Matérias Mais Lidas

A opinião de Dinho Ouro Preto sobre o rapper Mano BrownA opinião de Dinho Ouro Preto sobre o rapper Mano Brown

O sentimento de Pete Best, primeiro baterista dos Beatles, após ter sido demitidoO sentimento de Pete Best, primeiro baterista dos Beatles, após ter sido demitido

Raul Seixas: a inusitada reação de Paulo Coelho ao saber da morte do compositorRaul Seixas: a inusitada reação de Paulo Coelho ao saber da morte do compositor

Malas sem alça: dez vezes que astros do rock e do metal foram arrogantes em citaçõesMalas sem alça: dez vezes que astros do rock e do metal foram arrogantes em citações

Por que Renato Russo não deixava ninguém sorrir no palco, segundo Carlos TrilhaPor que Renato Russo não deixava ninguém sorrir no palco, segundo Carlos Trilha

Bruce Dickinson, sem pensar duas vezes, revela pérola do Maiden que merece mais atençãoBruce Dickinson, sem pensar duas vezes, revela pérola do Maiden que merece mais atenção

Steve Vai: Eu não posso tocar como Yngwie Malmsteen; ninguém pode tocar como eleSteve Vai: "Eu não posso tocar como Yngwie Malmsteen; ninguém pode tocar como ele"

Capital Inicial: cinco músicas que foram escritas por Pit Passarell, do ViperCapital Inicial: cinco músicas que foram escritas por Pit Passarell, do Viper

Após treta com Max Cavalera, Marc Rizzo elogia Andreas Kisser e novo disco do SepulturaApós treta com Max Cavalera, Marc Rizzo elogia Andreas Kisser e novo disco do Sepultura

A opinião de Chester Bennington e Travis Barker sobre o MetallicaA opinião de Chester Bennington e Travis Barker sobre o Metallica

COVID: nunca mais vamos nos livrar disso, diz Ian Anderson do Jethro TullCOVID: nunca mais vamos nos livrar disso, diz Ian Anderson do Jethro Tull

Homem rouba guitarra de R$ 43 mil enfiando-a nas calças; veja vídeoHomem rouba guitarra de R$ 43 mil enfiando-a nas calças; veja vídeo

A importante dica sobre política que Tico Santa Cruz recebeu de Fábio AssunçãoA importante dica sobre política que Tico Santa Cruz recebeu de Fábio Assunção

John Lennon: conheça a música que o uniu a Elton John e o reconciliou com YokoJohn Lennon: conheça a música que o uniu a Elton John e o reconciliou com Yoko

Supla diz que pode se candidatar a algum cargo pelo PT nas eleições de 2022Supla diz que pode se candidatar a algum cargo pelo PT nas eleições de 2022


Stamp

E. Nogueira: Jogo ganho em show de clássicos do pop e do rock

Resenha - Emmerson Nogueira (ATL Hall, Rio de Janeiro, 06/09/2003)

