Edu Falaschi: resposta a Jack Endino na íntegra

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Alessandra Martins, Fonte: Edu Falaschi Official Site
Enviar correções  |  Comentários  | 


Recentemente, Edu Falaschi foi entrevistado pelo site G1, da Globo, entre alguns outros músicos brasileiros que tiveram sucesso cantando em inglês. Os artistas rebateram as críticas feitas pelo ex-produtor do Nirvana Jack Endino na última quarta-feira (23) a bandas do país que optam pela língua inglesa. Confira a matéria no site G1 da Globo com respostas “editadas”.
235 acessosBlind Guardian e Rhapsody: Como seria Hansi e Lione cantando juntos?5000 acessosLed Zeppelin: a inspiração por trás de "Kashmir"

Abaixo segue a resposta de Edu Falaschi na íntegra:

O comentário de Endino é generalizado e de certa forma preconceituoso. Temos, sim, no Brasil, bandas que cantam em inglês com sotaque forte, isso é verdade, mas temos outras que não, isso é normal em países que não tem como sua língua nativa o inglês, mas ele deveria saber que outras bandas que se tornaram gigantes mundialmente e que não eram americanas, também tinham um inglês “ruim” aos ouvidos dos Estados Unidenses, por exemplo, o Scorpions, alemão, no início era motivo de piada por causa do sotaque germânico de Klaus Meine, o A-ha, norueguês, cantou em inglês errado “take on me, take me on”, gramaticalmente isso não existe em inglês, nem os Beatles escaparam de piadinhas quando foram a primeira vez aos Estados Unidos, aliás os americanos zoam os Ingleses até hoje por causa do sotaque! Enfim, pra encerrar os exemplos, o próprio Kurt Cobain, americano, cantava um inglês tão “arrastado” que nem os próprios entendiam suas palavras!

Em resumo, não existe regra, nem fórmula para o sucesso, pode ser em inglês certo, com sotaque nova-iorquino, ou em inglês errado ou até mesmo em inglês correto com sotaque africano, na música não existe lei, nem fronteiras, mas sim o talento e a estrela de cada artista!

Ele não deveria julgar e muito menos falar o que Brasileiros e qualquer outro povo deve fazer! Cada um faz o que quer e ninguém é obrigado a gostar de nada! O inglês é uma língua universal e devo lembra-lo que não foi o país dele que criou essa língua! Cantar em inglês não me faz menos brasileiro que o Carlinhos Brown e ser brasileiro não me tira o direito de cantar na língua que eu preferir!

Devo alertá-lo de duas coisas, Mr. Endino, primeiro, o inglês me ajudou a vender milhares de cópias de discos pelo planeta com o Angra, nos tornando referência do estilo, no Japão, França, Alemanha, etc. E segundo, a qualidade do Heavy Metal Brasileiro não é exclusividade do Sepultura que, sim, é maravilhoso e tem todos os méritos do mundo, mas o Krisiun é uma das maiores bandas de Death Metal da história e são brasileiros, muitas outras bandas daqui já estão há anos no roteiro internacional.

Mas, de fato, volto a bater nessa tecla, se tivéssemos muito mais bandas brasileiras sendo valorizadas dentro do próprio país, certamente teríamos mais chances de ser reconhecidas fora do Brasil, e então, não teríamos mais que nos deparar com opiniões rasas e preconceituosos, como a do Sr. Endino.
Infelizmente o que ocorre hoje aqui é o contrário, tem que fazer sucesso fora primeiro, para então o Brasil aplaudir e dizer “Se eles de fora falaram que é bom, então tá certo!”

Enquanto isso, fico na torcida para chegar a hora da NWOBHM (New Wave of Brazilian Heavy Metal).

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

5000 acessosJack Endino: A crítica do produtor a brasileiros que cantam em inglês1043 acessosJack Endino: Blog do Brunocos entrevista o produtor5000 acessosJack Endino: produtor pede desculpas a brasileiros após críticas5000 acessosJack Endino: comentários de estrelas sobre a polêmica5000 acessosAndre Matos: Endino mostra ignorância em relação à cena rock1115 acessosAliterasom: Jack Endino, "O Inferno São Os Outros"1597 acessosJack Endino: assumindo mais uma produção brasileira após polêmica608 acessosImmortal Guardian: "Sou brasileiro e canto nos EUA! Fuck you, Jack Endino!"

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 04 de fevereiro de 2013

AngraAngra
Banda reage à tragédia com Adrenaline Mob

235 acessosBlind Guardian e Rhapsody: Como seria Hansi e Lione cantando juntos?1227 acessosAngra: Uma rara versão acústica de "Carry On" com Andre Matos901 acessosAngra: Fabio Lione tem poderes! (making of do novo álbum)0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

MegadethMegadeth
Adler diz que Mustaine é o cara que criou isto tudo

MegadethMegadeth
Mustaine fala do desafio de ter Kiko Loureiro na banda

AngraAngra
Poster antigo de um dos primeiros shows da banda

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Edu Falaschi"0 acessosTodas as matérias sobre "Almah"0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"

Led ZeppelinLed Zeppelin
A inspiração por trás de "Kashmir"

SinceridadeSinceridade
E se as capas de discos dissessem a verdade?

Tarja TurunenTarja Turunen
A agressão de um fã durante show no México em 2000

5000 acessosJames Hetfield: O equilíbrio entre Metallica e vida familiar5000 acessosLed Zeppelin: "Stairway To Heaven" vale mais de US$500 milhões?5000 acessosNamore um cara que goste de Metal5000 acessosBruce Dickinson: Use Your Illusions? Aquele formato é uma bosta!5000 acessosGuns N' Roses: exigências para os shows no Brasil4327 acessosKiss: banda toca clássico do Led Zeppelin em versão acústica

Sobre Alessandra Martins

Alessandra Martins é metaleira assumida. Respira música desde que nasceu. É Assessora de Comunicação e Relações Públicas, Tradutora (inglês, espanhol e italiano) e Fotógrafa da empresa RockPressBrasil. Já trabalhou com bandas como Fear Factory, Shaman, Korzus entre muitas outras.

Mais matérias de Alessandra Martins no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online