OrckOut: segue linha rígida em termos de subgêneros

Resenha - [D]Generation - OrckOut

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  


Oriundo da cidade paulista de Bauru, o OrckOut (nome bizarro, certo?) vem desde 2004 batalhando para mostrar sua música e, neste sentido, deu um bom primeiro passo com "Involution", EP lançado em 2006. Desde então, enfrentaram as manjadas mudanças de formação para agora liberar seu mais novo trabalho, o EP "[D]Generation".

"[D]Generation" continua mostrando a tendência em o OrckOut não seguir uma linha rígida em termos de subgêneros, mas conseguindo manter uma unidade ao longo das sete canções, distorcidas até o osso e com um vocalista que sabe se impor. E, ainda que neste esquema de combinar tantos elementos vez ou outra revele suas influências de maneira mais explícita, é inegável que o repertório é instigante e consistente.

publicidade

A qualidade do áudio é ótima – gravação e mixagem no G3 Studio e a masterização de Fernando Quesada (Shaman) – e há destaques como "Slavery Dance", "The Bloodiest Day" e "Miserable". Em suma: [D]Generation é um EP cujo Heavy Metal se revela bastante recomendável ao público que não se importa muito com rótulos. Se este é você, confira, pois o OrckOut já está preparado para encarar um primeiro álbum completo.

publicidade

Contato:
http://www.orckout.com
http://www.facebook.com/orckout

Formação:
Jucke - voz e voz
Cleber Monteiro - guitarra
Danilo Ariosi - guitarra
Gutaum - bateria

OrckOut – [D]Generation
(2012 / independente – nacional)

publicidade

01. Slavery Dance
02. The Bloodiest Day
03. Bluff
04. Voracity
05. Tecnostard
06. Miserable
07. Disorder


Outras resenhas de [D]Generation - OrckOut

Orckout: mistura de Thrash Metal, Heavy Metal e Stoner Rock

Orckout: Thrash Metal noventista com pegada Stoner Rock




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Osama Bin Laden: O que havia na sua coleção de cassetes?Osama Bin Laden
O que havia na sua coleção de cassetes?

Guns N' Roses: álcool, drogas e intrigas nos primórdios da bandaGuns N' Roses
álcool, drogas e intrigas nos primórdios da banda


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin