As Dramatic Homage: o primeiro álbum oficial dos cariocas

Resenha - Crown - As Dramatic Homage

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Apesar de ter lançado duas demos e um single como uma banda, o primeiro álbum oficial dos cariocas do As Dramatic Homage foi totalmente concebido pelo músico Alexandre Pontes (vocal/guitarra/programação). Pontes, contou com a ajuda de Alexandre Martins (atualmente integrante da banda) que gravou o baixo, além de Murilo Pirozzi (baixo), Eliebert Nunes e Romulo Pirozzi, ambos guitarra solo.
Jack White: Sem laços de amizade com a "eremita" Meg WhiteAxl Rose: vocalista do Trans-Siberian ensina a cantar como ele

“Crown” é um trabalho bem particular que traz conceitos filosóficos em seus temas, além de explorar diversas sonoridades. Tendo iniciado a carreira voltada ao Black/Doom Metal, a música do As Dramatic Homage ainda contém elementos destes estilos, mas vai muito além.

Passagens de Progressivo, variações rítmicas e até um clima épico emanam nas composições. O peso na medida certa colabora muito com o contexto do trabalho, como é perceptível em composições como Monumental e Redemption. Composições mais melódicas como The Icon Onipresente e Journey Inside comprovam a versatilidade de “Crown”.

Um dos pontos positivos é alternância dos vocais. Pontes explora bem sua voz com vocais agressivos rasgados com passagens limpas, e às vezes até narradas. Outro destaque é o fato de as músicas serem diretas e ao mesmo tempo variadas, coisa que parece impossível de ser feita, mas que é realidade aqui, já que nenhuma composição ultrapassa os 4 minutos e meio de duração.

A produção, a cargo de Romulo Pirozzi e do próprio Pontes, poderia ter ficado um pouquinho melhor e dado um pouco mais de peso às faixas, mas não tira o brilho das músicas. Em “Crown” o As Dramatic Homage sem dúvidas atingiu seu objetivo, porém, poderá voar ainda mais alto em um próximo trabalho.

http://www.facebook.com/AsDramaticHomage
http://www.reverbnation.com/asdramatichomage

Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube
Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Crown - As Dramatic Homage

As Dramatic Homage: trabalho primoroso, bem feito e criativoAs Dramatic Homage: distorção e elementos acústicos

Todas as matérias e notícias sobre "As Dramatic Homage"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "As Dramatic Homage"

Jack White
Sem laços de amizade com a "eremita" Meg White

Axl Rose
Vocalista do Trans-Siberian ensina a cantar como ele

Justin Bieber
"Baby" em versões Hard, Metal e Extremo

Heavy Metal: quais as 10 melhores vozes da história?Rádio AOL: Os Top 10 da música pesada da década de 2000O que é ser Beat?Kiss: "I Was Made..." foi inspiração para Bruce Springsteen?King Diamond: como uma cirurgia delicada afetou sua vidaMarty Friedman: Kiko Loureiro é um guitarrista maravilhoso

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online