darkness And Dawn
02. Remains Of Death
03. Force Of Habit
04. A Nocturnal Predator
05. Into The Abyss Of Hell
06. The Invocator
07. Necrosis
08. The Lost Name Of God
09. For I Have Sinned / The Praise

Faixas 1-4 tiradas da demo "Wake The Dead" (1990, como Desecrator)
Faixas 5-7 retirado da demo "Black Sermon" (1990, como Desecrator)
Faixas 8, 9 tirado do single "Lost Name Of God" (1992)

Todas as faixas do CD2/LP2 são lançadas em CD pela primeira vez. "Wake The Dead" e "Black Sermon" serão lançados em vinil pela primeira vez.

CERIMONIAL OATH tocou o seu primeiro show em 20 anos no dia 4 de janeiro na edição inaugural do Gothenburg Sound Festival em Trädgår em Gotemburgo, Suécia. Mais aparições serão anunciadas em breve.


Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Cerimonial Oath"


Musical Box: Os 20 discos seminais do Hard RockMusical Box
Os 20 discos seminais do Hard Rock

Humor: Você sabe que o rock está moderninho quando...Humor
Você sabe que o rock está moderninho quando...


Sobre Carlos Henrique Schmidt

Graduado em Computação e Administração, a paixão pela música pesada surgiu nos primeiros anos da adolescência e permanece até os dias de hoje. Apesar da preferência pelos estilos mais x-tremos da música pesada (Black, Death, Grind), o seu universo musical não limitado por estes rótulos, mas pelo que a música em si transmite.

Mais informações sobre Carlos Henrique Schmidt

Mais matérias de Carlos Henrique Schmidt no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336