RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA música de Raul Seixas que salvou a carreira de Chitãozinho e Xororó

imagemDeep Purple: David Coverdale revela quem quis como substituto de Ritchie Blackmore

imagemAndi Deris tem problemas de saúde e shows do Helloween são adiados

imagemO brasileiro com a voz parecida com a de Axl Rose que viralizou no TikTok

imagemProdutor da turnê de Paul Di'Anno explica problemas no primeiro show

imagemVocalista do Fleshgod Apocalypse é pedida em casamento durante show da banda

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical

imagemTony Iommi conta quais são os riffs preferidos que ele escreveu

imagemO motivo nada musical que fez Bruce Dickinson querer se juntar aos hippies

imagemZelador viraliza após incrível semelhança com voz de Steve Perry em "Don't Stop Believin'"

imagemEm disputa acirrada, fãs batem recorde e elegem melhores discos de metal de 2022

imagemEloy Casagrande repete o feito sendo eleito melhor baterista de metal do mundo

imagemO hit dos Beatles que talvez seja sobre drogas e que "Jesus" acompanhou gravação

imagemShane Hawkins, filho de Taylor Hawkins, ganha prêmio de melhor performance do ano

imagemOs 20 melhores álbuns lançados em 1993, segundo a Revolver Magazine


Stamp

Arkan: Folk e Melodic Death Metal em sinergia

Resenha - Salam - Arkan

Por Marcondes Pereira
Postado em 04 de novembro de 2018

Nota: 9

Da década de 2000 em diante, o Folk Metal virou um dos estilos mais frutíferos e variados do Metal. O álbum "Salam" (2011) da banda francesa Arkan, é mais um exemplo positivo da mistura de música tradicional/folclórica com elementos Heavy.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

No álbum inteiro, é possível perceber que a banda une arranjos musicais típicos dos países da África Setentrional com momentos bem Melodic Death Metal, além de passagens mais atmosféricas. O resultado é uma sonoridade bonita, agressiva e intensa, todavia também dotada de sensibilidade.

"Origins", à faixa de abertura já ilustra o poder de fogo do grupo, que demonstra uma interessante fusão de vocais guturais masculinos, vocais femininos limpos, peso e melodias caprichadas.

Ainda quanto aos vocais, apesar de eles não serem nenhum sopro de criatividade no cenário metálico, não há como negar que eles são bastante eficientes. As linhas mais urradas e os vocais femininos limpos atribuem às faixas a intensidade, a emoção e o poder necessários. Especialmente, porque os últimos não são tão operísticos como ouve-se geralmente em outras bandas com proposta musical similar.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

A sensibilidade apontada no Início da resenha é facilmente audível na relaxante "Call From Within", que conta com bonitas melodias de guitarra, vocais e de percussão.

"Salam" é indicado para quem deseja escutar um álbum de Folk Metal que não deixa de lado os momentos mais enérgicos e algumas nuances bem tranquilas.

Arkan— Salam
Season Of Mist/ 2011.

Faixas:

1) Origins
2) Inner Slaves
3) Deus Vult
4) Blind Devotion
5) Jerusalem - Sufferpolis
6) Beyond Sacred Rules
7) Common Ground (Instrumental)
8) Sweet Opium
9) Salam instrumental
10) Call from Within
11) Lightened Heart (Instrumental)
12) The Eight Doors of Jannah
13) Amaloun Jadid II (Instrumental)

publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps



Slayer: a trágica e não revelada história do fim de Jeff Hanneman


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Marcondes Pereira

Marcondes Pereira, paulista, poeta, escritor e tradutor em início de carreira. Gosta de escutar e estudar todos os sub-estilos de Heavy Metal, também faz algumas palestras para difundir o fascinante universo do Metal e tem fascínio pelos discos conceituais.
Mais matérias de Marcondes Pereira.