Resenha - Lovelorn - Leave's Eyes

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos


Enfim Liv Kristine (ex-Theatre of Tragedy) resolveu deixar de lado suas incursões à música eletrônica que nunca lhe renderam comentários muito agradáveis. E quando as coisas não vão bem, o ideal é mudar o rumo. Juntando-se aos membros do monstruoso Atrocity (cujo líder, Alexander Krull, é marido de Liv e cuidou dos sintetizadores, voz gutural, gravação e ajudou até mesmo na bela concepção gráfica), dando origem a este Leaves' Eyes. Ainda completam a formação Mathias Röderer e Thorsten Bauer nas guitarras, Chris Lukhaup no baixo e Martin Schmidt na bateria, ou seja, realmente TODO o pessoal do death/gothic Atrocity.

Plágio ou coincidência: trechos semelhantes no rock/metalUruca: Os 9 mais azarados da história do Rock

E a junção destas forças geraram, como era de se esperar, um ótimo álbum de gothic metal, estilo em que a bela voz de Liv se enquadra muito bem. Comenta-se por aí que musicalmente é uma espécie de retorno ao estilo antigo do Theatre of Tragedy... A coisa não é bem assim: Lovelorn é bastante intenso e com excelentes guitarras cheias de distorção, e que com a voz de Liv conseguiu atingir um nível bastante erótico, sem contar que a presença de vozes masculinas não tem tanto destaque, gerando uma sonoridade final algo bem diferente do início da carreira do Theatre.

Com bases muito pesadas que contrastam com todo o clima provocado pelos teclados incessantes e indispensáveis ou sons rítmicos mais relaxantes, tudo muito bem construído, mas não tem jeito, Liv abre a boca e rouba toda a cena com muita classe e sensualidade, até mesmo deixando as músicas com bastante potencial comercial. Para citar um exemplo, a faixa-título é totalmente new age, lembrando em muito Lorenna Mckennit ou Enya.

Lovelorn apresenta também uma faixa multi-mídia com MP3 e um excelente vídeo que nos confirma duas impressões visuais: 1- como uma maquiagem bem produzida transforma uma pessoa e 2 - meu, que par de coxas essa Liv Kristine tem!

Leaves' Eyes - Lovelorn
(2004 - Distribuído por Hellion Records)

01. Norwegian Lovesong
02. Tale Of The Sea Maid
03. Ocean's Way
04. Lovelorn
05. The Dream
06. Secret
07. For Amelie
08. Temptation
09. Into Your Light
10. Return To Life




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Leaves' Eyes"


Theatre of Tragedy: Liv diz que foi demitida igual a Tarja no NightwishTheatre of Tragedy
Liv diz que foi demitida igual a Tarja no Nightwish

Liv Kristine: fui demitida de minha própria banda!Liv Kristine
Fui demitida de minha própria banda!


Plágio ou coincidência: trechos semelhantes no rock/metalPlágio ou coincidência
Trechos semelhantes no rock/metal

Uruca: Os 9 mais azarados da história do RockUruca
Os 9 mais azarados da história do Rock


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336