Matérias Mais Lidas

imagemHumberto Gessinger faz símbolo do "L" do Lula com a mão em show e fãs vibram

imagemMarcos Mion conta história de encontro (e manjada) com Bon Jovi no banheiro

imagemBill Hudson diz que tatuagem pode ter sido entrave para entrar no Megadeth

imagemEdgard Scandurra, do Ira!, explica atual sumiço do rock nas rádios brasileiras

imagemA curiosa opinião de Ozzy sobre cover do Metallica para "Sabbra Cadabra"

imagemTaylor Hawkins: Ele estava cansado e pronto pra abandonar o Foo Fighters

imagemBruce Dickinson diz o que o surpreendeu quando retornou ao Iron Maiden

imagemA curta e interessante lista de músicas do Iron Maiden escritas por Dave Murray

imagemO que mais impede Kiko Loureiro de voltar ao Angra? (Não tem nada a ver com o Megadeth)

imagemSimone Simons compartilha foto inusitada; "Caminhoneira de dia e cantora à noite"

imagemLuísa Sonza posta fotos com camiseta da banda de death metal Morbid Angel

imagemAutor de "God Save The Queen", Johnny Rotten diz que sente orgulho da Rainha Elizabeth

imagemOzzy Osbourne revela o único integrante de sua banda que saiu "do jeito certo"

imagemMarcello Pompeu, em busca de emprego, pede ajuda a seguidores

imagemIan Gillan conta como foi sua primeira saída do Deep Purple, em 1973


PRB

AC/DC: Os 40 anos da obra-prima Back In Black

Resenha - Back In Black - AC/DC

Por Rogerio Hamam
Em 21/07/20

Nota: 10

AC/DC é uma daquelas poucas bandas que muitos interpretam suas composições como "mais do mesmo", mas que todos concordam de forma unânime: ainda bem!

Como explicar a magia de um álbum lançado em 25 de julho de 1980, com menos de 6 (seis) meses depois do trágico falecimento de seu carismático vocalista, Bon Scott, substituído por um britânico praticamente desconhecido? Isso tudo, depois de uma coleção de hits registrados em seus seis primeiros álbuns e, ainda, com a dura tarefa de suceder o clássico "Highway to Hell". Definitivamente, não era uma missão das mais fáceis.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Pois é, estamos falando simplesmente do álbum de rock mais vendido de todos os tempos, ficando atrás somente de "Thriller", do Michael Jackson. São mais de 50 milhões de cópias!!!

O produtor Mutt Lange, teve a brilhante ideia de levar a banda para um estúdio em Bahamas, buscando grande distanciamento da rotina de ensaios e shows dos caras, entendendo ser um ambiente apropriado para novas inspirações e também para buscar entrosamento entre os compositores, os irmãos Malcolm e Angus Young e o novo vocalista Brian Johnson.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

As badaladas de sino em "Hells Bells" – que a torcida são paulina (incluindo o autor) irá associar ao ídolo Rogerio Ceni, por ser a música tema de sua entrada em campo – parecem que já anunciavam o que estava por vir. Um marcante riff de guitarra e um vocalista com a voz ainda mais rasgada do que a de seu antecessor, com digital própria e sem desfigurar em nada o som da banda.

Mesmo depois um som forte e pesado, como se o ouvinte tivesse realmente sentindo o impacto de um sino de meia tonelada, vem a ótima "Shoot To Thrill", ainda presente no set list da banda, que também foi trilha sonora e parte do clipe promocional do filme "Homem de Ferro 2". Afinal, super heróis e música de qualidade, não morrem nunca.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Depois das primeiras ótimas impressões, "What Do You Do For Money Honey" vem aquela pergunta que se repete durante toda audição do álbum: quando chegará a vez daquela música mais fraca? Melhor não desperdiçar seu tempo com isso.

"Givin’ The Dog a Bone" e "Let Me Put My Love Into You", são outras músicas incríveis e que ajudam a lembrar que existe uma excelente cozinha formada pelo baixista Cliff Williams e pelo baterista Phill Rudd, que são fundamentais para destacar as inigualáveis bases de guitarra, os solos insanos e a marcante voz do novo integrante, que parecia fazer parte da banda antes mesmo dela ter sido criada.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E o melhor, ainda estava por vir...

Como descrever a música título "Back In Black"? Talvez como a melhor música da banda, aquela com presença obrigatória em qualquer lista de hinos do rock de todos os tempos, a que bateu recordes de downloads mesmo décadas depois de seu lançamento, ou ainda, tão boa que até a Shakira ficou com vontade de cantar. Qualquer descrição será insuficiente, melhor ouvir novamente esse clássico enquanto estiver lendo o texto e em volume máximo, por favor.

Mesmo com todas as descrições acima, "You Shook Me All Night Long" não fica devendo em nada à sua antecessora. Que ritmo! Que riff! Que solo! Que refrão maravilhosamente grudento! Outro verdadeiro hino!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Depois de todas essas faixas, parece que a banda escolheu propositalmente "Have A Drink On Me", que literalmente significa "uma rodada por minha conta". Tamanho será o estado de êxtase do ouvinte, que é bem provável que o sujeito grite essa frase para o bar inteiro ouvir.

"Shake A Leg" é apenas mais uma ótima música do álbum e ainda finalizam com a ousadia de mandar um recado para a eternidade: "Rock And Roll Ain´t Noise Polution". E o rock não é mesmo uma poluição sonora, é arte em sua mais profunda expressão através da música e o álbum "Back In Black" foi gravado justamente para dizimar qualquer dúvida a respeito.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Outras resenhas de Back In Black - AC/DC

imagemResenha - Back In Black - AC/DC

Resenha - Back In Black - AC/DC

Resenha - Back In Black - AC/DC

Resenha - Back In Black - AC/DC

Resenha - Back In Black - AC/DC

Resenha - Back in Black - AC/DC

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Accept encerra um ciclo com "Too Mean to Die"