Resenha - Paradise In Flames - Axxis

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

9


Já é notória a fama dos alemães em fazerem melodias únicas e pegajosas, e o Axxis não foge desta regra, destilando faixas de hard rock realmente magníficas e possuindo alguns álbuns matadores em sua discografia. Mas com seu nono registro de estúdio, "Paradise In Flames", o Axxis traz algumas diferenças consideráveis em sua música, portanto não vá esperando um som totalmente tradicional em termos de rock melódico.

Iron Maiden: Steve Harris pensou em acabar com a banda em 1993

Lauren Harris: Como é ser filha do baixista do Iron Maiden

Soando atualmente mais moderno, porém sem perder a "atmosfera feliz", que é uma das principais características na música da banda, a grande distinção aqui é a notável participação de uma vocalista feminina chamada Lakonia em algumas faixas. Isso, acrescido a elementos sinfônicos e épicos, traz uma dimensão completamente diferente se comparado com o que a banda fez até então.

No campo instrumental "Paradise In Flames" segue a linha de seu antecessor, continuando bem focado na distorção, mas ainda completamente melódico. A forma como Bernhard Weiss canta permanece a mesma, com sua voz limpa e repleta de emoção. Entre a diversidade que este trabalho traz, é destaque imediato "Dance With The Dead" e "Take My Hand", onde Lakonia mostra um belo serviço; realmente não há como deixar de admirar canções deste porte.

Uma das grandes composições de 2006 é a épica "Lady Moon" que, juntamente com "Will God Remember Me", possui refrãos memoráveis, assim como também se sobressai a bonita balada ao piano "Don’t Leave Me", com um eficaz dueto entre as vozes masculina e feminina. É um típico disco com uma linearidade bem acima da média e com uma audição muito agradável, conseguindo transmitir uma energia um tanto otimista, o que é ótimo nos dias de hoje.

E o mais interessante é que esta nova fase não descaracterizou o "velho" Axxis, sua sonoridade continua totalmente reconhecível. É louvável ver um conjunto cuja carreira já passa dos 15 anos, e mesmo assim seus músicos continuam inspirados e com padrões refinados, mesmo quando reciclam algo que cativa há décadas. Indicadíssimo!

Formação:
Bernhard Weiss - voz
Harry Oellers - teclados
Guido Wehmeyer - guitarra
Kuno Niemeyer - baixo
Andre Hilgers - bateria

Axxis - Paradise In Flames
(2006 – AFM Records – importado)

01. Paradise In Flames (Intro)
02. Dance With The Dead
03. Tales Of Glory Island
04. Take My Hand
05. Will God Remember Me
06. Talisman
07. Don’t Leave Me
08. Lady Moon
09. Ice Wind
10. Stay By Me
11. Gods Of Rain
12. Passion For Rock

Homepage: www.axxis.de

Nota: 09




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Iron Maiden: Steve Harris pensou em acabar com a banda em 1993Iron Maiden
Steve Harris pensou em acabar com a banda em 1993

Lauren Harris: Como é ser filha do baixista do Iron MaidenLauren Harris
Como é ser filha do baixista do Iron Maiden


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin