Nader Sadek: Brutal, intrincado e apocalíptico

Resenha - Malefic: Chapter III - Nader Sadek

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


Os ‘deathbangers’ mais assíduos conhecem o Nader Sadek que é um projeto um tanto diferente. Afinal, quem dá o nome à banda é o letrista e responsável pela concepção e direção, o egípcio radicado nos EUA Nader Sadek. Ele foi responsável por cuidar dos efeitos visuais do Mayhem também.

Bon Jovi: Larissa Riquelme dançando com os seios de fora

Oh, não!: clássicos que foram "estragados" pelo tempo

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

No projeto já se passaram nomes como Steve Tucker (que recentemente voltou ao Morbid Angel), Bobby Koelble (ex-Death), Novy (ex-Vader), entre outros. Quem gravou este EP foi Travis Ryan (vocal), Rune Eriksen – também conhecido como Blasphemer (ex-Mayhem) - na guitarra, Martin Rygiel (baixo) e Flo Mounier (bateria, Cryptopsy).

O disco traz um Death Metal que beira o brutal, intrincado e apocalíptico. Riffs caóticos (com influências de Black Metal) servem de base para uma cozinha extremamente veloz, mas que sabe quebrar em velocidade. Tudo com vocais guturais muito bons e ‘raçudos’.

Nota-se leve inclusão de melodia, mas que não tira a agressividade em nenhum momento das músicas. Destaque para Deformation by Incision que abre o disco de forma magistral e Descent que fecha e, mesmo destoando um pouco das outras faixas, mostra que o Nader Sadek pode ser versátil.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

https://www.facebook.com/naderflesh
http://nadersadek.bandcamp.com/




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Bon Jovi: Larissa Riquelme dançando com os seios de foraBon Jovi
Larissa Riquelme dançando com os seios de fora

Oh, não!: clássicos que foram estragados pelo tempoOh, não!
Clássicos que foram "estragados" pelo tempo


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280