Lars Ulrich: jucando no camarim do Guns N' Roses

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá, Fonte: Blabbermouth.net, Tradução
Enviar Correções  

O site SPIN.com entrevistou, em agosto de 2011, Tommy Stinson, membro fundador do grupo de Minneapolis THE REPLACEMENTS e depois baixista do GUNS N' ROSES. Seguem alguns trechos da conversa.

Fotos de Infância: Joey Jordison e Corey Taylor, do Slipknot

Slash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelido

publicidade

publicidade

SPIN.com: Quando você entrou para o GUNS N' ROSES, o Axl Rose sabia do seu histórico?

Stinson: Ele sabia do THE REPLACEMENTS. Ele me disse que ele e Del James (produtor do GN'R) vieram nos ver numa boite e não ficaram impressionados. Ele e eu rimos do fato dele não ser um fã do REPLACEMENTS e eu não ser fã do GUNS.

publicidade

SPIN.com: Qual é o cenário mais selvagem: bandas indie ou de hard-rock?

Stinson: Antigamente éramos todos jovens e beberrões, tomando todas. Como com o R.E.M., chapamos todas com aqueles caras. Mas com o GUNS, eu toquei com o METALLICA. O Lars Ulrich vomitando no nosso camarim, bem nojento. Ele tomou uma dose a mais do que deveria, e então veio o Sebastian Bach cantando, "Exit Lars! Exit Laaaaars!" ("Saia Lars! Saia Laaaaars!") enquanto o assistente dele carregava ele para fora do prédio. Mas isso é outra história.

publicidade

SPIN.com: Você trabalha bem próximo do Axl há um bom tempo. Qual o segredo?

Stinson: Você descobre após um tempo quais batalhas valem a pena ser travadas. Muitas vezes, seja o Axl ou o Paul (Westerberg, mainman do THE REPLACEMENTS) ou quem quer que seja, eles lhe dizem que querem escutar o que você tem a dizer, mas eles não querem isso na verdade. Então você anda pisando em ovos. Você tem de dançar conforme a música.

publicidade

publicidade

Leia a entrevista na íntegra no SPIN.com.



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Fotos de Infância: Joey Jordison e Corey Taylor, do SlipknotFotos de Infância
Joey Jordison e Corey Taylor, do Slipknot

Slash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelidoSlash
Saul Hudson explica qual a origem de seu apelido


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin