Resenha - 25 To Live - Grave Digger

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

10


Meninos EU VI! Eu estava lá... e você? Não? Cara... você perdeu um dos melhores shows de 2005. A apresentação do Grave Digger em São Paulo, divulgando o CD "The Last Supper" foi algo de inimaginável. Duas horas e meia e um set comemorativo, com nada mais nada menos que 26 músicas. Quem foi viu um showzaço. Mas quem não pôde ir agora tem a chance de ter uma boa amostra do que foi aquela apresentação, com o lançamento deste DVD, que chega ao mercado brasileiro pela Nuclear Blast.

Como no CD, o show é fantástico. Desde a abertura com as novas (e excelentes) "The Last Supper" e "Desert Rose" a sons mais antigos como "Paradise", "Witchhunter" e a balada "Yesterday", como em músicas eternizadas nos últimos CD’s como "Rheingold", "The Grave Digger" e "Knights Of The Cross". A banda esbanja energia, empolgação e alegria, escorada por um público insano, que cantava cada letra como se essa fosse a última música. O encerramento se deu em grande estilo com o hino "Heavy Metal Breakdown".

publicidade

A filmagem se mostra competente, sem exageros ou super movimentações de câmeras (tendência adotada em alguns DVD’s), que tornam o show dinâmico e envolvente. A banda esbanja talento, com as guitarras de Manni Schmidt, o baixo pulsante e agressivo de Jens Becker, a bateria de Stefan Arnold e os teclados do soturno HP Katzenburg. Uma banda afiadíssima, com (e não tenho dúvidas em dizer isso) seu mais competente line-up. Destaque para o sempre carismático Chris Bothendal (que chega a montar um mini-altar com a bandeira brasileira), que apesar de sentir os efeitos da idade, não deixa de agitar um só minuto. Como extra, um documentário relatando a vinda da banda ao Brasil, com entrevistas, chats pela AOL, e outras coisas. Um pacote simples (muitos poderão dizer que faltaram alguns extras), mas eficiente.

publicidade

Um grande DVD, obrigatório para os fãs da banda e de heavy metal, afinal, aqui estão algumas lições de como fazer metal.

DVD – Faixas

Passion (Intro)
The Last Supper
Desert Rose
The Grave Dancer
Shoot Her Down
The Reaper
Paradise
Excalibur
The House
Circle of Witches
Valhalla
Son of Evil
The battle of Bannockburn
The curse of Jacques
Grave in the no Man's Land
Yesterday
Margane Lefay
Symphony of Death
Witchhunter
The Dark of the Sun
Knights of the Cross
Twilights of the Gods
The grave digger
Rebellion
Rheingold
The Round Table
Heavy Metal Breakdown

publicidade

Site Oficial: http://www.gravedigger.com


Outras resenhas de 25 To Live - Grave Digger

Resenha - 25 To Live - Grave Digger

Resenha - 25 To Live - Grave Digger

Grave Digger: Lição de metal obrigatória

Resenha - 25 To live - Grave Digger

Resenha - 25 to Live - Grave Digger




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Brasil: Bandas que gravaram discos ao vivo em nosso paísBrasil
Bandas que gravaram discos ao vivo em nosso país

Capas: as 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blogCapas
As 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blog


Slipknot: Joey Jordison diz que foi demitido por telegrama cantadoSlipknot
Joey Jordison diz que foi demitido por telegrama cantado

Top 500: as melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling StoneTop 500
As melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling Stone


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin