Iron Maiden: As guitarras de Dennis Stratton e Janick Gers

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Marco Pala
Enviar correções  |  Comentários  | 

Na terceira parte das matérias sobre as guitarras do Maiden, é a vez de dois guitarristas que serão compilados no mesmo texto. O primeiro é Dennis Stratton, que permaneceu no grupo por cerca de um ano, entre o final de 1979 e o final de 1980, tendo gravado o primeiro álbum e excursionado pela Europa com a banda. Por ser um período curto, não há muita guitarra para ser mostrada, sendo que sua preferência na época era para instrumentos da Gibson (depois, ele passou a usar guitarras tipo super-strato, sendo hoje em dia patrocinado por uma empresa chamada Macpherson). Depois veremos as guitarras do controverso Janick Gers, um fanático por Stratocasters que ocupa o posto no Iron Maiden desde 1990.

4128 acessosIron Maiden: banda anuncia turnê pela Europa em 20185000 acessosGorgoroth: As orientações sexuais e políticas de Gaahl

DENNIS STRATTON

GIBSON LES PAUL DELUXE 1969

Esta guitarra foi usada por Dennis no período pré-Maiden, quando era uma espécie de “guitar hero” dos clubes londrinos, tocando com a banda Remus Down Boulevard (ou RDB). Não há imagens de Dennis usando esta guitarra com o Iron Maiden, apesar de ter sido, provavelmente, um instrumento usado no início de seu relacionamento com a banda, antes das gravações do primeiro álbum.

Gibson Les Paul Deluxe
Gibson Les Paul Deluxe

GIBSON LES PAUL CUSTOM

Esta foi provavelmente a guitarra principal de Dennis durante o curto período que esteve na Donzela, uma Gibson Les Paul Custom sunburst dos anos 70. As molduras originais dos captadores, seletor de pickups e escudo (pretos) foram substituídos por peças de cor creme, dando à guitarra um visual mais próximo de uma Les Paul Standard. Não há informações sobre o tipo de captador usado, se originais (T-Tops, no caso) ou DiMarzios, que eram uma opção comum na época.

Gibson Les Paul Custom
Gibson Les Paul Custom

GIBSON FIREBIRD V

A segunda guitarra usada por Dennis com o Maiden foi uma Gibson Firebird na cor natural, provavelmente dos anos 60, com os pickups Mini Humbucker originais. Pela quantidade de fotos na internet de Dennis empunhando esta guitarra, dá para perceber que esta era sua guitarra reserva.

Gibson Firebird
Gibson Firebird

JANICK GERS

FENDER STRATOCASTER 1964

Esta foi, por décadas, uma das principais guitarras de Janick, em estúdio e também em turnês. Se você assistiu a algum show do Maiden entre as turnês de No Prayer For The Dying e Ed Hunter Tour, você viu Janick tocando esta guitarra. Ela teve os pickups da ponte e braço trocados por modelos Seymour Duncan; inicialmente, dois Hot Rails, mas há anos o set usado é o JB Jr. na ponte e o Little 59 no braço. A partir de 1999, Janick a substituiu por uma réplica feita pelo Custom Shop da Fender. Curiosidade: esta guitarra foi dada de presente para Janick por Ian Gillan.

Stratocaster 1964
Stratocaster 1964

FENDER STRATOCASTER CREME (anos 70)

Esta é segunda principal guitarra de Janick, uma Strato dos anos 70, que vem sendo usada sem parar desde o início de sua carreira. Os pickups seguiram “quase” o mesmo esquema de sua Strato preta: Seymour Duncan Hot Rails (ponte e braço), depois substituídos por JB Jr e Little 59 (mas com um Hot Rails no lugar do pickup do centro). Em 1999, o braço da guitarra (com escala de maple e headstock largo) foi trocado por um modelo reedição de 1964 (escala de rosewood e headstock clássico), estando assim até hoje. Janick também possui uma réplica feita pelo Custom Shop da Fender, que falaremos mais tarde. Curiosidade: esta foi a primeira Stratocaster que Janick possuiu.

Stratocaster creme anos 70
Stratocaster creme anos 70

FENDER STRATOCASTER NATURAL (anos 70)

Esta é uma guitarra que acompanhou Janick desde o início de sua carreira, tendo sido um dos principais instrumentos durante o tempo em que ele foi escudeiro das carreiras-solo de Ian Gillan e Bruce Dickinson. É uma Strato dos anos 70, com corpo na cor da madeira e braço com escala de maple. A guitarra foi usada durante a primeira turnê de Janick com o Maiden (No Prayer Tour), e depois guardada.

