Whiplash.NetMenuBuscaReload

Em 21/01/1984: Bon Jovi lança seu álbum de estreia

 Compartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Paulo Giovanni G. Melo, Fonte: Ultimate Classic Rock, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Analisando como eles dominaram as ondas do rádio e as arenas de shows desde 1984, é fácil esquecer que o BON JOVI passou por períodos difíceis quando lançou seu autointitulado disco de estreia em janeiro do longínquo ano de 1984.

Bon Jovi: iniciando turnê que vai passar pelo BrasilGuitar World: os 100 melhores guitarristas de hard rock

Imagem

Enquanto aspirava a ser uma estrela do Rock, John Francis Bongiovi Jr. pegava pesado no estúdio Power Station em Nova York - seu primo Tony Bongiovi era sócio do local. John tinha muitas cartas de rejeição às suas demos da época, uma delas chamada "Runaway".

Gravada como um single solo em 1982, "Runaway" parecia fadada a desaparecer sem deixar rastros até que venceu surpreendentemente uma competição de uma rádio de New Jersey e se tornou um sucesso regional.

Foi nesse clima que o agora Jon Bon Jovi assinou contrato com a gravadora Mercury, abrindo caminho para a gravação do autointitulado disco em 1983. Mas antes era necessário Bon Jovi montar uma banda própria.

A urgência da situação com certeza explica a miscelânea de músicos que precederam a formação do BON JOVI até sua formação definitiva: o veterano baixista Alec John Such, o baterista Tico Torres, seu amigo de colégio e tecladista David Bryan e o guitarrista Richie Sambora completaram o line up.

Isso também explica a coleção meio irregular de canções que fazem parte do disco, pois foi dado um prazo curto para a banda gravá-lo e ela incluiu algumas faixas "lado B" como "Breakout", "Come Back" e "Get Ready".

Não que o "lado A" fosse muito melhor. Ele tem "Runaway" (que chegou ao TOP 40 dos EUA) e o segundo single "She Don't Know Me" que chegou ao número 48 nas paradas.

Eventualmente, o grupo lançou um ano depois "7800 Fahrenheit", mas foi a partir do multi-platinado de 1986 "Slippery When Wet" que a banda se firmou no cenário mundial.

Resumindo, o primeiro disco do BON JOVI se saiu muito bem levando-se em consideração que era um álbum de estreia. E ninguém pode questionar os resultados a longo prazo, com o BON JOVI se tornando uma das maiores bandas dos anos 80 e depois sobrevivendo à era grunge, que derrubou muitos grupos de sua época.

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

 Compartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Bon Jovi
Iniciando turnê que vai passar pelo Brasil

Rio Rock City: Bon Jovi não faz mais música boa?Bon Jovi: Jon fala ao Fantástico, sobre show no Rock in RioBon Jovi: banda lança vídeo de "God Bless This Mess"Metal Insider: Discos de Rock/Metal mais vendidos nos EUA em 2016Bon Jovi: veja o vídeo de "New Year's Day"Todas as matérias e notícias sobre "Bon Jovi"

Power Ballads
As 10 piores já escritas

Kiss
15 bandas que abriram shows deles e se tornaram famosos

Ícones do rock
Retratados com fitas cassete

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 21 de janeiro de 2015
Post de 21 de janeiro de 2016
Post de 21 de janeiro de 2017

Todas as matérias da seção Fatos ImportantesTodas as matérias sobre "Bon Jovi"

Guitar World
Os 100 melhores guitarristas de hard rock

Raimundos
A história por trás de "Puteiro em João Pessoa"

Roaaaaargh
Michael Jackson, Britney e Oasis em versões Death Metal

Metallica: ouça apenas o baixo de Cliff Burton em clássicosMustaine: "atirador não merecia ouvir Megadeth"Rock Progressivo: as 25 melhores músicas de todos os temposFoo Fighters: os álbuns da banda, do pior para o melhorGuns N' Roses: ausência de Izzy Stradlin não seria apenas por dinheiroMisfits: reunião acontece somente se Glenn Danzig abandonar Satã

Sobre Paulo Giovanni G. Melo

Mineiro de Belo Horizonte. Fã de Hard Rock e Heavy Metal, especialmente a partir dos anos 80, não dispensa um disco ao vivo destes estilos. Entre várias de suas bandas preferidas estão Ratt, Aerosmith, Buckcherry, The Cult, Whitesnake, Whitecross, Guns N´ Roses e Motley Crue.

Mais matérias de Paulo Giovanni G. Melo no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online