Tradução - Yield - Pearl Jam

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Alexandre Pimentel e Fernando P. Silva, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

[BRAIN OF J.]
(E. Vedder/M. McCready)

Who's got the brain of JFK?
What's it mean to us now?
Oh, it's sound insurance
But I can tell you, this is no lie

The whole world will be different soon
The whole world will be relieved
The whole world will be different soon
The whole world will be relieved

You, you've been taught
Whipped into shape
Now they got you in line
Stand behind the stripes
There will be order
So give it a good mind

The whole world will be different soon
The whole world will be relieved
The whole world will be different soon
The whole world will be relieved

And by name
The name they gave me
The name I'm letting go

The whole world will be different soon
The whole world will be relieved
The whole world will be different soon
The whole world will be relieved
The whole world will be different soon...soon

[CÉREBRO DE J.]
(E. Vedder/M. McCready)

Quem ficou com o cérebro de JFK?*
O que isso significa pra nós, agora?
Oh, isso soa como seguro
Mas eu posso afirmar, não é nenhuma mentira

O mundo inteiro logo estará diferente
O mundo inteiro estará aliviado
O mundo inteiro logo estará diferente
O mundo inteiro estará aliviado

Você, você foi ensinado
Chicoteado e moldado
Agora eles têm você na linha
Parado atrás das listras
Haverá ordem
Então dê a isto um bom propósito

O mundo inteiro logo estará diferente
O mundo inteiro estará aliviado
O mundo inteiro logo estará diferente
O mundo inteiro estará aliviado

E pelo nome
O nome que eles me deram
O nome que estou abandonando

O mundo inteiro logo será diferente
O mundo inteiro estará aliviado
O mundo inteiro logo será diferente
O mundo inteiro estará aliviado
O mundo inteiro será diferente logo... logo

* JFK = Referência a John Fitzgerald Kennedy (1917-1963), ex-presidente norte-americano assassinado a tiros em sua limusine presidencial, durante um desfile em carro aberto pelas ruas de Dallas em 22 de novembro de 1963.

[FAITHFUL]
(E. Vedder/M. McCready)

Plaque on the wall says that no one's slept here
It's rare to come upon a bridge that has not been
Around or been stepped on
Whatever the notion
We laced in our prayers
The man upstairs
Is used to all of this noise
I'm through with screaming

And echoes nobody hears, it goes, it goes, it goes
Like echoes nobody hears, it goes, it goes like this
We're faithful, we all believe, we all believe it
We're faithful, we all believe, we all believe it
We're faithful, we all believe, we all believe it
We're faithful, we all believe, we all believe it

And echoes nobody hears, it goes, it goes, it goes
And echoes nobody hears, it goes, it goes, it goes
We're faithful, we all believe, we all believe it
We're faithful, we all believe, we all believe it
Were' faithful, we all believe, we all believe it
So faithful, we all believe, we all believe it

M.Y.T.H. is
Belief in the game controls
That keeps us in a box of fear
We never listen
Voice inside so drowned out
Drowned you are, you are
You are a furry thing
And everything is you
Me you, you me, it's all related
What's a boy to do?
Just be darling and I will be too
Faithful to you

[FIEL]
(E. Vedder/M. McCready)

A placa na parede diz que ninguém dormiu aqui
É raro descobrir uma ponte que não estava ali antes
Ou que não tenha sido pisada
Não importa a noção
Estamos atados em nossas orações
O homem no andar de cima
Está acostumado com todo esse barulho
Eu terminarei aos gritos

E ecos que ninguém ouve, vai, vai, vai
Como ecos que ninguém ouve, vai, vai, vai, assim
Somos fiéis, acreditamos, todos nós acreditamos nisto
Somos fiéis, acreditamos, todos nós acreditamos nisto
Somos fiéis, acreditamos, todos nós acreditamos nisto
Somos fiéis, acreditamos, todos nós acreditamos nisto

E ecos que ninguém ouve, vai, vai, vai
Como ecos que ninguém ouve, vai, vai, vai, assim
Somos fiéis, acreditamos, todos nós acreditamos nisto
Somos fiéis, acreditamos, todos nós acreditamos nisto
Somos fiéis, acreditamos, todos nós acreditamos nisto
Tão fiéis, acreditamos, todos nós acreditamos nisto

M.I.T.O. é
Crença nos controles de um jogo
Que nos mantêm numa caixa de medo
Nunca damos atenção à
Voz interna, tão abafada
Abafado você está, você é
Você é uma coisa peluda
E tudo é você
Eu, você, você, eu, está tudo relacionado
O que um menino pode fazer?
Seja gentil e eu serei também
Fiel a você

[NO WAY]
(Stone Gossard)

Here's a token of my openness
Of my need to not disappear
How I'm feeling, so revealing to me
I found my mind too clear

I just need someone to be there for... me
I just want someone to be there for... me

All the static in my attic-a
Shoots down my side nerve
To the ocean of my platitudes
Longitudes, latitudes, it's so absurd

I just need someone to be there for...
I just want someone to be there for...
Someone to be there for...

'Cause I'll stop trying to make a difference
I'm not trying to make a difference
I'll stop trying to make a difference
No way
'Cause I'll stop trying to make a difference
I'm not trying to make a difference
I'll stop trying to make a difference
No way

Ooh... Let's call in an angel
Ooh... Let's call in an angel
Ooh... Let's call in an angel

'Cause I'll stop trying to make a difference
I'm not trying to make a difference
I'll stop trying to make a difference
No way
Cause I'll stop trying to make a difference
I'm not trying to make a difference
I'm not trying to make a difference
No way, no way

Let's call me an angel
Who's calling me an angel?

[DE MODO ALGUM]
(Stone Gossard)

Eis aqui um sinal da minha franqueza
Para minha necessidade não desaparecer
Como estou me sentindo, tão revelador para mim
Eu achei minha mente limpa demais

Eu só preciso de alguém para estar lá para... mim
Eu só quero alguém para estar lá para... mim

Toda a estática em meu sótão
Abate meu nervo lateral
Para o oceano de minhas trivialidades
Longitudes, latitudes, é tão absurdo

Eu só preciso de alguém para estar lá para..
Eu só quero alguém para estar lá para...
Alguém para estar lá para...

Pois eu vou parar de tentar fazer a diferença
Eu não estou tentando fazer a diferença
Eu vou parar de tentar fazer a diferença
De modo algum
Pois eu vou parar de tentar fazer a diferença
Eu não estou tentando fazer a diferença
Eu vou parar de tentar fazer a diferença
De modo algum

Ooh, chamemos um anjo
Ooh, chamemos um anjo
Ooh, chamemos um anjo

Pois eu vou parar de tentar fazer a diferença
Eu não estou tentando fazer a diferença
Eu vou parar de tentar fazer a diferença
De modo algum
Pois eu vou parar de tentar fazer a diferença
Eu não estou tentando fazer a diferença
Eu vou parar de tentar fazer a diferença
De modo algum, de modo algum

Chamemos um anjo
Quem está chamando um anjo?

[GIVEN TO FLY]
(E. Vedder/M. McCready)

He could've tuned in, tuned in
But he tuned out
A bad time, nothing could save him
Alone in a corridor, waiting, locked out
He got up outta there, ran for hundreds of miles
He made it to the ocean, had a smoke in a tree
The wind rose up, set him down on his knee

A wave came crashing like a fist to the jaw
Delivered him wings, 'Hey, look at me now'
Arms wide open with the sea as his floor
Oh, power, oh
He's... flying.....whole

He floated back down
'cause he wanted to share his key
To the locks on the chains he saw everywhere
First he was stripped and then he was stabbed
By faceless men, well, fuckers
He still stands

And he still gives his love, he just gives it away
The love he receives is the love that is saved
And sometimes is seen a strange spot in the sky
A human being that was given to fly

High... flying
Oh, oh
High... flying
Oh, oh
He's flying
Oh, oh

[DETERMINADO A VOAR]
(E. Vedder/M. McCready)

Ele poderia ter sintonizado, sintonizado
Mas ele 'dessintonizou'
Um momento ruim, nada poderia salvá-lo
Abandonado em um corredor, aguardando, trancafiado
Ele levantou-se dali, correu por centenas de milhas
Ele chegou até o oceano, tinha uma fumaça numa árvore
O vento levantou, imobilizando-o de joelhos

Uma onda surgiu quebrando como um murro no queixo
Entregou-lhe as asas, "Ei, olhe para mim agora"
Braços totalmente abertos com o mar como seu chão
Oh, poder, oh
Ele está...voando...inteiro

Ele flutuou de costas para baixo
Pois queria dividir sua chave
Que liberta da escravidão que ele viu por toda parte
Primeiro ele foi despido e depois apunhalado
Por homens descarados, e desgraçados
Ele ainda resiste

E ele ainda dá o seu amor, ele simplesmente o entrega
O amor que ele acolhe, é o amor que está salvo
E às vezes, avista-se um ponto estranho no céu
Um ser humano que está determinado a voar

Alto... voando
Oh, oh
Alto... voando
Oh, oh
Ele está voando
Oh, oh

[WISH LIST]
(Eddie Vedder)

I wish I was a neutron bomb
For once I could go off
I wish I was a sacrifice
But somehow still lived on
I wish I was a sentimental ornament
You hung on the Christmas tree
I wish I was the star that went on top

I wish I was the evidence
I wish I was the grounds
For 50 million hands up-raised
And opened toward the sky

I wish I was a sailor
With someone who waited for me
I wish I was as fortunate
As fortunate as me
I wish I was a messenger
And all the news was good
I wish I was the full moon
Shining off a Camaro's hood

I wish I was an alien
At home behind the sun
I wish I was the souvenir
You kept your house key on
I wish I was the pedal brake
That you depended on
I wish I was the verb to trust
And never let you down

I wish I was a radio song
The one that you turned up...

[LISTA DOS DESEJOS]
(Eddie Vedder)

Eu queria ser uma bomba de nêutron
Pois uma vez eu poderia explodir
Eu queria ser um sacrifício
Mas de algum modo ainda vivo
Eu queria ser um enfeite sentimental
Que você pendurou na árvore de Natal
Eu queria ser a estrela que ficou no alto

Eu queria ser a evidência
Eu queria ser o terreno
Para 50 milhões de mãos levantadas
E abertas para o céu

Eu queria ser um marinheiro
Com alguém que esperou por mim
Eu queria ser como um afortunado
Tão afortunado quanto eu
Eu queria ser um mensageiro
E todas as notícias fossem boas
Eu queria ser a lua cheia
Brilhando sobre o capô de um Camaro

Eu queria ser um alienígena
Em casa atrás do sol
Eu queria ser o souvenir
Que você pendura nas chaves de casa
Eu queria ser o pedal de freio
Que você pisa
Eu queria ser o verbo confiar
E jamais te desapontar

Eu queria ser uma canção do rádio
Essa que você sintonizou...

[PILATE]
(J. Ament)

Talk of circles and punching out
Looking in, drawing circles down
Falling off the south marking ground
Talking out of turn, drawing circles down

Like Pilate, I have a dog
Like Pilate, I have a dog

Walks me out of town
Still one's a crowd
Making angels in the dirt
Looking up, looking all around

Like Pilate, I have a dog
(Obeys, listens, kisses, loves)
Like Pilate, I have a dog
(Obeys, listens, kisses, loves)

Stunned by my own reflection
It's looking back, sees me too clearly
And I swore I'd never go there again
Not unlike a friend that
Politely drags you down, you down

Like Pilate, I have a dog
(Obeys, listens, kisses, loves)
Like Pilate, I have a dog
(Obeys, listens, kisses, loves)

Stunned by my own reflection
It's looking back, sees me too clearly
And I swore I'd never go there again
Not unlike a friend that
Politely drags you down
You down you down you down

[PILATOS]
(J. Ament)

Falo de círculos e perfurações
Olhando, desenhando círculos
Caindo no chão, marcando o solo
Falando fora da vez, desenhando círculos

Como Pilatos, eu tenho um cachorro
Como Pilatos, eu tenho um cachorro

Me conduz para fora da cidade
Ainda, uma pessoa é uma multidão
Fazendo anjos na lama
Observando, olhando tudo em volta

Como Pilatos, eu tenho um cachorro
(Obedece, escuta, beija, ama)
Como Pilatos, eu tenho um cachorro
(Obedece, escuta, beija, ama)

Aturdido por minha própria reflexão
Está olhando para trás, me vê muito claramente
E eu jurei que nunca iria lá novamente
Não diferente de um amigo que
Educadamente o arrasta pra baixo, pra baixo

Como Pilatos, eu tenho um cachorro
(Obedece, escuta, beija, ama)
Como Pilatos, eu tenho um cachorro
(Obedece, escuta, beija, ama)

Aturdido por minha própria reflexão
Está olhando para trás, me vê muito claramente
E eu jurei que nunca iria lá novamente
Não diferente de um amigo que
Educadamente arrasta você para baixo
Você para baixo, você para baixo

* A letra é baseada no romance "O Mestre e Margarida", do escritor russo Mikhail Bulgakov (1891-1940), e refere-se à passagem do livro onde Pilatos vive sozinho numa montanha, apenas com a companhia de seu cachorro.

[DO THE EVOLUTION]
(E. Vedder/S. Gossard)

I'm ahead, I'm a man
I'm the first mammal to wear pants, yeah
I'm at peace with my lust
I can kill 'cause in God I trust, yeah
It's evolution, baby

I'm at peace, I'm the man
Buying stocks on the day of the crash
On the loose, I'm a truck
All the rolling hills, I'll flatten 'em out, yeah
It's herd behavior
It's evolution, baby

Admire me, admire my home
Admire my son, he's my clone
Yeah, yeah, yeah, yeah
This land is mine, this land is free
I'll do what I want but irresponsibly
It's evolution, baby

I'm a thief, I'm a liar
There's my church, I sing in the choir:
Hallelujah, hallelujah

Admire me, admire my home
Admire my son, admire my clones
'Cause we know, appetite for a nightly feast
Those ignorant Indians
Got nothin' on me
Nothin', why?
Because... it's evolution, baby!

I am ahead, I am advanced
I am the first mammal to make plans
I crawled the earth, but now I'm higher
2010, watch it go to fire
It's evolution, baby

Do the evolution
Come on, come on, come on

[FAÇA A EVOLUÇAO]
(E. Vedder/S. Gossard)

Eu estou à frente, eu sou um homem
Eu sou o primeiro mamífero a usar calças, yeah
Eu estou em paz com minha luxúria
Eu posso matar porque em Deus eu confio, yeah
É evolução, baby!!

Eu estou em paz, eu sou o cara
Comprando ações no dia da quebra
Livre, eu sou um caminhão
Todas as colinas rolantes, eu vou aplainá-las, yeah
É comportamento de rebanho
É evolução, baby

Admire-me, admire minha casa
Admire meu filho, ele é meu clone
Yeah, yeah, yeah, yeah
Esta terra é minha, esta terra é livre
Eu farei o que quiser, mas irresponsavelmente
É evolução, baby

Eu sou um ladrão, eu sou um mentiroso
Aqui é minha igreja, eu canto no coro:
Aleluia, aleluia!

Admire-me, admire minha casa
Admire meu filho, admire meus clones
Pois sabemos, apetite para um banquete noturno
Aqueles índios ignorantes
Não conseguiram nada comigo
Nada, por quê?
Porque é a evolução, baby!

Eu estou à frente, eu sou evoluído
Eu sou o primeiro mamífero a fazer planos!
Eu rastejei na terra, agora eu sou mais alto
Dois mil e dez, observe-o ir para o fogo
É evolução, baby

Faça a evolução
Vamos, vamos, vamos..

[UNTITLED (THE COLOR RED)]
(J. Irons)

War all crazy and war.....
War all crazy and war.....
War all crazy and war.......
War all crazy and war......
War all crazy and war......
War all crazy and war......

[SEM TÍTULO (A COR VERMELHA)]
(J. Irons)

Guerra totalmente louca e guerra...
Guerra totalmente louca e guerra...
Guerra totalmente louca e guerra...
Guerra totalmente louca e guerra...
Guerra totalmente louca e guerra...
Guerra totalmente louca e guerra...

[MFC]
(Eddie Vedder)

Sliding... out of reverse into drive
This wheel will be turning right, then straight
Off in the sunset she'll ride
She can remember a time, denied
Stood by side of the road
Spilled like wine, now
She's out on her own and line high

There's no leaving here
Ask, I'm an ear
She's disappeared

They said timing was everything
Made him want to be everywhere
There's a lot to be said for nowhere

There's no leaving here
Ask, I'm an ear
We've disappeared
There's no leaving here
Ask, I'm an ear
Fuck it, we'll disappear

[MFC * ]
(Eddie Vedder)

Deslizando, dando marcha a ré...
Esta roda estará virando à direita, depois indo reto
Ao pôr do sol ela irá passear...
Ela consegue se lembrar de uma época, recusada
Parada à beira da estrada
Derramada feito vinho, agora
Ela está por conta própria e parece bêbada

Não há como sair daqui
Pergunte, eu sou todo ouvidos
Ela desapareceu

Eles disseram que planejar o tempo era tudo
Fê-lo querer estar em todo lugar
Há muito a ser dito sobre lugar algum

Não há como sair daqui
Pergunte, eu sou todo ouvidos
Nós desaparecemos
Não há como sair daqui
Pergunte, eu sou todo ouvidos
Foda-se, nós vamos desaparecer

* MFC é uma abreviação para Mini Fast Car (em português, "mini carro veloz"). Eddie Vedder escreveu esta letra durante uma turnê em Roma, admirado pelo tamanho compacto dos carros europeus e sua boa velocidade.

[LOWLIGHT]
(J. Ament)

Clouds roll by
Reeling is what they say
Or is it just my way?
Wind blows by
Low light
Sidetracked, low light
Can't see my tracks
Your scent-way back

Can I be here all alone?
Clear a path to my home
Blood runs dry
Books and jealousy tell me wrong
All I feel, calm
Voice rolls by
Low light
Car crash, low light
Can't wear my mask
Your first, my last

Voice goes by
Two birds is what they'll see
Getting lost upon their way
Wind rolls by
Low light
Eye sight, low light
I need the light
I'll find my way from wrong
What's real?
Your dream I see

[LUZ FRACA * ]
(J. Ament)

As nuvens rolam
Cambaleando, é o que dizem
Ou é apenas o meu caminho?
O vento sopra
Luz fraca
Desviado, luz fraca
Não consigo ver meus rastros
Seu perfume distante

Eu posso ficar aqui sozinho?
Limpo o caminho para minha casa
Sangue corre seco
Livros e inveja me ensinam errado
Tudo eu sinto, calma
A voz ressoa
Luz fraca
Batida de carro, luz fraca
Não posso usar minha máscara
Seu princípio, meu fim

A voz passa
Dois pássaros é o que eles irão ver
Perdendo-se em seu caminho
O vento passa
Luz fraca
Visão, luz fraca
Eu preciso de luz
Eu corrigirei o meu caminho
O que é real?
Seu sonho eu enxergo

* Low light (na tradução literal, "luz baixa" ou "luz fraca"), é uma expressão que denota a parte chata ou o momento menos interessante de um evento ou de uma apresentação, em oposição ao "highlight" (luz alta), isto é, o ponto alto do espetáculo.

[IN HIDING]
(E. Vedder / S. Gossard)

I shut and locked the front door
No way in or out
I turned and walked the hallway
And pulled the curtains down
I knelt and emptied the mouth
Of every club around
But nothing's sound, nothing's sound

I'd stay but my last cab left me
Ignored all my rounds
Soon I was seeing visions
And cracks along the walls
They were upside down

I swallow my words to keep from lying
I swallow my face just to keep from biting, I, I
I swallowed my breath and went deep
I was diving, diving
I surfaced and all around me was enlightened

I'm in hiding
I'm in hiding
I'm in hiding
I'm in hiding

It's been about three days now
Since I've been aground
No longer overwhelmed
And it seems so simple now
It's funny when things change so much
It's all state of mind

I swallowed my words to keep from lying
I swallowed my face just to keep from biting I, I...
I swallowed my breath and went deep
I was diving, I was diving
I surfaced and all around me was enlightened
Now I'm in hiding
I'm in hiding
I'm in hiding
I'm in hiding

I'm in hiding
I'm in hiding
I'm in hiding
I'm in hiding

[ESCONDIDO]
(E. Vedder / S. Gossard)

Eu fecho e tranco a porta da frente
Nenhuma entrada ou saída
Eu virei e andei até o corredor
E abaixei as cortinas
Ajoelhei-me e esvaziei a boca
De cada clube ao redor
Mas nada é perfeito, nada é perfeito

Eu ficaria, mas meu último táxi abandonou-me
Ignorei toda minha rotina
Logo eu estava tendo visões
E rachaduras na parede
Elas estavam de cabeça pra baixo

Engulo minhas palavras para evitar a mentira
Engulo meu rosto para evitar de morder, eu, eu
Eu segurei minha respiração e fui fundo
Eu estava mergulhando, mergulhando
Vim à tona quando tudo ao meu redor estava iluminado

Estou escondido
Estou escondido
Estou escondido
Estou escondido

Já fazia aproximadamente três dias
Que eu estava encalhado
Não mais oprimido
E parece tão simples agora
É engraçado quando as coisas mudam tanto
É tudo um estado de espírito

Engoli minhas palavras para evitar a mentira
Engoli meu rosto para evitar de morder, eu, eu
Segurei minha respiração e fui fundo
Eu estava mergulhando, mergulhando
Vim à tona quando tudo ao meu redor estava iluminado
Agora estou escondido
Estou escondido
Estou escondido
Estou escondido

Estou escondido
Estou escondido
Estou escondido
Estou escondido

[PUSH ME, PULL ME]
(E. Vedder/J. Ament)

I had a false belief
I thought I came here to stay
We're all just visiting
All just breaking like waves
The oceans made me
But who came up with love?
Push me, pull me, push me
But pull me out

So if there were no angels
Would there be no sin?
You better stop me before I begin
But let me say:
If I behave, can you arrange
A spacious hole in the ground?
Somewhere nice, make it nice
Where the land meets my pride
Push me, pull me, or pull me out

Like a cloud dropping rain
I'm discarding all thought
I'll dry up leaving puddles on the ground
I'm like an opening band for the sun
Push me, pull me, or just pull me out out out
I've had enough, said enough, felt enough
I'm fine.

[EMPURRE-ME, PUXE-ME]
(E. Vedder/J. Ament)

Tive uma falsa opinião
Eu achei que vim aqui para ficar
Todos nós estamos apenas visitando
Todos simplesmente quebrando como ondas
Os oceanos me fizeram
Mas quem surgiu com o amor?
Empurre-me, puxe-me, empurre-me
Mas arranque-me

Então, se não existissem anjos
Não existiria pecado?
Melhor parar-me antes que eu comece
Mas deixe-me dizer:
Se eu me comportar, você consegue arranjar
Um buraco espaçoso no chão?
Algum lugar agradável, torne-o agradável
Onde a terra encontra meu orgulho
Empurre-me, puxe-me, ou arranque-me

Como uma nuvem escoando chuva
Eu estou descartando todos os pensamentos
Secarei deixando poças no chão
Sou semelhante a uma fenda aberta para o sol
Empurre-me, puxe-me, ou apenas arranque-me
Já tive o bastante, disse o bastante, senti o bastante
Eu estou bem.

[ALL THOSE YESTERDAYS]
(Stone Gossard)

Don't you think you oughtta rest?
Don't you think you oughtta lay you head down?
Don't you think you want to sleep?
Don't you think you oughtta lay your head down
Tonight?

Don't you think you've done enough?
Oh, don't you think you've got enough?
You don't think there's time to stop
There's time enough for you
To lay your head down tonight

Let it wash away
All those yesterdays

What are you running from?
Taking pills to get along
Creating walls to call your own
So no one catches you?
Drifting off and doing all the things...
That we... all do

Let them wash away
All those yesterdays
All those yesterdays
All those paper plates
All those yesterdays

You've got time, you've got time to escape
There's still time, it's no crime to escape
It's no crime to escape
it's no crime to escape
There's still time, so escape
It's no crime, crime

All those yesterdays
All those yesterdays
All those yesterdays
All those yesterdays
All those yesterdays

[TODOS ESSES ONTENS]
(Stone Gossard)

Você não acha que deveria descansar?
Você não acha que deveria repousar sua cabeça?
Você não acha que quer dormir?
Você não acha que deveria repousar a cabeça
Esta noite?

Você não acha que já fez o bastante?
Oh, você não acha que você já tem o bastante?
Você não acha que está na hora de parar?
Há tempo o bastante para você
Descansar sua cabeça esta noite

Deixe isso dissipar
Todos esses ontens

Do que você está fugindo?
Tomando pílulas para se dar bem
Criando paredes para chamá-las de suas
Assim ninguém te pega?
Saindo do curso e fazendo todas as coisas
Que todos nós fazemos

Deixe-os dissipar
Todos esses ontens
Todos esses ontens
Todos esses pratos de papéis
Todos esses ontens

Você tem tempo, você tem tempo pra fugir
Ainda há tempo, não é nenhum crime fugir
Não é nenhum crime fugir
Não é nenhum crime fugir
Ainda há tempo, então fuja
Não é nenhum crime, crime

