Sacrificed: Estreia carece de composições cativantes

Resenha - Path of Reflections - Sacrificed

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ricardo Seelig, Fonte: Collectors Room
Enviar Correções  

publicidade

6


A Shinigami Records, além de ser uma das principais gravadoras de heavy metal do Brasil, lançando excelentes trabalhos de bandas estrangeirss todos os meses (Iced Earth, Paradise Lost, Arch Enemy e inúmeros outros), agora resolveu também colocar no mercado títulos de bandas brasileiras produzidos e bancados pelo próprio selo. A estreia da banda mineira Sacrificed é um destes discos.

Iron Maiden: em 1985, show "secreto" com Adrian no vocal

Time Magazine: os 100 maiores álbuns de todos os tempos

Porém, "The Path of Reflections" – dono de uma belíssima capa, diga-se de passagem - carece de composições cativantes, fato que, aliado à produção apenas mediana, puxa o disco para baixo.

O som do Sacrificed, fincado no metal tradicional, tem como diferencial a vocalista Kell Hell, que foge totalmente de um dos clichês mais famigerados do metal contemporâneo: o vocal feminino operístico, tão presente nas bandas de metal gótico e sinfônico. O lance aqui é a agressividade com um sutil toque da sensibilidade feminina, e ela alcança esse objetivo com louvor.

Mas o problema da banda é que as faixas não prendem, não cativam o ouvinte. Todos são ótimos músicos, mas, infelizmente, falta desenvolver melhor a sua capacidade como compositores. Ainda que algumas boas ideias sejam encontradas em uma música ou outra, elas não são suficientes para fazer "The Path of Reflections" se destacar.

Parabéns pela Shinigami Records por esse novo momento em sua trajetória, e que venham novos lançamentos de bandas nacionais, afinal, qualidade é o que não falta no metal brasileiro. E, ao Sacrificed, que a banda desenvolva mais as suas ideias para o próximo disco, pois potencial para crescimento o grupo inegavelmente possui.

Faixas:
Winds of Liberty
Soulitude
Endless Sin
Walking Through Flames
Before a Dream
Call of Insanity
Red Garden
Prison Mind
Far Way to Feel
The Truth Beneath the Laments


Outras resenhas de Path of Reflections - Sacrificed

Sacrificed: Estreia honesta e bastante significativa

Sacrificed: Metal brasileiro está em crise?

Sacrificed: Heavy Metal que vai do Progressivo ao Thrash

Sacrificed: Influências do Metal tradicional ao Prog




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Galeria - Musas do rock/metal nacional (Blog Sutil Como Uma Granada)Galeria - Musas do rock/metal nacional (Blog Sutil Como Uma Granada)


Iron Maiden: em 1985, show secreto com Adrian no vocalIron Maiden
Em 1985, show "secreto" com Adrian no vocal

Time Magazine: os 100 maiores álbuns de todos os temposTime Magazine
Os 100 maiores álbuns de todos os tempos


Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin