Gangrena Gasosa: A irreverência do Saravá Metal em novo disco

Resenha - Gente Ruim Só Manda Lembrança Pra Quem Não Presta - Gangrena Gasosa

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Renan Soares
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8

Mal começou o ano, e já temos banda lançando material novo, no caso do Gangrena Gasosa, exatamente no dia 1º de janeiro o grupo lançou o seu quarto álbum de estúdio, o intitulado "Gente Ruim Só Manda Lembrança Pra Quem Não Presta" (que nome, hein? ha ha).

Angra: Kiko Loureiro relembrando o tempo de DominóCinco contra um?: Roqueiros comentam como a revista Playboy os marcou

O novo trabalho veio para suceder o "Se Deus é 10, Satanás é 666", lançado em 2011, trazendo nele a sonoridade do "Saravá Metal" que os consagraram nesses mais de 30 anos de carreira.

Dessa vez, com a exceção do single "Zé do Terno", as letras não se focaram tanto na temática da "macumba" (lembrando aqui que macumba, candomblé e umbanda não são a mesma coisa), tendo eles abordado temas diversos. Mas claro, mantendo a sonoridade e a irreverência típica deles.

Uma coisa que acho interessante nas músicas do Gangrena, por mais "escrachadas" que elas pareçam, algumas mostram uma crítica por trás, nesse disco vamos isso em músicas como "Se Liga Doidão (Zé Droguinha)", "Carnossauro Diet" e "Fiscal de Cu", a primeira falando da situação dos dependentes químicos, a segunda defendendo o consumo de carne (alfinetando o veganismo) e a outra claramente alfinetando aqueles que se preocupam demais com o que as outras pessoas estão fazendo com os seus respectivos orifícios.

As faixas que mais destaco são as "Trabalho Pra 20 Comer", "Farda Preta de Caveira" (música que fala sobre metal), "Jogo do Bicho", "Fiscal de Cu" e "Carnossauro Diet". Já as músicas que menos me agradaram foram a "Gente Ruim", o single "Terno do Zé" e "Darksides". As duas primeiras o ritmo não soaram muito bem ao meu ver, e a última me soou confusa por conta da velocidade dada a mesma.

No entanto, o Gangrena Gasosa mostrou aquilo que a gente espera deles, com todo o peso, peculiaridades e "bizarrices" já conhecida pelos fãs, e que os consagrou no meio underground em todo o Brasil.

TRACKLIST:
1 - Ponto de Abertura
2 - Gente Ruim
3 - Terno do Zé
4 - Encosto
5 - Carnossauro Diet
6 - Trabalho Pra 20 Comer
7 - Farda Preta de Caveira
8 - Se Liga Doidão (Zé Droguinha)
9 - O Saci
10 - Fiscal de Cu
11 - Jogo do Bicho
12 - Darkside



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Gangrena Gasosa"


Metal: 5 músicas inacreditavelmente insanas. Isso existe mesmo?Metal
5 músicas inacreditavelmente insanas. Isso existe mesmo?


Angra: Kiko Loureiro relembrando o tempo de DominóAngra
Kiko Loureiro relembrando o tempo de Dominó

Cinco contra um?: Roqueiros comentam como a revista Playboy os marcouCinco contra um?
Roqueiros comentam como a revista Playboy os marcou


Sobre Renan Soares

Nascido em Recife no dia 03 de novembro de 1994, Renan adentrou ao mundo do rock/metal a partir dos 13 anos de idade e até hoje permanece fielmente no mesmo. Desde que se formou em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco, tem se dedicado a conseguir dar a relevância merecida ao nome do estilo.

Mais matérias de Renan Soares no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin