Matérias Mais Lidas

imagemBill Hudson diz que tatuagem pode ter sido entrave para entrar no Megadeth

imagemMarcos Mion conta história de encontro (e manjada) com Bon Jovi no banheiro

imagemQuando Angus Young, do AC/DC, detonou o Led Zeppelin e os Rolling Stones

imagemO que mais impede Kiko Loureiro de voltar ao Angra? (Não tem nada a ver com o Megadeth)

imagemBeatles: Paul McCartney conta a história por trás de "Ob-La-Di, Ob-La-Da"

imagemEdgard Scandurra, do Ira!, explica atual sumiço do rock nas rádios brasileiras

imagemPhil Campbell conta como era fácil "comprar" Lemmy pra fazer qualquer coisa

imagemRage Against The Machine vem ao Brasil em dezembro, diz José Noberto Flesch

imagemApós viralizar com anúncio, Harppia revela identidade do novo baixista

imagemAutor de "God Save The Queen", Johnny Rotten diz que sente orgulho da Rainha Elizabeth

imagemA curiosa opinião de Ozzy sobre cover do Metallica para "Sabbra Cadabra"

imagemJimmy Page dá opinião sobre streaming e enaltece desconhecido herói dos músicos

imagemBruce Dickinson diz o que o surpreendeu quando retornou ao Iron Maiden

imagemKiko Loureiro explica por que acha uma merda seu solo de guitarra em "Rebirth"

imagemChad Smith chama matéria sobre Taylor Hawkins de "sensacionalista e enganosa"


PRB

Higher: A estreia ao vivo da banda em Campinas

Resenha - Higher (Auditório EM&T, Campinas, 15/11/2014)

Por Marcelo Ferraresso
Em 30/11/14

Do lado de fora, noite fria de sábado em Campinas - fato raríssimo esses dias na região. Nada que tirasse o clima de ansiedade e empolgação de todos os presentes na EM&T (Escola de Música e Tecnologia) da cidade; o HIGHER faria finalmente sua estréia nos palcos, prometendo tocar na íntegra seu debut auto-intitulado lançado em agosto. E toda essa expectativa, se justifica exatamente pela qualidade do lançamento em questão; fugindo de rótulos, o HIGHER oferece música de alto nível técnico, bom gosto e o principal: Sem nunca soar maçante ou exibicionista.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ao som de "Arise and Purify" do último álbum do Sanctuary, o público foi adentrando e abarrotando o auditório reservado para a apresentação, que vale a pena ressaltar, foi oferecida pela banda gratuitamente.

O apreço para com os detalhes, se fez notável desde a confecção de ingressos (que nesse caso eram convites) numerados, logotipados e que destacavam o "show número 1", até a produção de palco (que veríamos em poucos minutos): o grande "H" ornamentado pairava de ambos os lados, recebendo iluminação precisa e profissional.

Após a introdução, abriram-se as cortinas: Cezar Girardi (vocal), Gustavo Scaranelo (guitarra), Felipe Martins (guitarra, aluno de Gustavo e recém incorporado ao time), Andrés Zúñiga (baixo) e Pedro Rezende (bateria) despejaram a lapada "Lie" pra cima do entusiasmado público. A qualidade do som se mostrou impecável desde o começo, e como já dito anteriormente, da iluminação à parte "gráfica", a tônica era de capricho e profissionalismo.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Sem mais delongas, emendaram com "Keep Me High" e seu começo melódico (evidenciando a fantástica sonoridade da Schecter 7 cordas de Gustavo) e a complexa cozinha comandada por Andrés e Pedro - para quem gosta de ritmos quebrados e "contratempados", essa faixa já destaca essa característica marcante da banda.

O set continuou com "Illusion", que colocou Cezar para brilhar com uma performance inspirada, e mais um solo belíssimo de Gustavo, sempre amparado pelo competente Felipe Martins e sua Jackson (também de 7 cordas) fazendo a base.

"Climb the Hill", faixa assinada por Daniel Scaranelo (irmão de Gustavo, que foi devidamente identificado na platéia e homenageado pela banda), cadenciou a apresentação com suas variações rítmicas interessantíssimas e seguiu com a também cadenciada "Make it Worth", quando o primeiro (e único) susto da noite aconteceu: queda de energia. Um curto momento de silêncio, respirações profundas feitas tanto por banda quanto platéia e tudo voltou ao normal. O clima era leve, a platéia já estava ganha. Como dizem os falantes de língua inglesa: "no harm done".

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Após algumas risadas sobre o fato recém ocorrido, a balada "Break the Wall" veio com sua temática mais séria e intimista; as letras abordam a indiferença da sociedade moderna frente às agruras dos mais necessitados - sublinhando mais uma característica do HIGHER, que é de levar a parte lírica para longe dos lugares comuns do Metal. O clima de "mudança" continuou na "Time to Change", sua base pesada, direta e acompanhada da cozinha cheia de nuances de Pedro e Andrés.

Pausa para mais momentos de descontração entre banda e platéia, agradecimentos, sorteio de CD’s e o cover de "Under Fire" do Heaven’s Gate - uma das influências nítidas do HIGHER, que foi entregue como um extra para os presentes.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

"Like the Wind", com sua letra reflexiva e espiritualista, trouxe de novo as mudanças rítmicas e solo do baixista Andrés Zuñiga, que teve seu momento para também brilhar individualmente.

Chegando ao fim, uma das pérolas da banda: "The Sign". Faixa direta, refrão fortíssimo, vocal na cara e um solo avassalador de Gustavo Scaranelo pra fechar a noite com chave de ouro.

E o saldo da primeira apresentação ao vivo? Altamente positivo. O HIGHER mostra que ignora qualquer tipo de pretensões mercadológicas inócuas e nos oferece música de qualidade, honesta e com personalidade. Prog, power, heavy, jazz (sim, tem também e está no DNA desses caras) se mesclam e geram algo "inrotulável". Se você ainda acha que grandes músicos e bandas moram apenas no exterior, aqui está sua chance de repensar: Tem banda brasileira voando baixo e essa é uma delas.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Keep ‘em HIGH!

Set list:
Lie 

Keep me High

Illusion 

Climb the Hill 

Make it Worth

Break the wall 

Time to Change 

Under fire (Heaven's Gate) 

Like the Wind 

The Sign

Mais Informações:
http://www.higherband.com
http://www.facebook.com/highermetal
http://www.twitter.com/highermetal
http://www.soundclound.com/highermetal
http://www.youtube.com/highermetalband

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Informações para a Imprensa:
Eliton Tomasi - SOM DO DARMA
[email protected]
http://www.somdodarma.com.br
(15) 3211-1621

Galeria completa de fotos neste link.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Marcelo Ferraresso

Do Blues norte-americano, passando pelo Jazz Fusion, Rock Progressivo e chegando até o Metal Extremo, acredita que a música possui apenas dois rótulos importantes: boa e ruim.

Mais matérias de Marcelo Ferraresso.