Metallica: como estão sendo os reviews do novo disco mundo afora

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ricardo Seelig, Fonte: Collectors Room
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Hoje, 18 de novembro, é a data de lançamento de "Hardwired ... To Self-Destruct", décimo disco do Metallica. O álbum já está disponível nas lojas e nos serviços de streaming de todo o mundo.

Metallica: os cinco solos que mudaram a vida de Kirk HammettBeatles: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compilamos abaixo trechos de reviews publicados por veículos nacionais e internacionais sobre "Hardwired ... To Self-Destruct". No geral, percebe-se uma recepção muito positiva para o disco, que vem sendo saudado como o melhor trabalho do quarteto norte-americano desde o "Black Album" (1991).

Longe de ser perfeito e ter pelo menos uma meia hora a mais do que deveria, "Hardwired ... To Self-Destruct" é facilmente o álbum mais forte do Metallica nos últimos 25 anos. (Metal Hammer)

"Hardwired ... To Self-Destruct" mostra o Metallica dando sequência ao que fez em "Death Magnetic", enquanto incorpora elementos de discos como "Kill 'Em All", "Master of Puppets" e "Load". O resultado é um álbum familiar e que proporciona uma audição confortável, mas também impulsiona a banda para a frente. (Loudwire)

Faixas épicas que soam como fúrias melodicamente construídas, mostram a banda despejando riffs em série e inúmeras mudanças de tempo. Se você for ouvir o disco no seu iPhone, tome cuidado: pode ser perigoso. (Rolling Stone)

Com os melhores riffs da banda em décadas, o disco é muito bom. Com uma edição mais eficiente e que cortasse os excessos, teria potencial para ser um clássico. Mesmo assim, é um retorno triunfante do Metallica à boa forma. (The Guardian)

Um ataque intransigente de raiva feroz, machista e paranóica, que talvez seja o disco que a América mereça ouvir agora. (The Telegraph)

"Hardwired ... To Self-Destruct" é uma promessa desajeitada, e muitas vezes encantadora, que a banda faz a si mesma, de continuar a ser o Metallica. (Consequence of Sound)

Com quase quatro décadas de história, eles conseguiram transcender o tempo e manter os fãs curiosos pelo que estava por vir. E mesmo "Hardwired ... To Self-Destruct" não sendo muito diferente que "Death Magnetic", o Metallica segue sendo - ainda que seus integrantes já estejam na casa dos 50 anos - vital e inovador. E ninguém no rock recebeu mais aplausos do que eles. (NME)

O Metallica parou de tentar agradar a todo mundo e lançou um disco que incorpora toda a sua trajetória. (Sputnik Music)

Há uma abundância de sangue nos olhos carregada de diversão, e a maioria vai se contentar com isso. Para uma banda que está chegando à sua quarta década de vida, o Metallica ainda soa notavelmente em forma. (Rock Sound Magazine)

O disco vai superar as expectativas da maioria das pessoas, e mostra que o Metallica ainda soa melhor quando mete o pé no fundo do acelerador, tocando rápido e pesado. (Exclaim)

Só por trazer "Halo on Fire", percebe-se que o Metallica entregou o excelente disco que todos estavam esperando. (Q Magazine)

O Metallica soa mais selvagem, inspirado e, crucialmente, mais divertido em "Hardwired ... To Self-Destruct" do que nos últimos 25 anos. (Mojo)

O melhor de "Hardwired... To Self-Destruct" é que não é apenas "mais do mesmo", como algumas bandas tem feito. O Metallica não teve medo de sair de sua zona de conforto e entrega um verdadeiro petardo pra estourar nossos tímpanos. (Roadie Metal)

"Hardwired ... To Self-Destruct" não é um dos melhores discos do Metallica, mas provavelmente será um dos melhores discos do ano. É muito impressionante que, trinta anos depois, Ulrich, Hetfield e Hammett ainda consigam produzir música dessa qualidade e relevância. (WikiMetal)

O Metallica mostra força, mas peca pelo excesso em novo disco. (G1)

Em termos de composição, o álbum não é perfeito. As faixas se acomodam em ideias que soam bem metaleiras, mas que talvez pudessem ser resumidas. Contudo, "Hardwired... To Self-Destruct" tem o vigor e o pulso firme em grande escala que faltava à banda - ou que alguns fãs que não foram muito com a cara dos discos dos últimos 20 anos acharam que faltava. Não é o melhor disco de metal do ano, mas um dos mais aguardados e dos que satisfazem, daquele tipo em que os pontos positivos estão tão bem sedimentados que dá para relevar os negativos. E assim Hetfield, Ulrich, Hammet e Trujillo provam que possuem o que é preciso ter para ser uma grande, longeva e ainda boa banda de metal - e de quebra garantiram estádios lotados por mais 10 anos. (Escuta Essa)

No fim das contas, "Hardwired...To Self-Destruct" é um bom disco e nada mais. Tem seus ótimos momentos e tem faixas que, dependendo do humor do ouvinte, merecem ser puladas. (Whiplash.Net)

"Hardwired ... To Self-Destruct" é o auto-resgate do Metallica. É a banda percebendo a força de sua história, o tamanho de sua importância e bebendo em sua própria fonte de ideias, clichês e fórmulas. E isso é feito de uma forma tão autêntica, sem buscar pretensas (e muitas vezes pretensiosas) inovações, que faz o resultado ser algo verdadeiro, como a banda não soava há anos. (Collector Room)

Comente: E você, o que achou do álbum?




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Metallica"


Metallica: os cinco solos que mudaram a vida de Kirk HammettMetallica
Os cinco solos que mudaram a vida de Kirk Hammett

Metallica: filmagem profissional de "The Four Horsemen" em show na ÁustriaMetallica: Creeping Death ao vivo na Áustria

Metallica: quando Kirk Hammett ouviu o Wah Wah pela primeira vezMetallica
Quando Kirk Hammett ouviu o Wah Wah pela primeira vez

Michael Jackson: filha faltou à formatura para ir assistir o MetallicaMichael Jackson
Filha faltou à formatura para ir assistir o Metallica

Metallica: vídeo oficial de "One" ao vivo na RomêniaEm 18/11/1997: Metallica lançava o álbum Reload

Em 18/11/1962: nascia Kirk HammettEm 18/11/1962
Nascia Kirk Hammett

Metallica: em vídeo, como a banda sabotou a carreira do Jason NewstedMetallica
Em vídeo, como a banda sabotou a carreira do Jason Newsted

Metallica: filmagem profissional de "Harvester Of Sorrow" ao vivo em Moscou

Pré-Clube dos 27: 10 astros do rock que morreram antes dos 27 anosPré-Clube dos 27
10 astros do rock que morreram antes dos 27 anos

Metallica x Megadeth: a análise musical de Nando MouraMetallica x Megadeth
A análise musical de Nando Moura


Beatles: Perguntas e respostas e curiosidades diversasBeatles
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

No alto do castelo: As diferenças entre os diferentes estilos de rockNo alto do castelo
As diferenças entre os diferentes estilos de rock


Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig no Whiplash.Net.

adGoo336