Angelcoprse: o álbum mais extremo da carreira

Resenha - Of Lucifer And Lightning - Angelcorpse

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Ricardo Santos
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
O Angelcorpse nasceu em Kansas City no estado americano do Missouri em 1995, é formado por Peter Helmkamp (baixo e vocal) Gene Palubcki (guitarra). Recentemente, como foi noticiado, o grupo efetivou Paul Collier como seu novo baterista, posto que já foi ocupado por monstros “blasting-beaters”, como o mestre Tony Laureano (Nile, Malevolent Creation , dentre outros) .
Stratovarius: Tolkki escancara a novela do StratovariusHaters: os nove álbuns de hard rock e heavy metal mais odiados

O som praticado pelo trio é um Death Metal de forte temática anticristã com produção crua e visceral e vocais mais rasgados do que o de costume tratando-se de Death Metal, mas ainda assim muito brutal. “Of Lucifer And Lightning” é seu quarto disco de estúdio e mantém o mesmo bom nível e extremismo musical de sempre.

Quando ouvimos a intro “Credo Decimatus”, percebemos que o Angelcorpse não é um grupo de Death Metal normal. A aura profana do álbum é muito forte, e a partir da segunda canção, “Antichrist Vanguard”, o álbum pega fogo, literalmente. Os riffs e solos disparados por Palubcki são extremamente agressivos e técnicos, vide “Hexensabbat”, e o vocal de Helkamp continua terrivelmente blasfemo.

Não há mudanças na fórmula musical do Angelcorpse, e os fãs não irão se decepcionar com este novo álbum. O trabalho de bateria, na época a cargo de Gina Ambrosio, mostra-se muito agressivo e bem criativo, apesar da equalização dos instrumentos mais abafada (propositalmente, é claro). No entanto, a qualidade indiscutível de petardos como “Machinery of the Cleansing”, “Extermination Sworn” , “Shinning One”, “Saints Of Blasphemy” com os melhores riffs de todo o álbum, dentre as outras nove canções, fazem de “Of Lucifer And Lightning” um trabalho inspirado e coeso, apesar de ser relativamente curto .

O Angelcorpse sempre primou mais pela qualidade do que quantidade, tendo lançado apenas três álbuns de estúdio além de “Of Lucifer And Lightning” (o clássico “Hammer of The Gods”, de 1996; “Exterminate”, de 1999 e “The Inexorable” de 2001) e um álbum ao vivo (“Death Dragons Of The Apocalypse”, de 2002).

Peter Helkamp não brincou ao dizer que o Angelcorpse lançaria o álbum mais extremo de sua carreira. Também não mentiu ao dizer que o Angelcorpse não é igual aos outros grupos de Death Metal. Espera-se que o grupo faça um excursão pela Europa e Oceania, e com certeza, seriam muito bem-vindos se trouxessem sua música odiosa e blasfema para nosso país.

01. Credo Decimatus
02. Antichrist Vanguard
03. Machinery of the Cleansing
04. Hexensabbat
05. Extermination Sworn
06. Saints of Blasphemy
07. Thrall
08. Shining One (Rex Luciferi)
09. Lustmord

Tempo Total – 36:16

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Todas as matérias e notícias sobre "Angel Corpse"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Angel Corpse"

Stratovarius
Timo Tolkki escancara a novela e farsas do Stratovarius

Haters
Os nove álbuns de hard rock e heavy metal mais odiados

Slipknot
As mulheres da vida dos integrantes da banda

Avenged Sevenfold: bêbados, os caras resolvem tocar em bar na FinlândiaMetallica: porque nunca devem tocar no intervalo do Super BowlGrana pra torrar: Os componentes de som mais caros do mundoIron Maiden: cerveja Trooper em latão de 500mlMetallica: James se considera um "straight edge renascido"Trues em desespero: Lemmy Kilmister gosta de Evanescence

Sobre Ricardo Santos

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Ricardo Santos no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online