Stratocaster natural anos 70
Stratocaster natural anos 70

FENDER STRATOCASTER SUNBURST (anos 60)

Esta é uma terceira guitarra, que aparece em situações pontuais durante a turnê Fear Of The Dark, em 1991, permanecendo no setup até o final do ciclo de shows deste disco, que culminou com a saída de Bruce Dickinson. Depois, a guitarra não foi mais usada por um longo tempo, até ressurgir na turnê Final Frontier, usada na música “El Dorado”. Nela, Janick manteve os captadores originais (single-coil).

Stratocaster sunburst anos 60
Stratocaster sunburst anos 60

FENDER STRATOCASTER ‘60s REISSUE

Esta Strato (na cor artic white e com os pickups originais) aparece na fase X Factor, em substituição à Strato sunburst, e continua no setup até os dias de hoje, como uma guitarra secundária. A partir de 1999, a guitarra ganhou pickups Seymour Duncan (JB Jr e Little 59).

Stratocaster 60s Reissue
Stratocaster 60s Reissue

FENDER STRATOCASTERS CUSTOM SHOP (REEDIÇÕES)

Por volta de 2000, Janick recebeu do Custom Shop da Fender, algumas reedições de suas Stratocasters principais: a de 1964 preta e a dos anos 70 creme (com braço dos anos 60). Estas guitarras passaram a ser levadas em turnê, mas Janick gostou tanto delas que também as vem usando em estúdio nos últimos álbuns do Maiden.

Réplica Custom Shop da Strato 1964
Réplica Custom Shop da Strato 1964
Réplica Custom Shop da Strato 70s creme
Réplica Custom Shop da Strato 70s creme

SANDBERG STRATOCASTERS ST-S RELIC

A partir de 2011, Janick passou a usar em turnês pelo menos duas Stratocasters feitas pela marca Sandberg, uma branca e outra sunburst “relic” (termo que indica instrumento novo cosmeticamente envelhecido, imitando marcas de uso). Quanto aos captadores, Janick usou o modelo branco com pickups originais de fábrica. Já a sunburst veio com sua configuração preferida da Seymour Duncan: JB Jr / Hot Rails / Little 59 (com um single coil comum no centro).

Sandberg Stratocasters
Sandberg Stratocasters

EPIPHONE LES PAUL CUSTOM

A maior das curiosidades em termos de “guitarras de Janick Gers” (um aficionado por Stratocasters) surge durante a turnê The Book Of Souls: uma Epiphone Les Paul Custom com 3 captadores (aparentemente os originais). Muitos “entendedores” de guitarras costumam torcer o nariz para versões baratas de instrumentos clássicos, como é o caso das Les Pauls da Epiphone, marca de propriedade do grupo que também é dono da Gibson (portanto, uma cópia autorizada). Mas, de fato, algumas destas guitarras são honestas, e podem virar bons instrumentos depois de algumas peças trocadas e ajustes feitos por um bom luthier. E pelo visto, Janick tem um jeitão de ser alguém que desdenha desses excessos de preciosismo em relação ao “objeto guitarra”, tanto que não se importa em surrar algumas de suas guitarras mais importantes ao vivo. Esta Epiphone normalmente é usada no início do show de The Book Of Souls.

Epiphone Les Paul Custom
Epiphone Les Paul Custom

Comente: Qual a guitarra mais marcante do Iron Maiden?

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

5000 acessosIron Maiden: As guitarras de Dave Murray5000 acessosIron Maiden: As guitarras de Adrian Smith5000 acessosIron Maiden: Os baixos de Steve Harris

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Iron MaidenIron Maiden
Banda anuncia turnê pela Europa em 2018

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Iron Maiden"

Ao vivoAo vivo
Álbuns clássicos que você deveria conhecer

ReligiõesReligiões
As guerras santas abordadas em letras de Heavy Metal

VocalistasVocalistas
Três grandes erros na história de três grandes bandas

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Iron Maiden"


GorgorothGorgoroth
As orientações sexuais e políticas de Gaahl

Vanusa e Black SabbathVanusa e Black Sabbath
A notável coincidência nos riffs

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Jon Bon Jovi muito antes da fama

5000 acessosMayhem: banda levou restos humanos para o palco em 20115000 acessosDeep Purple: Gillan fala sobre Ritchie, Coverdale e Hughes5000 acessosSeparados no nascimento: James Hetfield e Mano Menezes4702 acessosChaves: homenagem rock n' roll para seriado mais amado do Brasil5000 acessosAndre Matos: falando sobre problemas que teve nas cordas vocais5000 acessosGene Simmons: ele e Paul Stanley não dão "uma de Axl Rose" com o outro

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 04 de outubro de 2016


Sobre Marco Pala

Marco Pala, nascido em 1975 na cidade de Monte Alto-SP, é advogado, guitarrista da banda Roy Corroy nas horas vagas e um apreciador do bom e velho rock and roll desde a mais tenra idade.

Mais matérias de Marco Pala no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online