Por Rafael Carnovale
Em 06/09/03

Colaborou: Rachel Ramos

Depois de um primeiro show lotado em que desfilou todos os sucessos de seu cd ao vivo, Emmerson Nogueira firmou-se como um grande músico e seus cd’s, que já vendiam horrores, tornaram-se obrigatórios entre muitos fãs de pop-rock. Alguns shows a mais aconteceram e a prova de que o sucesso tinha chegado de maneira fulminante foi comprovada neste segundo show na cidade maravilhosa, marcado para um sábado e que teve seus ingressos esgotados na 2a feira da mesma semana, forçando a produção inclusive a mudar os cartazes, incluindo nos mesmos "ESGOTADO" e um agradecimento.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Algo que não pode deixar de ser comentado sobre Emmerson Nogueira é a sua esperteza: reunir em um show clássicos do pop e do rock é praticamente entrar em campo com o jogo ganho, visto que se uma música não agrada a 10 pessoas, com certeza outra agradará, e com isso fica tudo mais fácil... será? Uma coisa é tocar covers de sucessos, outra é transformá-los em versões acústicas com maior simplicidade e evitando ao máximo o uso de artifícios que pudessem facilitar seu trabalho. Neste caso ele se saiu bem, mantendo o padrão acústico e acrescentando apenas teclados e backing-vocals. Restaria ver se após tanto sucesso, o show seria realmente tudo o que se esperava ou apenas um "fogo-de-palha".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Um ATL abarrotado (em sua configuração de teatro, com mesas e sem pista) recebeu 4500 fãs ávidos para ouvir o som que Emmerson e banda tanto divulgaram. Às 23 horas, com um ligeiro atraso, as cortinas se abrem e uma introdução mostra que a banda é extremamente talentosa e que Emmerson é um bom músico, sem dúvida. Contando com Sarah Furtado e Vanessa Farias (backing vocals), Luciano Mendonça (baixo), Felipe Grillo (teclados), Zé Mário (bateria) e Marcos Falcão (violões e guitarras), Emmerson começou o show com "Blowin’ in the Wind" emendada com "Kayleigh" e seguindo com "Follow You, Follow Me". O início se deu de maneira tímida, com um Emmerson muito preocupado em tocar bem e uma platéia contida, que vez por outra se fazia presente, como em "Every Breath You Take" e "Cry Me a River". As coisas começaram a esquentar quando a banda mandou "Forever Young" (com um excelente solo de Marcos Falcão no "Lap-Stell" e emendando com "I Want to Break Free", aonde a backing Vanessa mostrou todo o poderio de seu gogó, ofuscando o próprio Emmerson, que momentos antes diria que "tocar no ATL e no Rio é como tocar em casa".

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

E o desfile de sucessos continuava "Give a Little Bit", "Primeiros Erros" (aonde teve início uma longa "jam" que incluiu trechos de "Smoke on the Water", "Show me the Way", "Stairway to Heaven" e outras), que foi ovacionada pelo público, que já estava fora das mesas, pulando e dançando. A banda sentiu a empolgação e aí sim o show ficou mais agitado, com Emmerson emendando músicas sem dar tempo para o pessoal respirar (prova de que a banda é boa e competente, além de muito bem ensaiada). "Horse With no Name" e "Mrs. Robinson" continuaram com o desfile de clássicos, mostrando o ecletismo de Emmerson e a boa adaptação dos arranjos, que se não ficou um trabalho virtuoso, mostrou o cuidado em respeitar os originais sem exagerar muito, ficando bem interessante.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Alguns momentos merecem destaque, como quando a banda emendou "Have You Ever Seen the Rain" (com uma longa e bela participação do público) e "I’ll Survive" (outro show de Vanessa).

Emmerson nesse momento já se mostrava totalmente à vontade e detonava sucessos como "Wish You Were Here", "Come Together" e "Crazy" (que não fora tocada ao vivo anteriormente). Depois de muitos sucessos o show virou festa, com o público chegando para perto do palco e a banda mandando bala em "medleys" que incluíam Legião Urbana, Tim Maia, Milton Nascimento e Renato Russo solo. O final do show foi a capela, com Emmerson cantando "É preciso Amar", totalizando 2 horas e 40 de show.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

No backstage, um Emmerson totalmente impressionado declarava seu amor a cidade maravilhosa enquanto autografava cd’s. Numa rápida conversa, ele elogiou a banda, por tudo ser bem ensaiado e nitidamente ainda mostrar muita espontaneidade, que se refletiu em vários momentos de seu show. A continuar assim, ele manterá o sucesso que já conquistou.

Tiro este parágrafo final para uma consideração: é óbvio que este show pode ser taxado de oportunista, pois o repertório enche os olhos de qualquer fã de rock. Mas o bom gosto nos arranjos, e a alegria da banda mostram que antes de tudo todos curtem muito estar lá tocando, e nessa o ATL virou um grande bar, aonde entre uma cerveja e outra, ouvimos o bom rock na voz de Emmerson Nogueira.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Agradecimentos.
ATL HALL e CIE-BRASIL (Bianca Senna)

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Slayer: quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanistaSlayer
Quando o católico pai de Tom Araya descobriu que a banda era satanista

Guitarristas e vocalistas: os 10 melhores casamentosGuitarristas e vocalistas
Os 10 melhores "casamentos"


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale.