RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemKirk Hammett admite que não aguenta mais tocar o solo de "Master of Puppets"

imagemDavid Gilmour elege cinco álbuns fundamentais da história do rock

imagemAce Frehley diz que tem documento que pode arruinar carreira de Paul Stanley e Gene Simmons

imagemO dia que Erasmo Carlos recorreu a farmacêuticos para decifrar caligrafia de Raul Seixas

imagemJames Hetfield afirma que é "quase impossível" manter o ritmo do passado

imagemO hit do Sepultura que Max Cavalera foi aconselhado a trocar o título por erro de inglês

imagemOficial: AC/DC, Ozzy Osbourne, Guns N' Roses, Metallica e Iron Maiden no Power Trip Festival

imagemAs 11 melhores instrumentais da história do metal, em lista da Revolver Magazine

imagemEdu Falaschi e Bruno Sutter comentam sobre banda que é "Backstreet Boys do metal"

imagemDrogas, bateria vendida e show perdido: como Nick Menza se tornou integrante do Megadeth

imagemAndreas Kisser chegou no fundo do poço quando não foi a Disney pois não tinha cerveja

imagemMetallica: Robert Trujillo toca Black Sabbath com esposa e filha para ajudar causa animal

imagemKatatonia: um show curto e decepcionante para o que se espera da banda

imagemA estrada brasileira e a icônica dupla sertaneja que inspiraram "Infinita Highway"

imagemDef Leppard mostra bastidores da turnê e o incrível presente recebido em São Paulo


Stamp

Metallica: Em 1998, Jason Newsted previu o futuro do heavy metal

Por André Garcia
Postado em 11 de dezembro de 2022

Na segunda metade dos anos 90, as bandas que fizeram o heavy metal brilhar em meados da década anterior pareciam viver um inferno astral: o Iron Maiden e Judas Priest perderam seus frontmen; o Metallica foi duplamente execrado com "Load" e "Reload"; o Megadeth e o Scorpions também desagradaram aos fãs com uma mudança de sonoridade em "Risk" e "Eye II Eye".

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Bruce Dickinson

Com esse clima adverso, outros gêneros tomavam o espaço que antes pertencia ao rock pesado, e aumentava o burburinho de que o heavy metal estava diante de seu iminente fim. Em meio a tudo isso, o Metallica fez uma aparição na MTV em 1988, onde seus membros responderam a perguntas de fãs. Em trecho disponível no YouTube, o baixista Jason Newsted foi perguntado sobre o futuro do heavy metal. Sua resposta foi profética.

"Hoje em dia tem muita música eletrônica rolando, muita batida acelerada. Tem atraído muita gente por causa daquela energia, aquela agressividade. Mas nada vai substituir ter quatro ou cinco caras tocando guitarra no talo, e essas coisas."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Não importa o quanto venha a se tornar underground, a coisa vai dar a volta por cima de novo. Estará sempre lá, em algum lugar. Basta ver toda essa gente que está aqui, todo mundo ainda curte esse tipo de música. Pode não ser o tipo de música mais popular, de tocar nas rádios, mas permanece vivo em nós, e em muita gente. [O heavy metal] sempre sobrevive", concluiu.

Metallica

O Metallica surgiu em San Francisco no começo da década de 80 como um dos maiores representantes do thrash metal, uma mistura da fúria do punk com o peso do metal. Formado pelos amigos Lars Ulrich (bateria) e James Hetfield (guitarra base), com a entrada de Kirk Hammett (guitarra solo) e Cliff Burton (baixo), lançaram seu álbum de estreia "Kill'Em All" (1983).

Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Após expandir seu som e se consolidar na cena com "Ride the Lightning" (1984), se consagrou com "Master of Puppets" (1986). Levando o thrash metal do underground para o mainstream, o Metallica começou a lotar estádios após rodar os Estados Unidos abrindo show para Ozzy Osbourne.

Quando parecia que nada poderia parar a banda, Cliff Burton morreu em um acidente de trânsito. Com Jason Newsted em seu lugar, foi lançado "...And Justice For All" (1988), com faixas épicas como "One". "Black Album" (1991) mostrou um lado mais pop sem deixar de ser pesado e melódico, o que resultou em seu auge de popularidade.

Do céu ao inferno, "Load" (1996) e "Reload" (1997) foram muito mal recebidos pela sonoridade ainda mais comercial e menos metal. Não ajudou em nada as fotos de cabelo cortado, com Kirk usando maquiagem e de unha pintada. A ressaca levou a banda a um período evitando novo material com "Garage Inc" (1998) e "S&M" (1999).

Após a virada do século, com Robert Trujillo no lugar de Jason Newsted, o Metallica ainda voltou a desagradar os fãs com "St. Anger" (2003), mas retornou às raízes com Death Magnetic (2008) e "Hardwired... to Self-Destruct" (2016).

Recentemente, seus fãs foram pegos de surpresa com o lançamento do single "Lux Æterna" e o anúncio do lançamento de seu novo álbum "72 Seasons" para 14 de abril de 2023.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Summer Breeze B

Metallica: o que significa "Ride The Lightning"?


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre André Garcia

Sou redator e tradutor freelancer e escritor, autor do livro de contos Liber IMP. Ouço rock desde pequeno, leio coisas sobre bandas desde sempre e escrevo sobre ela já tem anos. Cresci como fã de Iron Maiden e paladino do rock, mas já me tratei. Hoje sou fã de nomes como Beatles, David Bowie, The Cure, Kraftwerk e Velvet Underground, e de cenas como a Londres psicodélica, a Nova Iorque proto-punk e a Manchester pós-punk. Escrevo notas e notícias rápidas para o Whiplash.Net visando compartilhar conteúdo relevante sobre música e cultura pop.
Mais matérias de André Garcia.