Matérias Mais Lidas

imagemBeatles: A música que Paul McCartney compôs para calar a boca de Pete Townshend

imagemAs 10 músicas mais estranhas do Guns N' Roses, em lista do Ultimate Classic Rock

imagemGene Simmons sobre o Ramones: "Punk nos EUA não significava nada"

imagemBlaze Bayley diz que um dos menores shows da carreira do Maiden foi o seu melhor

imagemMaranhão Open Air anuncia line-up com 24 bandas em dois dias

imagemA opinião de Dave Mustaine sobre a clássica "The Unforgiven", do Metallica

imagemAudioslave: Tom Morello recorda seu sinistro primeiro encontro com Chris Cornell

imagemDez clássicos do thrash metal que não foram gravados pelo "Big Four" - Parte I

imagemCinco músicas lançadas após o ano 2000 que se tornaram clássicos do rock - Parte II

imagemKiss: Fã de comédia romântica, Paul Stanley lista seus filmes preferidos

imagem"Não venham aos shows do Pantera", pede Charlie Benante para os haters

imagemCinco músicos que começaram vida nova após saírem de grandes bandas de heavy metal

imagemVocalista do Anvil afirma que Rob Halford e Ian Gillan são personagens

imagemPrika Amaral esclarece por que contratou apenas mulheres europeias para a Nervosa

imagemIggor Cavalera relembra quando Max foi para delegacia e delegado palmeirense o salvou


Dream Theater 2022

Angra: Felipe fala sobre fãs da banda e xororô; "o fã é meio mimado nesse sentido"

Por Emanuel Seagal
Em 22/07/21

Felipe Andreoli, baixista do Angra, participou do Colisão Podcast, em um bate papo de cerca de 3 horas. Conforme transcrito abaixo pelo Whiplash.Net o músico falou sobre os fãs da banda que muitas vezes não dão chance para que os artistas explorem novos caminhos.

"Quando entrei no Angra a Internet estava mais embrionária mas já tinha os fóruns, mIRC. Eu sinto que hoje o fã tem um lance mais, em Inglês eles chamam de 'entitled', que é o cara achar que tem direitos sobre alguma coisa que não necessariamente ele tem. Se você não faz o disco que aquele cara quer, a banda é uma bosta e morreu, entendeu? Não existe mais aquela coisa de você esperar o disco de uma banda e ver o que eles vão te apresentar e você decidir se você gosta ou não, ter uma mente aberta. 'Se esse cara lançou esse disco, que é o mesmo cara que lançou aquele outro disco, deixa eu ver o que ele está propondo' e tentar entender, porque um som como o do Angra não é um som que você ouve uma vez e sai cantando, você precisa de tempo para absorver, você precisa de uma certa boa vontade para absorver", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ayka, um dos apresentadores, citou o caso da banda sueca Meshuggah, que é conhecida por ser uma banda difícil de assimilar. "Você precisa de uma certa boa vontade para entender o Meshuggah, é um som complicado", respondeu Felipe.

"Então se o cara já parte do princípio que ele não ouviu 'Carry On', não ouviu 'Nova Era', não ouviu 'Spread Your Fire' naquele disco novo então não presta, só que onde está aquela história do artista propor novos caminhos, do artista se reinventar, do artista crescer e mudar, e outra, os fãs falam isso como se eles concordassem entre si qual que é o Angra ideal, mas eles discordam. Tem um cara que acha que o Angra ideal é só speed metal, tem o cara que acha que o Angra ideal é só prog, tem o cara que acha que o Angra ideal é só o que fez o 'Holy Land', e se você agrada um, você desagrada o outro. Todo disco do Angra, pra citar o Angra que é uma banda que sofre muito com esse tipo de xororô. Todo disco do Angra é muito diverso e atende todos esses estilos, mas se você não pesa a mão para o lado que o cara quer, a banda morre. 'Ah, o Angra agora é isso', e você é tachado disso e acabou. Então o fã é meio mimado nesse sentido", complementou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Após uma conversa com os apresentadores a respeito dos fãs do Sepultura que se dividem entre quais fases a banda "acabou", Felipe Andreoli também defendeu o direito de um fã deixar de acompanhar uma banda após certas mudanças, citando o próprio Angra como exemplo.

"Eu digo isso entendendo completamente que:

1º - O cara não é obrigado a gostar.

2º - Eu posso realmente fazer uma música que frustre as expectativas das pessoas, porque é aquilo que eu quero fazer, é uma decisão minha, e quando você coloca um disco na praça, você está sujeito a críticas desse tipo. Tem gente que vai gostar, tem gente que não vai gostar.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

3º - Eu não acho que o cara tenha obrigação de seguir uma banda depois que o artista do coração dele morreu, exemplo: Andre Matos, ou saiu da banda, como o Edu Falaschi. Ele não tem obrigação de gostar do cara que entrou no lugar, nenhuma. Eu tenho bandas em que depois que o fulano saiu ou a formação mudou eu não ouço mais.

O que eu não entendo é energia gasta por essas pessoas que continuam falando sobre a banda e enchendo o saco 20 anos depois. Esse hate aí eu não entendo. O sentimento 'não, o Angra pra mim era com o Andre', tudo certo, agora o hate 20 anos depois esse é difícil de entender. Parece que a pessoa se sente ofendida que a banda continuou, quando ele achou que não deveria continuar."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A entrevista completa pode ser assistida abaixo.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Resenha - Edu Falaschi (Bar Opinião, Porto Alegre, 07/08/2022)

Cinco álbuns marcantes de heavy metal que estão quase fazendo 30 anos - Parte I

Lutador Wanderlei Silva curte noite curitibana com Angra e Sons of Apollo

A opinião de Marcelo Barbosa sobre cancelamento de Metallica e Pantera por racismo

Bittencourt começou a fazer tai chi chuan no camarim após beque de Mariutti bater forte

Luis Mariutti preferiu nadar a participar de gravação do clipe de "Time"

Luis Mariutti comenta os principais motivos que causaram sua saída do Angra

Felipe Andreoli, do Angra, agradece fãs por apoio após doença do filho

Mariutti relembra dia que caras do Angra foram tocar em bar raiz e arrumaram pra cabeça

Marcelo Barbosa compartilha meme que diz que Luan Santana é fã de Angra

Rafael Bittencourt desabafa sobre filho trans e necessidade de representatividade

Quando o Angra entregou um álbum perfeito para os fãs

Marcelo Barbosa dá aula de sensatez ao ser questionado sobre melhor guitarrista

O Angra era tão grande quanto o Helloween nos anos noventa, diz produtor

Rafael Bittencourt relembra quando limpou a bunda com soda cáustica sem querer

Luis Mariutti trabalhou carregando peso em casas de show para superar depressão

Rafael Bittencourt: Com o Aquiles eu não mantenho mais contato e nem tenho vontade

Kiko Loureiro: Afastamento do Angra começou antes do Megadeth

Iron Maiden: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

King Diamond: O que significa ser Satanista?


Sobre Emanuel Seagal

Descobriu o metal com Iron Maiden e Black Sabbath até chegar ao metal extremo e se apaixonar pelo doom metal. Considera Empyrium e X Japan as melhores bandas do mundo, Foi um dos coordenadores do finado SkyHell Webzine, escreveu para outros veículos no Brasil e exterior, e sempre esteve envolvido com metal, seja com eventos, bandas, gravadoras ou imprensa. Escreve para o Whiplash! desde 2005 mas ainda não entendeu a birra dos leitores com as notícias do Metallica. @emanuel_seagal no Instagram.

Mais informações sobre

Mais matérias de Emanuel Seagal.