RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas


O pior álbum lançado pelo Black Sabbath, e que acabou com o casamento de Tony Iommi

Por Bruce William
Postado em 10 de julho de 2024

A chamada "era Ozzy" do Black Sabbath marcou uma fase crucial na história do rock e heavy metal. Ela tem este nome por trazer Ozzy Osbourne como vocalista, e aconteceu entre o final dos anos sessenta e setenta, época em que a banda lançou álbuns icônicos que definiram o gênero como "Black Sabbath" (1970), "Paranoid" (1970), "Master of Reality" (1971), e "Sabbath Bloody Sabbath" (1973). Esses discos foram fundamentais para estabelecer o som pesado e sombrio característico do heavy metal, calcado nos riffs poderosos de Tony Iommi, nas letras apocalípticas que emolduravam a voz inconfundível de Ozzy, apoiados pelo trabalho sólido de Geezer Butler no baixo e as batidas contundentes de Bill Ward na bateria. Juntos, estes quatro elementos não apenas ajudaram a criar um novo gênero musical, mas também serviram de influência sobre gerações de músicos e fãs de rock ao redor do mundo.

Black Sabbath - Mais Novidades

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Mas as coisas começaram a ficar complicadas no final daquela década. Conflitos pessoais, o uso abusivo de drogas e álcool, e a pressão constante do sucesso levaram a tensões crescentes entre os membros. Essas dificuldades culminaram com a saída de Ozzy Osbourne em 1979, após a gravação do álbum "Never Say Die!" (1978), devido ao seu comportamento errático e ao seu abuso de substâncias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Curiosamente, "Never Say Die" deveria ser a volta ao topo da banda, que estaria naquele ano comemorando os seus primeiros dez anos de estrada com uma turnê monumental que varreria EUA e Europa. As gravações, entretanto, foram muito complicadas: "Não havia tempo para parar e refletir sobre nada que estava sendo feito! 'Never Say Die' foi um disco difícil, muito difícil... feito às pressas. Tínhamos que compor e tocar todas as partes no estúdio porque o trabalho todo estava sendo refeito, e no final da tarde era preciso abandonar tudo e só recomeçar no dia seguinte, porque o estúdio já tinha sido alugado para outra banda. Foi um caos!", disse Iommi.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Geezer Butler não apenas concorda como relembrou em entrevista de 2023 ao Metal Edge quando as coisas começaram a ir por água abaixo para a banda: "Tinha muitos problemas além das drogas e a bebedeira. Uma vez, quando finalmente tivemos tempo de folga das turnês, nos perguntamos onde estava todo o dinheiro. E quando questionamos nossos empresários por que nossa grana estava diminuindo, mesmo vendendo discos, nunca recebíamos uma resposta direta. Tinha muito dinheiro que a gente simplesmente não via a cor, aí o pagamento de impostos virou um problema decorrente dessas questões financeiras. Então, foi aí que as coisas começaram a dar errado para o Sabbath".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Para o baixista, a situação ficou tão caótica que se refletiu sobre o resultado final do disco, que para ele é o pior lançado pelo quarteto: "E digo que o 'Never Say Die' é certamente o pior álbum que fizemos. O motivo para isso é que tentamos tomar conta de tudo, inclusive produzindo o disco, mas na verdade a gente não tinha ideia do que estava fazendo. E a essa altura a gente perdia mais tempo com advogados e tribunais do que trabalhando no estúdio. Havia muita pressão sobre a gente, e as composições sofreram com isso".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - WHIP
Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Tony Iommi, em declaração de 1992 para a Guitar World, revelou que aquilo tudo chegou a mexer com questões pessoais dos integrantes: "Pouco antes de gravarmos o 'Never Say Die!', Ozzy saiu da banda. A gente não queria que ele saísse, e acho que ele queria voltar, mas ninguém queria dizer ao outro como se sentia. Então tivemos que trazer outro cantor e escrever todo o material novo. Depois, dois dias antes de finalmente começarmos a gravar, Ozzy decidiu voltar. Só que ele não queria cantar nenhuma das coisas que tínhamos feito sem ele! Bill teve que cantar em uma faixa porque Ozzy se recusou. Acabamos tendo que escrever durante o dia para poder gravar à noite, e nunca tivemos tempo para revisar as faixas e fazer mudanças. Como resultado disso, o álbum soa muito confuso. A mixagem do álbum até fez meu casamento acabar. Assim como aconteceu com o 'Technical Ecstasy', todo mundo foi tirar férias quando chegou a hora de mixar. Minha esposa ficava perguntando: 'Por que você é o único trabalhando enquanto todos estão em Barbados [risos]?'"

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | Alex Juarez Muller | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Geraldo Fonseca | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Bruce William

Quando Socram chegou no Whiplash.net era tudo mato, JPA lhe entregou uma foice e disse "go ahead!". Usou vários nomes, chegou a hora do "verdadeiro". Nunca teve pretensão de se dizer jornalista, no máximo historiador do rock, já que é formado na área. Continua apaixonado por uma Fuchsbau, que fica mais linda a cada dia que passa ♥. Na foto com a Melody, que já virou estrelinha...
Mais matérias de Bruce William.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS