Raul Seixas: livro sobre o Novo Aeon e a influência de Aleister Crowley

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Hilde Knopfler, Fonte: Editora Mondrongo
Enviar correções  |  Ver Acessos

Neste ano em que completam-se 30 anos da morte de RAUL SEIXAS, no mês do aniversário de 74 anos do nascimento do cantor e compositor, a Editora Mondrongo anuncia o lançamento da segunda edição da obra que discute o legado da Sociedade Alternativa. "Novo Aeon: Raul Seixas no torvelinho de seu tempo", de Vitor Cei, doutor em Estudos Literários, tradutor de Aleister Crowley e professor de literatura na Universidade Federal do Espírito Santo, avalia de que forma o compositor baiano se apropria da doutrina do mago inglês Aleister Crowley para representar, de modo poético e utópico, o anseio pela superação do autoritarismo da ditadura militar.

Canal Musicália: Raul Seixas e a loucura (vídeo)Solos de guitarra: lista dos 50 melhores segundo a NME

Resultado da pesquisa de mestrado do autor, a obra aborda a concepção de Novo Aeon apresentada por RAUL SEIXAS em suas músicas. A doutrina do Novo Aeon, elaborada por Crowley no início do século XX, impulsionou trajetórias existenciais de grande força contestatória, influenciando a contracultura das décadas de 1960 e 1970. RAUL SEIXAS, que acompanhou o movimento e propôs uma Sociedade Alternativa, lançou sua obra à condição de espírito do seu tempo.

Por meio de conceitos teóricos da Filosofia e dos Estudos Literários, o livro ajuda a compreender a música de RAUL SEIXAS à luz da multiplicidade de problemas que formam a experiência cultural brasileira. Vitor Cei, através de sua interpretação e o entrelaçamento de discussões com teóricos fundamentais para a compreensão do tema, apresenta uma análise das questões que animaram as décadas de 1970 e 80: autoritarismo, censura, desbunde, contracultura, ocultismo, indústria cultural, melancolia e niilismo.

Seria possível para o brasileiro hoje imaginar uma Sociedade Alternativa? O torvelinho do tempo de RAUL SEIXAS se assemelha ao nosso. As manifestações pela redemocratização e as jornadas de junho se revelaram igualmente frustrantes. Se é verdade que de lá para cá foram eliminados certos aspectos arcaicos da sociedade brasileira, também é verdade que foram poucos, e nenhum governo ou movimento popular foi o vetor de qualquer transformação que pudesse confirmar as esperanças que alimentavam seus apoiadores. Quando se associa essa frustração à mentalidade autoritária que recorrentemente domina o brasileiro, podemos perceber que o presente não se modificará sem que algo se modifique na própria estrutura das relações sociais. Diante do sucesso do que há de pior no país, RAUL SEIXAS nos oferece um caminho a trilhar capaz de reverter o fracasso do projeto de nação.

Wilberth Salgueiro, professor titular da Universidade Federal do Espírito Santo e autor de posfácio do livro, afirma que "este estudo de Vitor vem em boa hora: muito além da celebração, é um convite à cerebração. Em síntese, este livro aciona em nós os prazeres de pensar música e história - ao som, alto e bom som, de RAUL SEIXAS".

Título: Novo Aeon: Raul Seixas no torvelinho de seu tempo
Autor: Vitor Cei
Editora: Mondrongo
Páginas: 186
Preço: R$ 39,90




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Raul Seixas"


Canal Musicália: Raul Seixas e a loucura (vídeo)

Em 21/08/1989: o Brasil perdia Raul Seixas, um de seus grandes íconesEm 21/08/1989
O Brasil perdia Raul Seixas, um de seus grandes ícones

Raul Seixas: Paulo Coelho revela que ficou feliz quando o cantor morreuRaul Seixas
Paulo Coelho revela que ficou feliz quando o cantor morreu

Raul Seixas: idolatrado, cantor não tem números tão bons no streamingRaul Seixas
Idolatrado, cantor não tem números tão bons no streaming

Raul Seixas: qual a origem da música Gita?Raul Seixas
Qual a origem da música "Gita"?

Raul Seixas: Paulo Coelho revela que ficou feliz quando o cantor morreuRaul Seixas
Paulo Coelho revela que ficou feliz quando o cantor morreu

Raul Seixas: o que significa Krig-Ha Bandolo?Raul Seixas
O que significa "Krig-Ha Bandolo"?


Solos de guitarra: lista dos 50 melhores segundo a NMESolos de guitarra
Lista dos 50 melhores segundo a NME

Cults: 10 álbuns influentes que fracassaram nas vendasCults
10 álbuns influentes que fracassaram nas vendas

James Hetfield: O equilíbrio entre Metallica e vida familiarJames Hetfield
O equilíbrio entre Metallica e vida familiar

Black Sabbath: Tony Iommi explica como tocar ParanoidBlack Sabbath
Tony Iommi explica como tocar "Paranoid"

Black Sabbath: o dia em que Tony Iommi quase matou Bill WardBlack Sabbath
O dia em que Tony Iommi quase matou Bill Ward

Black Sabbath: Os melhores e os piores discos da bandaBlack Sabbath
Os melhores e os piores discos da banda

Tracii Guns: Axl é um cara simples num mundo complicadoTracii Guns
"Axl é um cara simples num mundo complicado"


Sobre Hilde Knopfler

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGoo336|adClio336