Quiet Riot: artistas comentam morte de DuBrow

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Carlos Almeida, Fonte: Blabbermouth
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 29/11/07. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Diversas personalidades do Rock/Metal mundial comentaram sobre o falecimento do vocalista Kevin Dubrow (QUIET RIOT), encontrado morto no ultimo domingo (25 de novembro) em sua casa em Las Vegas.

5000 acessosYngwie Malmsteen: primeira namorada fala sobre o guitarrista5000 acessosRatos de Porão: O elogio de João Gordo aos garotos do Restart

O baterista do QUIET RIOT, Frankie Banali, concedeu o seguinte depoimento à CNN: "Estou sem palavras. Eu simplesmente perdi meu melhor amigo. Em respeito a Kevin e sua família, não vou comentar muito. Há muita especulação por aí, e não vou adicionar nada a isso. Eu o amo muito".

Já o baixista Chuck Wright deu a seguinte declaração para o MelodicRock.com: "Eu estou completamente chocado e devastado. Eu perdi um irmão e essa realmente é uma perda muito triste para o mundo do rock n' roll. Eu tive muita sorte por ter feito parte de sua vida nestes últimos 26 anos. Eu tenho tantas recordações afetuosas e é uma bênção que estes últimos anos tenham sido tão bons para a banda. Não há nenhuma razão para dizer algo tipo 'eu queria que pudéssemos ter feito...' Nós fizemos! Eu ainda não posso acreditar que nós nunca mais estaremos compartilhando o mesmo palco com a sua presença gigantesca. O homem deixou uma marca para onde quer que ele tenha ido, e estou de coração partido pelo fato dele não estar mais conosco".

O guitarrista Alex Grossi declarou: "Eu realmente não sei por onde começar. Kevin era uma bela alma e eu me sinto mais do que afortunado por ter conhecido, trabalhado e aprendido com ele. Kevin sempre foi uma influência positiva naquilo que às vezes pode ser um negócio muito negativo. Eu estou orgulhoso de tê-lo chamado de amigo, e sempre terei orgulho.
Kevin Dubrow era um verdadeiro amante da música e se dedicava EXTREMAMENTE à sua arte. Estou honrado por ter feito parte de uma banda que mudou a face do hard rock para sempre e ter a oportunidade de tocar, compor, e o mais importante, feito parte de sua vida. Sua falta será sentida para sempre. Descanse em paz, meu amigo!"
.

Já o ex-baixista do QUIET RIOT, Rudy Sarzo, fez os seguintes comentários ao Headbanger's Blog sobre o falecimento de seu ex-companheiro de banda: "Todos nós estamos em choque tentando lidar com isso. A última coisa que você espera quando se levanta de manhã é algo assim. Ele foi alguém que realmente amou a vida. Ele amava se divertir e ter bons momentos. Todos os dias junto dele eram como uma festa — Era dessa maneira quando toquei com ele".

Sarzo continua: "eu penso que ele será lembrado por ser um baita cantor de rock. Ele definitivamente era um dos melhores vocalistas dos anos oitenta".

Outro que comentou a tragédia foi o ex-guitarrista da banda WARRANT, Billy Morris, que chegou a tocar com o QUIET RIOT nos últimos anos: "Wow. Hoje eu recebi a noticia que meu amigo Kevin Dubrow faleceu. Isso me pegou de surpresa. Ninguém jamais imaginaria isso acontecendo com o Kevin, especialmente eu, depois de conhecê-lo durante os últimos oito anos. Durante as turnês que fizemos juntos, ele realmente se cuidava, comendo bem (certamente melhor que o resto de nós). Ele tomava suas vitaminas diariamente, e sempre mantinha o corpo e a voz sob controle. Uma coisa sobre Kevin; ele sempre foi tão grato por tudo o que tinha. Tocar ao vivo e criar música eram as suas paixões, e ele agradecia o tempo que passava com seus amigos e fãs. A cena roqueira perdeu um ícone, um indivíduo que mandava ver todas as noites! Kevin, você fará falta".

Rikki Rockett, baterista do POISON também deu a sua declaração: "Eu conheci o Kevin DuBrow há uns 20 anos aproximadamente. O QUIET RIOT pôs o metal pra tocar nas rádios no começo dos anos oitenta, apesar de toda aquela nova onda de clones do DURAN DURAN na ocasião. Como quer que ele tenha morrido ou por que, vamos apenas nos lembrar das suas colossais contribuições. Descanse em paz, meu irmão".

O guitarrista do ANNIHILATOR, Jeff Waters comentou a morte do vocalista, saudando a sua importância para o Rock/Metal: “ele ajudou o tornar o Metal como é hoje”, disse Waters em nota.

Ao site “Saviours of Rock” o baixista do MÖTLEY CRÜE, Nikki Sixx, disse: "Eu estava me lembrando de estar sentado no apartamento de Kevin em 1979. Eu tinha acabado de estar com [o falecido guitarrista do QUIET RIOT/OZZY OSBOURNE] Randy Rhoads (que ainda morava com a mãe na ocasião) aprendendo algumas de suas músicas. Randy chamou o Kevin enquanto eu estava lá e lhe disse que deveriam me chamar pra ser baixista do QUIET RIOT. Eu não aceitei... porque nós todos temos um destino".