Todos esses ontens
Todos esses ontens
Todos esses ontens
Todos esses ontens
Todos esses ontens

PEARL JAM:
Eddie Vedder - vocal
Mike McCready - guitarra
Stone Gossard - guitarra
Jeff Ament - baixo
Jack Irons - bateria




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Álbuns TraduzidosTodas as matérias sobre "Pearl Jam"


Eddie Vedder: realizando shows beneficentes em Las Vegas e Los AngelesPearl Jam: resenha do álbum "Lost Dogs" pelos membros da banda - Disco 1Red Hot Chili Peppers: tocando Prince e Hendrix com Eddie Vedder; assista

Pearl Jam: funcionário posta foto e afirma que grupo está gravando novo discoPearl Jam
Funcionário posta foto e afirma que grupo está gravando novo disco

Pearl Jam: Fã escolhe o disco mais e menos preferido no Reddit do grupoPearl Jam: MTV Unplugged será lançado em vinil pela primeira vezPearl Jam: As Top 10 performances de Matt Cameron

Pearl Jam: novo álbum e turnê podem ser anunciados nesta semana, diz rumorPearl Jam
Novo álbum e turnê podem ser anunciados nesta semana, diz rumor

Eddie Vedder: citando Kurt Cobain e Chris Cornell em apresentação soloEddie Vedder
Citando Kurt Cobain e Chris Cornell em apresentação solo

Mike McCready: Fiquei assustado quando tive que cantar na frente de Eddie VedderMike McCready
"Fiquei assustado quando tive que cantar na frente de Eddie Vedder"

Mad Season: Foi profundo e sombrio por causa de Layne StaleyMad Season
"Foi profundo e sombrio por causa de Layne Staley"

Pearl Jam: Depois das brigas, as chaves foram o compromisso e o respeitoPearl Jam
"Depois das brigas, as chaves foram o compromisso e o respeito"

Pearl Jam: "Não tenho nada a falar sobre um novo álbum", diz Mike McCreadyThe Cars: Red Hot Chili Peppers e Eddie Vedder fazem homenagem a Ric Ocasek

The Who e Pearl Jam: as duas músicas que Vedder agradece a Pete TownshendThe Who e Pearl Jam
As duas músicas que Vedder agradece a Pete Townshend

Rolling Stone: os 100 melhores álbuns dos anos 90Rolling Stone
Os 100 melhores álbuns dos anos 90

Pearl Jam: homem acaba preso após pedir ajuda para convencer mulher a voltarPearl Jam
Homem acaba preso após pedir ajuda para convencer mulher a voltar

Pearl Jam: Eddie Vedder conta sobre o salto para a plateia no Pinkpop de 1992Pearl Jam
Eddie Vedder conta sobre o salto para a plateia no Pinkpop de 1992


Lista: as dez melhores músicas para se ouvir na estradaLista
As dez melhores músicas para se ouvir na estrada

Rock Progressivo: as 25 melhores músicas de todos os temposRock Progressivo
As 25 melhores músicas de todos os tempos

Filmes sobre rock: A história do gênero no cinemaFilmes sobre rock
A história do gênero no cinema

Kiss: Rock and roll é um trabalho para otários!Kiss
"Rock and roll é um trabalho para otários!"

Musculação: os músicos mais bombados do heavy metalMusculação
Os músicos mais bombados do heavy metal

Beatles: tocando Stairway To Heaven no YouTube?Beatles
Tocando "Stairway To Heaven" no YouTube?

Black Sabbath: fim da banda deve ser celebrado como uma festaBlack Sabbath
Fim da banda deve ser celebrado como uma festa


Sobre Alexandre Pimentel

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Sobre Fernando P. Silva

Fernando Silva é membro do Whiplash! e responsável pela seção de traduções. Colaborando com o site há mais de 5 anos, é quem organiza e revisa todas as traduções que são publicadas nesta seção, contando também com o auxílio de amigos e colaboradores do site. Eclético, curte desde o blues e um bom rock n' roll até o melhor do hard e do heavy, sendo o Metallica (até a eternidade) sua banda preferida. Correções de material postado anteriormente, críticas ou sugestões para novas traduções podem ser feitas através do contato direto com o autor.

Mais matérias de Fernando P. Silva no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336