WHIPLASH.NET - Rock e Heavy MetalWHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal

FacebookTwitterGoogle+RSSYouTubeInstagramApp IOSApp Android
MenuBuscaReload

Adrenaline Mob: Sobrevivendo após a saída de Portnoy

Resenha - Men of Honor - Adrenaline Mob

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Após iniciar como um “superprojeto”, o ADRENALINE MOB se firmou posteriormente como uma das grandes bandas da atualidade. E tal fato pode ser comprovada pelo de, mesmo com a saída de seu membro até então mais famoso, o baterista Mike Portnoy, não fez qualquer diferença na sonoridade da banda, que manteve sua excelência em segundo e melhor trabalho, “Men of Honor”, que estará disponível no mercado nacional já no próximo dia 06 de março, via Hellion Records.
Adrenaline Mob: banda está com novo bateristaOzzy Osbourne: filho mais velho do vocalista está falido

Como todos que acompanham a carreira da banda sabem, Mike Portnoy era um verdadeiro convidado de luxo na banda, pois já no primeiro trabalho não havia contribuído com composições (apenas com alguns arranjos), e a sonoridade do ADRENALINE MOB não exigia tanto de suas habilidades. Agora, mesmo com sua saída, Russell Allen e Mike Orlando, as duas mentes criativas por trás da banda, conseguiram se superar ainda mais, lançando um disco consistente, maduro e viciante.

E, como não poderia deixar de ser, ambos são os grandes destaques da banda. Mike Orlando continua sendo uma verdadeira máquina de criar riffs e solos extraordinários e marcantes, com uma sonoridade moderna e agressiva, com toques de hard rock, stoner e muito groove. Sem dúvida uma das grandes revelações do instrumento nos últimos anos. Já Russell continua em sua evolução, e mesmo tendo uma carreira das mais relevantes, parece que consegue a cada novo álbum melhorar ainda mais suas interpretações, seja nos momentos mais agressivos, como nas arrasa quarteirão “Mob is Back”, “Men of Honor” (com vozes rasgadas e brutais) e “House of Lies”, seja nos mais melódicos e introspectivos, como nas ótimas baladas “Behind These Eyes” e “Crystal Clear”.

O baterista AJ Pero também faz um trabalho bem intenso e preciso, embora as faixas, em sua maioria, não exijam tantos apuros técnicos.

A produção do disco, feita pelo próprio Mike e Russell, também é irrepreensível, e a belíssima arte da gráfica, que segue os padrões “mafiosos” banda, feita pelo artista Marc Sasso, também são atrativos ainda maiores para os fás adquirirem o trabalho original.

Certamente um disco que entrará fácil para a lista dos melhores de 2014, e teimará em não sair de seu player, colocando o ADRENALINE MOB no rol das grandes bandas do metal contemporâneo.

Men of Honor – Adrenaline Mob
(2014 - Hellion Records - Nacional)

Track List:

1. Mob Is Back
2. Come on Get Up
3. Dearly Departed
4. Behind These Eyes
5. Let It Go
6. Feel the Adrenaline
7. Men of Honor
8. Crystal Clear
9. House of Lies
10. Judgment Day
11. Fallin to Pieces

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Men of Honor - Adrenaline Mob

Adrenaline Mob: Mais objetivo, novo disco supera expectativasAdrenaline Mob: 2º round de riffs matadores e vocais agressivosAdrenaline Mob: Ampliando seu leque de alternativas

Adrenaline Mob
Banda está com novo baterista

Todas as matérias e notícias sobre "Adrenaline Mob"

Mike Portnoy
Adrenaline Mob não tem a ver com progressivo

Mike Portnoy
"Eu baixo músicas o tempo todo"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 04 de março de 2014
Post de 05 de março de 2014

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Adrenaline Mob"

Ozzy Osbourne
Filho mais velho do vocalista está falido

Sexo
Como se comportam os fãs de cada vertente de Metal?

King Diamond
Vetado por Dave Mustaine em show do Volbeat

Marilyn Manson: 10 melhores músicas segundo a Loudwire13 fatos que afirmam: "O rock está morto e enterrado"Paul Gray: viúva diz que ele não era apenas um viciadoFender: vídeo mostra como se faz uma StratocasterAtenção músicos: vocês estão f-u-d-i-d-o-sHelloween: Kiske aceitaria reunião por 2 milhões de Euros?

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online