"Hoje é um dia triste. [O Kevin] sempre fez o que ele mais amava - música - e sempre dizia o que pensava. E essa é a conduta de um homem. Sua falta será sentida. Eu agradeço por ter essas recordações.... de antes da fama, só garotos com sonhos. Eu envio meu amor e apoio à sua família e amigos... eu sei que este é um momento dificil”.

Uma das declarações mais emocionadas foi do lendário baixista/vocalista GLENN HUGHES, dada ao site MelodicRock.com. Nela, Hughes se diz muito comovido, que tinha Kevin como um irmão e se falavam diariamente pelo telefone. Ele chama o falecido vocalista de um belo ser humano, amável, determinado e educado:

"Eu nunca vi o Kevin bêbado", diz Hughes. "Ele respeitava a minha sobriedade. Ele sempre me falava sobre a mudança do meu estilo de vida, e como ele também queria mudar o seu".

Hughes segue falando na nota sobre os últimos dias que deveria passar com Kevin: "A última conversa que tive com ele, dez dias atrás, era sobre esse assunto; ele disse que teve de fazer algumas mudanças no seu estilo vida. Eu estava tão contente e orgulhoso por ouvir isso. Gabi [esposa de Hughes] e eu falamos com ele na sexta-feira, 16 de novembro. Ele queria saber se podíamos pegá-lo no LAX no dia 23, dia de uma festa em minha casa. Então não houve nada, nenhuma comunicação. Zero. Chegou o dia de Ação de graças e eu soube que havia algo estranho. Em casa, o quarto de Kevin estava como sempre preparado, com seus doces favoritos próximo à cama. Ele sempre os pedia quando ficava em casa. Eu pensava, ele vai entrar pulando pela porta a qualquer minuto e ir dizendo que ganhou no bilhar, entre eu e o Chade Smith" (baterista do Red Hot Chilli Peppers).

"Quando a festa terminou, Gabi e eu comentamos sobre a sua ausência. Ela estava muito chateada. Desde o princípio, eu sentia algo seriamente errado. Chegou o domingo de manhã, não pude mais agüentar isso e liguei para Lark Williams, a ex-namorada do Kev. Ela estava em São Francisco. Eu perguntei se ela conhecia algum paramédico que poderia ir até a casa de Kev e investigar. Dana, o médico, apenas entrou na casa para achar meu amado irmão descansando em paz".

"Eu estou completamente chocado. Nós estávamos planejando ir para o Havaí para relaxar um pouco no ano novo".

"Para todos vocês que não o conheceram, ele era um amigo muito verdadeiro".

"Eu vou sentir falta dos nossos jantares no Palm em Beverly Hills. Eu vou sentir falta de sua voz alta berrando por minha casa. Eu vou sentir falta daquelas piadas 'tão bregas'. Todos nós sentiremos falta dele".

"Durma bem, irmão. Seu legado está em mãos boas comigo".

"Seu amado irmão, Glenn".

Kevin Dubrow tinha 52 anos de idade. Ainda não há uma confirmação oficial sobre a causa de sua morte.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 29 de novembro de 2012

Morte de Kevin Dubrow

5000 acessosQuiet Riot: Banali confirma morte de DuBrow2266 acessosQuiet Riot: Banali fala sobre morte de DuBrow5000 acessosKevin DuBrow morreu 6 dias antes de ser encontrado1131 acessosQuiet Riot: Bill Ward homenageia Kevin DuBrow5000 acessosQuiet Riot: Kevin DuBrow morreu de overdose2644 acessosMegadeth: baixista comenta passagem de Kevin Dubrow2414 acessosJeff Scott Soto fala sobre o falecido Kevin DuBrow4251 acessosTwisted Sister: "muito respeito pelo Quiet Riot"3105 acessosQuiet Riot: Nikki, do Motley Crue, fala sobre DuBrow1321 acessosRudy Sarzo: "Kevin DuBrow inspirou uma geração"3080 acessosQuiet Riot: Sarzo fala sobre trabalhar com Dubrow e Rhoads0 acessosTodas as matérias sobre "Morte de Kevin Dubrow"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Morte de Kevin Dubrow"0 acessosTodas as matérias sobre "Quiet Riot"

Yngwie MalmsteenYngwie Malmsteen
Primeira namorada fala sobre o guitarrista

Ratos de PorãoRatos de Porão
O elogio de João Gordo aos garotos do Restart

Mulheres no RockMulheres no Rock
As mais importantes segundo rádio inglesa

5000 acessosOzzy x Sharon: conheça a mulher que supostamente causou a separação5000 acessosRachel Sheherazade: cantando Iron Maiden com o Ultraje A Rigor no The Noite5000 acessosPantera: o surreal e constrangedor funeral de Dimebag Darrell5000 acessosThe Voice Brasil: versão roqueira de canção do Michael Jackson4314 acessosAC/DC: as dez melhores canções de Bon Scott4801 acessosMelhor que Galinha Pintadinha: como alegrar uma criança com Power Metal

Sobre Carlos Almeida

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Carlos Almeida no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online