Barros: bom instrumental, letras emotivas e cativantes

Resenha - Gemini - Barros

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Clóvis Eduardo
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Talvez o que o rock precise hoje, é de uma volta para a simplicidade. A valorização dos instrumentos, sem embolação ou sobreposições. Quem quer buscar boa música, um ritmo diferente e algumas dicas de como estruturar um disco, pode procurar por esta banda.
5000 acessosImmortal: fotos de Horgh se divertindo no Brasil5000 acessosZakk Wylde: comparando Synyster Gates do A7X com Randy Rhoads

Barros. O nome poderia até render umas analogias legais para bandas de hard core ou de punk. Mas ouvindo mais o instrumental deste grupo Português, o que interessa mesmo é ficar com o ouvido no aparelho de som.

Formada em Portugal, o Barros tem em seu line-up o competente vocalista Rafael Gubert, o guitarrista Paulo Barros, o baterista (e irmão de Paulo), Luis Barros e o baixista José Baltazar. O quarteto está na ativa e colocou aos fãs um bom CD, com instrumental caprichado e a inspiração total de Rafael na interpretação das músicas. Ficou muito legal o trabalho, com composições amarradas e que valorizam cada um dos integrantes da banda. É o cd ideal para ouvir após um dia cansativo de trabalho, pois ajuda a relaxar e empolga pelo rock de qualidade.

O riff e a batida contínua vão lembrar um pouco o ritmo utilizado nos discos antigos do Rammstein ou até mesmo o experimento que o Nightwish fez no álbum “Once”, com a música “Wish I Had An Angel”. Esta será a impressão em “Escape From The Lies”, que abre o disco. Mas nas faixas seguintes, prossegue o ritmo mais cadenciado, com contrastes entre duas guitarras, uma com um efeito pesado e cativante nos riffs, e outra com um som mais brilhante e limpo, utilizado nos belos solos de Paulo Barros.

Apesar de um grupo português, não é de se estranhar nem um pouco que as letras sejam em inglês. E isso é até uma vantagem do Barros, já que “Gemini”, foi certeiro em sua abordagem principal. Bom instrumental, letras emotivas e cativantes, num ritmo mais leve e que muitas vezes, nos cai muito bem.

Hellion Records

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Gemini - Barros

1722 acessosResenha - Gemini - Barros769 acessosBarros: com vocais de Rafael Gubert, do Akashic

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Barros"

HumorHumor
As primeira fotos de Horgh, do Immortal, no Brasil

Zakk WyldeZakk Wylde
Comparando Synyster Gates com Randy Rhoads

Jeff HealeyJeff Healey
Guitarrista morre de câncer aos 41 anos de idade

5000 acessosAxl Rose: vocalista é o 1º da lista dos mais idiotas do rock5000 acessosKiko Loureiro: foto pagando mico em karaokê com Dave Mustaine5000 acessosListas: 10 melhores bandas da era pós-Nirvana5000 acessosBeatles: Em vídeo tocante, pai canta para o filho às portas da morte4630 acessosJason Newsted: Ele está fora de todas as redes sociais5000 acessosTradução - Abigail - King Diamond

Sobre Clóvis Eduardo

Clóvis Eduardo Cuco é catarinense, jornalista e metaleiro.

Mais matérias de Clóvis Eduardo no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online