Burialkult: um odioso Black Metal calcado nas raízes do estilo

Resenha - Call from Beyond the Grave - Burialkult

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Das profundezas do inferno canadense vem o Burialkult, quarteto formado por Phlegathon (vocal), Cain (guitarra), Funeral Aggressor (baixo) e Krieg (bateria). A banda surgiu em 2011 e se mostra bem prolífica já que lançou uma demo e um EP, além deste primeiro álbum de lá pra cá.
Nirvana: Kurt Cobain leva surra em cima do palco em 1991Drogas e Álcool: protagonistas nos piores shows de grandes astros

O som pode ser classificado como um odioso Black Metal calcado nas raízes do estilo, onde nomes como Venom, Hellhammer e Mayhem podem servir como referência. É interessante notar algumas influências do Metal extremo brasileiro dos anos oitenta, já que há passagens que lembram Sarcófago e Vulcano.

Não espere algo mais ríspido, com guitarras extremamente agudas. O negócio aqui é brutalidade, sujeira e alternância de levadas rápidas com passagens cadenciadas. Riffs odiosos, cozinha reta e vocais insanos (com alguns efeitos) dão conta das composições aqui contidas.

Com temas típicos, que retratam o satanismo, caos e a morte, a banda não inova, mas consegue passar todo seu ódio de uma forma nada suave. Destaque para faixas como Eternal Satan, e sua veia Hellhammer/Celtic Frost, a brutal By Satan Possessed e a suja e desconexa faixa título.

A única ressalva fica por conta da produção abafada, que deixou uns instrumentos lá atrás e deixa o baixo praticamente inaudível em algumas partes. Feita pela própria banda no Cenotaph studios, o trabalho perde nesse quesito. De resto, um bom disco de estreia, indicado às mentes mais extremadas.

http://www.facebook.com/burialkult
http://www.reverbnation.com/burialkult

Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube
Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Burialkult"

Nirvana
Kurt Cobain leva surra em cima do palco em 1991

Drogas e Álcool
Protagonistas nos piores shows de grandes astros

Possessed
"Queríamos ser a banda mais blasfema, satânica, e louca!"

Duff McKagan: as lembranças de quando tocou no Rock In RioBon Jovi: sexo, drogas e... Jon Bon Jovi?Ozzy Osbourne: "Eu nunca demiti Zakk Wylde", diz o madmanBlind Faith e Scorpions: as capas chave-de-cadeiaDio: "Ozzy me odeia quando estou no Sabbath!"Meshuggah: um cover impressionante feito por Leonardo DiCaprio

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online